Melhor nos debates da Band e Meio Norte, Yglésio espera repetir o feito no debate do portal Imirante.com


Por meio das redes sociais, o candidato do PROS, Yglésio Moyses, confirmou sua presença no debate do portal Imirante.com, o qual está marcado para acontecer hoje (20), por volta das 20hs e vai reunir os mais bem colocados na disputa.

O debate realizado pela Grupo Mirante é sempre um dos mais esperados pelo eleitorado e um divisor de águas na disputa eleitoral ludovicense.

O Yglésio, tido como o melhor candidato nos dois últimos debates, realizados pela Band Maranhão e pela Rede Meio Norte, espera repetir e até melhorar o seu desempenho em mostrar às pessoas as suas propostas, ressaltando a importância e viabilidade delas para uma São Luís em 2021, num cenário pós-pandemia, além de desconstruir propostas inviáveis e eleitoreiras que, comumente, são apresentadas pelos candidatos adversários em busca da conquista do eleitorado.

“A gente sempre espera e quer mostrar às pessoas propostas que possam fazer diferença na vida de cada uma, que possam, de fato, contribuir para o cuidado de uma São Luís na situação difícil que, possivelmente, passará no ano que vem”, disse. “Nós não queremos ir ao debate enganar as pessoas com falsas promessas; nós vamos continuar apresentando as nossas propostas, mostrando o que dá e o que não dá pra fazer, pra mostrar que, sim, somos a melhor opção para administrar a nossa cidade”, completou o candidato.

O debate será realizado de forma online, assim como o da Rede Meio Norte, e vai reunir os outros candidatos na disputa pelo executivo municipal. Os eleitores poderão acompanhar por meio do site do Imirante.com, do O Estado e no canal do YouTube do Imirante.

Prefeito de Buriticupu, José Rodrigues, vai estourar quase meio milhão em suposta obra eleitoreira

Dona Maria de Fátima é moradora do município de Buriticupu por mais de 15 anos e por todo esse tempo sempre conviveu com o descaso do poder público, principalmente no que se refere a falta de infraestrutura. Segundo ela, o entra e sai de governo nunca resolveu os problemas da população e na atual gestão do prefeito José Gomes Rodrigues, as coisas pioraram ainda mais.

Nas principais ruas e avenidas da cidade é possível ver buracos que mais parecem verdadeiras crateras, e no período chuvoso a situação complica ainda mais. Dona Maria de Fátima relatou a nossa equipe que durante todo esse tempo na cidade, só viu os gestores trabalharem durante o ano eleitoral.

Em breve pesquisa no Diário Oficial, constatamos que a observação de dona Maria de Fátima pode estar dotada de sentindo. Encontramos um contrato realizado pelo prefeito José Gomes Rodrigues com a empresa GNR Empreendimentos Ltda, no valor de quase meio milhão de reais para contenção de drenagem das ruas.

Com o contrato, a empresa vai faturar exatos R$ 411.285,93 (Quatrocentos e onze mil, duzentos e oitenta e cinco reais e noventa e três centavos). O objeto de contrato é a execução de contenções e drenagem em áreas de erosão em vias públicas do município de Buriticupu.

Ainda de acordo com Dona Maria de Fátima, os serviços realizados no município não condizem com o valor do orçamento. Que constantemente a cidade sofre com problemas de alagamentos e falta de drenagem. E que essa obra supostamente é por de interesses eleitoreiros.

Veja o contrato:

EXTRATO DE CONTRATO Nº 429/2020-PROCESSO ADMINIS TRATIVO Nº 1280/2020-SEMAPLAN, TOMADA DE PREÇO 016/ 2020, PARTES: PREFEITURA MUNICIPAL DE BURITICUPU-MA, por intermédio da SECRETARIA MUNICIPAL DE OBRAS E URBANISMO e a empresa GNR EMPREENDIMENTOS LTDA, inscrita no CNPJ sob o número 10.594.937/0001-96. OBJETO: execução de contenções e drenagem em áreas de erosão em vias públicas do município de Buriticupu-MA. VIGENCIA: O prazo de vigência deste contrato é de 03 (três) meses, contado do recebimento da Ordem de Serviço, excluído o dia do começo e incluído o do vencimento.

VALOR DO CONTRATO: R$ 411.285,93 (Quatrocentos e onze mil, duzentos e oitenta e cinco reais e noventa e três centavos). MODALIDADE: TOMADA DE PREÇO, com FUNDAMENTAÇÃO LEGAL: Lei 8.666/93, RECURSOS: 02 06 00 SECRETARIA MUNICIPAL DE OBRAS E URBANISMO 15 451 INFRA-ESTRUTURA URBANA 15 451 0010 CIDADE EM TRANSFORMAÇÃO 15 451 0010 1017 0000 ABERTURA, CALÇAMENTO, PAVIMENTAÇÃO, DREN. E SINALIZAÇÃO DE VIAS URBANAS (166) 4 4 90 51 00 INSTALAÇÕES-NV- 0.1.00-001 001 / R$ 2.913.693,24. BURITICUPU-MA, 15 DE SETEMBRO DE 2020. Lucimar da Silva Sousa – ORDENADORA DE DESPESA.

Justiça Eleitoral indefere registro de candidatura de Luizinho Barros

A Justiça Eleitoral indeferiu o registro de candidatura do prefeito de São Bento, Luizinho Barros, e ele está fora das eleições municipais. De acordo com a sentença, a Justiça Eleitoral julgou procedente uma Ação de Impugnação contra a candidatura do prefeito, que tenta a quarta eleição para o mesmo cargo em São Bento.

