Servidores da SEDUC são investigados por furtos de produtos da secretaria

O Departamento de Investigação de Crimes Funcionais da Superintendência Estadual de Prevenção e Combate à Corrupção (Seccor) está investigando sete pessoas, sendo dois funcionários públicos e cinco terceirizados da Secretaria de Estado da Educação (Seduc), que fica no bairro do Turu, em São Luís. Ele são suspeitos de furto de produtos do local.

De acordo com a polícia, os furtos aconteceram no fim de 2018 e início de 2019, e foram furtados 247 televisores de 42 polegadas, 14 aparelhos de ar condicionados e 22 projetores do almoxarifado da Seduc.

Na casa de um dos terceirizados investigados, que mora no bairro do Anil, a Polícia conseguiu recuperar duas TVs roubadas. Ele trabalhava na Seduc fazendo carregamento e descarregamento de mercadorias.

Até o momento ninguém foi preso, mas a Polícia Civil continua investigando o caso, na tentativa de localizar os outros objetos furtados e de indiciar os investigados.

Homem acusado de homicídio e tráfico de drogas é preso novamente em São José de Ribamar

Daniel Santos Marques, de 24 anos, foi preso em flagrante pela Polícia Civil, nesta quarta-feira (19) no bairro J. Câmara, em São José de Ribamar.

No momento da prisão, o indivíduo foi encontrado com uma quantidade de maconha e um pássaro silvestre. De acordo com a polícia, Daniel já foi condenado e responde a processos por tráfico de drogas, associação criminosa, receptação e homicídio doloso.

Desta vez, Daniel e outros comparsas renderam várias pessoas dentro de uma escola e roubaram celulares, documentos pessoais, cartões de crédito, R$ 3 mil e um carro.

Após o crime, a polícia localizou o grupo que foi conduzido à delegacia, eles negaram a autoria do crime, mas foram reconhecidos pelas vítimas.

Manisfestantes voltam às ruas para combater o aumento do preço nas passagem do transporte público na capital

No inicio da manhã desta quarta-feira (19), os usuários do transporte público da capital realizaram na avenida dos Portugueses mais uma manifestação contra o aumento da passagem de ônibus da capital e Região Metropolitana.

Esse é o segundo registro de manifestações depois que a prefeitura anunciou o aumento nos preços da passagem. Na tarde de ontem (18), estudantes realizaram um protesto pelo mesmo motivo, na avenida Beira-Mar.

O valor da tarifa nas linhas de ônibus não integradas passou de R$ 2,95 para R$ 3,20, enquanto as linhas integradas, com passagem a R$ 3,40, subiram para R$ 3,70.

Os manisfestantes reclamam que os valores não são compatíveis com qualidade dos serviços prestados pelas empresas de transporte público na capital.

Urgente: Alunos do CEUMA realizam manifestação neste exato momento dentro da instituição

Alunos da Universidade CEUMA estão realizando neste exato momento uma manifestação contra a direção da instituição. Com cartazes e gritos de protestos, eles exigem que sejam ouvidos e que suas reivindicações sejam atendidas.

De acordo com informações, os estudantes estão insatisfeitos com a mudança na metodologia de ensino, e com a decisão de excluir algumas disciplinas da grade curricular sem nenhum tipo de aviso prévio ou consulta aos alunos.

Entre as principais reivindicações dos alunos, também está a readmissão dos professores que, segundo eles, foram perseguidos e demitidos no final do ano passado. Neste momento, os alunos estão reunidos no Auditório Expedito Bacelar com alguns representantes da instituição.

Constantes atos de racismo cometidos pelo restaurante Flor de Vinagreira precisam ser investigados pelo Ministério Público

Neste final de semana foi registrado mais um dos diversos casos e relatos de práticas racistas cometidas pelo restaurante Flor de Vinagreira, localizado no Centro Histórico de São Luís.

Dessa vez, a vítima foi uma mulher identificada como Carla Coreira, que usou uma rede social para denunciar o caso. De acordo com a vítima, ela foi barrada por um segurança do estabelecimento, quando se aproximava para cumprimentar uns amigos brancos que estavam sentados em uma das mesas do restaurante, que fica em uma calçada do Reviver.

Ao ver a situação, o segurança teria ido até a mesa perguntar se Carla estaria incomodando os clientes. Essa não é a primeira e, talvez nem a última vez, que o restaurante é acusado de racismo.

Em dezembro do ano passado, um jovem negro identificado como Guilherme também foi vítima de racismo por um segurança do Flor de Vinagreira. De acordo com Guilherme, o caso aconteceu quando o mesmo iria entrar no estabelecimento e um segurança impôs a mão na porta que estava livre e perguntou: “para onde você vai?”, bloqueando apenas a passagem dele e não de outros clientes.

Guilherme atribui o fato à cor de sua pele e por estar de chinelo e moletom enquanto outros clientes brancos também “desarrumados” não foram barrados.

Ainda segundo Guilherme, na sua saída do restaurante ele teria pedido mais respeito por parte do segurança, e o mesmo sorriu com desdém. Um outro segurança do estabelecimento ainda se aproximou para intimidá-lo.

