Vereador que deveria estar preso faz tumulto e tenta assumir no “grito” presidência de Câmara no interior

O vereador do município de São João do Caru, Natanael Silva e Silva, acusado de afanar dinheiro público da Câmara de vereadores, por meio de transferência sem licitação para conta de uma empresa, resolveu “tomar” a presidência da Câmara na base da força. 

 Durante a sessão do legislativo, na manhã desta quinta (16) o vereador, cumprindo decisão do prefeito que se intitula “protegido” do judiciário, Xixico Vieira, resolveu ler um decreto onde pedia o afastamento do atual presidente da Câmara de São João do Caru, nesse intervalo, uma decisão proferida pelo juiz da comarca de Bom Jardim, impedia que o vereador levasse o afastamento do presidente á frente, Natanael, advertido por advogados e vereadores, que qualquer ato de desobediência diante da ordem judicial, seria crime e que o mesmo poderia ser preso em flagrante pelo crime de desobediência, não exitou e continuou lendo o que seria um decreto que afastava o presidente da casa, para não seguir adiante com a trama montado, foi preciso intervenção de terceiros. 

O vereador Natanael, deve ser investigado pelo Ministério Público, e responder pelo ato de improbidade administrativa, por fazer utilização de recursos públicos sem licitação. Pelo crime de desobediência o vereador deveria ser preso.

No mais, prevaleceu a decisão da justiça, tornando a tentativa de Natanael, em tomar o poder, sem validade.

Justiça quer continuidade de processos de cassação de vereadores em Igarapé do Meio

Na última sexta feira (15), foi proferida decisão liminar em favor do Presidente da Câmara de Igarapé do Meio, José Benedito Mendes Santos.

A desembargadora Anildes Cruz autorizou ao Presidente, Zeca do São Benedito, a dar continuidade aos processos administrativos que apuram faltas injustificadas dos vereadores Givanildo de Freitas, Odeanna Melo e Rosenilde Pereira, nas sessões legislativas do ano de 2018.

A decisão da desembargadora entendeu que o presidente Zeca do São Benedito agiu dentro da lei ao dar continuidade aos processos administrativos e com isso marcar audiência para ouvir o depoimento das testemunhas apresentadas pelos três vereadores investigados.

Diante desta decisão, o presidente da câmara de Igarapé do Meio deve retomar o quanto antes o andamento dos processos e ao final decidir sobre a situação dos vereadores que faltaram inúmeras sessões e acabaram prejudicando, e até mesmo impedindo, o regular funcionamento da Câmara Municipal, causando sérios prejuízos aos interesses do município e da população.

Nova direção da Câmara de Grajaú reforça parceria com governo do estado e deputado Othelino

Em São Luís, a nova diretoria da Câmara municipal de Grajaú acompanhados da líder política Simone Limeira , visitaram o Palácio dos Leões, na oportunidade foram recebidos pelo secretário de articulação política do estado Márcio Jerry. 

O grupo de vereadores também esteve com o presidente da Assembleia legislativa do estado, Othelino Neto , na ocasião reforçaram os compromissos de campanha , fazendo um compromisso de trabalho em parceria com o Governo do estado para juntos realizarem as ações do governo Flávio Dino no próximo mandato.  

 É importante ressaltar que nos dois encontros esteve em pauta melhorias coletivas para o município de Grajaú, os vereadores que compõe a nova direção da Câmara municipal fazem oposição ao prefeito Mercial Arruda. 

Em uma rápida conversa com o blog a líder política Simone Limeira garantiu que a parceria dos legisladores com o executivo estadual é importante:  “ O povo de Grajaú que sonha com dias melhores, pode ter certeza que essa parceria é para o bem comum de toda nossa população, estamos certos que a união faz a força e juntos trilharemos o caminho do desenvolvimento em nosso município.” Encerrou Simone.