Como se não bastasse os proprietários do restaurante, de maneira ridícula e com discursos fracos, feitos e repetitivos, constantemente entram nas suas redes sociais para prestarem esclarecimentos negando as atitudes dos seus funcionários.

O restaurante que é do empresário e presidente do Sindicatos dos Bares e Restaurantes Francisco Neto, é muito frequentado por turistas que visitam a cidade.

Por meio de indicação da deputada estadual Detinha, Maranhãozinho ganha escola estadual reformada e equipada

A deputada estadual Detinha (PL), esteve na manhã de hoje (15), em Maranhãozinho, aonde ao lado do subsecretário de educação do estado Danilo Moreira, prefeito de Maranhãozinho Auricélio, gestor da URE Ezequiel , prefeito de Centro do Guilherme Zé de Dário e a filha do senhor Elias das Chagas Bitencourt, patrono que leva o nome da escola, entregou as novas instalações do complexo escolar, que antes não oferecia as mínimas condições para o processo ensino/aprendizagem.

Hoje a escola esta completamente reformada e equipada, pronta para atender os alunos com conforto e qualidade.

A indicação 172/2019 da parlamentar, vem atender um sonho antigo dos alunos, pois a escola agora deixa de ser anexo de Presidente Médici e passa a ser polo. A deputada agradeceu ao governador Flávio Dino e ao secretário de estado da educação Felipe Camarão.

Timbiras: Professores entram em greve por reajuste salarial

Os professores da rede municipal da cidade de Timbiras decidiram cruzar os braços nesta sexta-feira.

De acordo com informações, eles reivindicam reajuste salarial e melhorias nas condições de trabalho. De acordo com a Diretoria do SINPROESEMMA, os professores não aceitarão as imposições determinadas pela prefeitura e que diante dos seus direitos perante a democracia, irão lutar até o final por uma resposta.

Os professores também exigem que haja um diálogo entre eles e a prefeitura, e que seja explicado o porque do não cumprimento do reajuste.

Uma manifestação está ocorrendo no prédio da APEMT e, segundo eles, deve continuar durante todo o dia.

Magno Melo mostra força e emplaca Natanael como próximo secretário de educação de Tuntum

Após o lançamento da pré-candidatura de Magno Melo a vereador a disputa pela Secretaria de Educação de Tuntum pegou fogo, com vários “colarinhos brancos” querendo emplacar O de sua preferência.

O Cícero Cunha assessor especial e primo do Tema Cunha quer que o prefeito coloque sua esposa Silvia Cunha. Já o irmão do prefeito quer a volta do ex-secretário Antônio dos Reis, o vereador Nonatinho e o articulador Dora prefere o Pires Leda. A toda poderosa primeira dama e deputada Daniella quer o professor Anderson Coelho para satisfazer o vereador Everaldo cunhado do mesmo.

Porém quem está mostrando força mesmo é o atual secretário Magno Melo que exigiu que seu assessor, o jovem Natanael assuma a Secretaria e por visto vai conseguir.

Segundo informações o secretário Magno Melo teve uma áspera discussão com o prefeito Tema Cunha e a deputada Daniella, que não aceitaram Natanael, porém após o secretário jogar as cartas na mesa o casal mais “poderoso” de Tuntum foi obrigado a aceitar.

Desta forma Natanael deverá mesmo ser o próximo secretário Municipal de Educação.

Codó: professores rejeitam proposta da secretaria de educação e pedem o início das aulas

Um imbróglio envolvendo os professores da rede pública municipal e a secretaria de educação de Codó, está retardando o inicio do ano letivo nas escolas do município.

Na manhã de ontem (10), os professores realizaram no SINTSERM-CODÓ uma assembleia extraordinária e decidiram pelo retorno às suas escolas para esta terça-feira (11).

Diante da assembleia, os professores rejeitaram todas as propostas apresentadas pela secretaria de educação, que incluíam aulas no finais de semana e abrir mão do recesso escolar do mês julho.

De acordo com os professores, a proposta é uma falta de respeito com a categoria e fere os direitos adquirido pelos os educadores.

Os professores estão organizando para hoje (11), uma manifestação na câmara de vereadores do município em repúdio ao atraso das aulas.

Tuntum: Estudantes estão assistindo aula debaixo de chuva por conta de goteiras em escola municipal

Estudantes do povoado Ipuiru denunciam as péssimas condição da Escola Vereador Carlos Augusto da Cunha, no município de Tuntum.

Fotografias e videos feitos pelos próprios alunos retratam a situação degradante: um ambiente totalmente sem infraestrutura, que expõe os estudantes a risco de doenças e acidentes.

Os banheiros encontram-se em péssimas condições, matagal por todo o patio da escola e na parte interna, os alunos estão usando guarda chuvas para se proteger das goteiras.

Com a falta de celeridade e tomada de medidas por parte da Prefeitura,os alunos seguem sofrendo e comprometendo seu desenvolvimento escolar em razão das más condições na unidade.