Vereadoras de Igarapé do Meio perdem mandatos por receberem sem trabalhar

Segundo denúncia acolhida pelo presidente da Câmara de Vereadores de Igarapé do Meio, José Benedito Mendes Santos o “Zeca do São Benedito”, as vereadoras de Igarapé do Meio, Odeanna Layser Melo e Rosenilde Vieira, tiveram seus mandatos extintos pela Câmara Municipal nesta última sexta-feira(14), pelo não comparecimento de 1/3 das sessões legislativas durante o ano de 2018.

O Decreto-lei 201/67, da Lei Orgânica do Município e o regimento interno da Casa Legislativa deixa claro que: perde o mandato o vereador que foi desidioso com a coisa pública. 

Segundo o Presidente da casa, Zeca do São Benedito, “não se pode tolerar que o povo pague aos vereadores os seus salários e estes não compareçam para trabalhar” ele afirmou ainda que muitas sessões não ocorreram devido à ausência das vereadoras, muitos projetos deixaram de ser votados por conta disso.

“Eu fiz aquilo que a lei determina, após questionamentos dos suplentes, e se eu assim não procedesse estaria cometendo uma improbidade e poderia também ser responsabilizado”, concluiu o Presidente Zeca do São Benedito.

Na última sessão deste ano, ocorrida na data de hoje, já tendo sido publicado no Diário Oficial do Município a perda do mandato das vereadoras, foi dado posse a Dimas de Souza de Lima, que deixou de ser suplente vereador e se tornou vereador titular. O segundo suplente Jose do Carmo, o Professor Zezé, deverá tomar posse nos próximos dias.

Levantamento aponta que Câmara de vereadores de Zé Doca está irregular com o TCE-MA

A Lei Complementar nº 131/09 estabelece obrigatoriedade a todos os entes federativos da divulgação, em tempo real, de informações pormenorizadas sobre a execução orçamentária e financeira, em meios eletrônicos de acesso público, determinando, ainda, a adoção de sistema integrado de administração financeira e controle. O Decreto nº 7.185/2010 regulamenta esse sistema, definindo o padrão mínimo de qualidade. Compete aos tribunais de contas a fiscalização dessa exigência legal.

No âmbito do Tribunal de Contas do Estado do Maranhão, a fiscalização do Portal da Transparência tem sido realizada durante o acompanhamento da gestão fiscal e na análise das contas anuais de governo.

Buscando dar maior efetividade ao acompanhamento da transparência e contribuir com o controle social, o TCE/MA está divulgando os resultados obtidos na consulta aos sítios eletrônicos dos seus jurisdicionados. Inicialmente, a avaliação será realizada a cada trimestre.

De acordo com levantamento feito pelo blog do Werbeth Saraiva junto ao TCE MA, algumas câmaras municipais da região do Alto Turi Maranhense ainda desrespeitam a lei Complementar nº 131/09 não divulgando em tempo real, de informações pormenorizadas sobre a execução orçamentária e financeira, em meios eletrônicos de acesso públicos. Entre as casas legislativas municipais que foi verificado  irregularidades, a câmara municipal de  Zé Doca é um dos exemplos, o blog deve citar mais municípios com câmaras municipais irregulares junto ao TCE  em uma próxima reportagem com base em novo levantamento.

“Meia Dúzia” de vereadores Zedoquenses se reúnem com o “sumido” Neto Evangelista em restaurante de luxo da capital…

Meia dúzia(6)de vereadores Zedoquenses, resolveram sair da cidade de onde possuem mandatos para desfrutar a bela noite ludovicense ao lado do deputado estadual Neto Evangelista, Neto que é conhecido em Zé Doca somente nesse período de pré campanha,  a quem diga que no “agradabilíssimo” jantar ficou acertado uma “costura” eleitoral para o ano, a meia dúzia de vereadores serão apoiadores de Neto nas eleições deste ano, após a foto dos vereadores; Fábio capixaba, Alcobaça, Pavão, Luís do G grande, Raimundo do sindicato e Marcos Paulo, repercutir em mídias sociais de Zé Doca, uma pergunta paira no ar. Porque os vereadores e o deputado não se reuniram em Zé Doca ? Medo do povo ?

“O jantar foi regado a whisky importado e muita picanha Argentina.”

Quem pode,pode!