Apesar de acompanhar o Ministério Público com relação ao entendimento do STF, que opinou pelo deferimento, quanto às prestações de contas do candidato no TCE, o magistrado entendeu que ficou caracterizada a inelegibilidade de Luizinho com relação às irregularidades encontradas no Fundeb, onde ele foi diversas vezes condenado na Justiça Federal.

Em uma extensa sentença, o juiz José Ribamar Dias falou sobre as irregularidades apontadas na ação e disse que há motivos para negar o registro de candidatura “em decorrência da rejeição das contas do impugnado, relativas ao Fundeb referente ao exercício de 2009, por irregularidade insanável decorrente da ausência de licitação, configuradora, em tese, de ato doloso de improbidade administrativa, e por decisão irrecorrível do TCE, sem que a mesma tenha sido suspensa ou anulada pelo Poder Judiciário”.

Por fim, o magistrado julgou procedente a ação. “Ante o exposto, por estes fundamentos, JULGO PROCEDENTE a pretensão constante da AÇÃO DE IMPUGNAÇÃO e, por conseguinte, INDEFIRO O REQUERIMENTO DE REGISTRO DE CANDIDATURA DE LUÍS GONZAGA BARROS (LUIZINHO BARROS) e declaro-o INAPTO para concorrer ao cargo de Prefeito, no Município de São Bento-MA”, concluiu.

Confira aqui a íntegra da sentença.

Prefeito de Afonso Cunha, Arquimedes Bacelar é alvo de investigação criminal

A Procuradoria Geral de Justiça (PGJ) instaurou um procedimento Investigatório Criminal em desfavor do prefeito do município de Afonso Cunha, Arquimedes Américo Bacelar. De acordo com informações, a investigação foi motivada por indícios de fraude em procedimento licitatório.

O suposto crime em licitação foi denunciado ao Parquet, que instaurou a Notícia de Fato nº. 040379-500/2019 para apurar as informações. O prazo de conclusão do PIC é de 90 dias. O promotor responsável pelo caso é Carlos Henrique Brasil Teles Menezes, que foi designado pelo procurador-geral de Justiça, Eduardo Nicolau.

Justiça suspende concurso público de Jenipapo dos Vieiras

O juiz Antônio Elias de Queiroga Filho, que é titular da primeira Vara da Comarca de Barra do Corda, atendeu quatro pedidos e suspendeu o concurso público da prefeitura de Jenipapo dos Vieiras.

Intimado para emitir parecer, o Ministério Público recomendou a suspensão do concurso por tempo indeterminado devido à pandemia do novo Coronavírus. Na decisão, o juiz Queiroga Filho suspendeu a realização do concurso pelo prazo de seis meses.

Prefeito de Mata Roma é investigado por suposta irregularidade na aquisição de 169 aparelhos de ar condicionados

O vereador do município de Mata Roma, Paulo Garreto, apresentou uma denúncia no Ministério Público Estadual onde relata a existência de uma possível irregularidade na aquisição de 169 aparelhos de ar condicionado adquiridos pelo prefeito Raimundo Ivaldo do Nascimento Santos.

O MP instaurou um inquérito civil para apurar os atos descritos pelo parlamentar. São investigados o prefeito Ivaldo Bode e o secretário de educação municipal. A instituição considerou que eles são os são responsáveis direto pela aquisição. O representante da empresa selecionada nos certames também será notificado.

De acordo com as primeiras evidências, a empresa contratada não possui capacidade técnica para o fornecimento dos aparelhos. Além disso, somente uma pequena quantidade dos equipamentos foi efetivamente entregue ao município e instalada nas escolas.

O prefeito Raimundo Bode e o secretário municipal de educação terão que prestar esclarecimento sobre os fatos, além de enviar cópias dos processos de licitação, liquidação e pagamento referentes aos Pregões PP 012/2017, 019/2017, 035/2017 e 036/2017. Cabe também ao prefeito identificar o fiscal dos referidos contratos.

Polícia Federal deflagra “Operação Manduca” na região metropolitana de São Luís

A Polícia Federal deflagrou na manhã do dia 20 de outubro de 2020, na região central de São Luís/MA a Operação “MANDUCA” com a finalidade de reprimir crimes de contrabando de cigarros na região metropolitana da capital maranhense.

A Operação está sendo coordenada pela Delegacia de Combate aos Crimes Patrimoniais e ao Tráfico de Armas (DELEPAT/DRCOR/SR/PF/MA) e teve início após duas apreensões de cargas de cigarros realizadas pela Polícia Militar do Estado do Maranhão no primeiro semestre deste ano. Após as apreensões, a Polícia Federal deu continuidade às investigações e conseguiu identificar o proprietário da carga apreendida.

Participam da operação um efetivo de 22 (vinte e dois) policiais federais para o cumprimento de 5 (cinco) mandados de busca e apreensão.

As ordens judiciais foram expedidas pela 2ª Vara Criminal da Seção Judiciária do Estado do Maranhão em decorrência de representação apresentada pela Autoridade Policial que preside o Inquérito.

Se confirmadas as suspeitas, os investigados poderão responder pelos crimes de contrabando (Art. 334-A do CPB) e associação criminosa (Art. 288 do CPB), com penas que podem chegar a 8 (oito) anos reclusão.

A denominação “MANDUCA” diz respeito ao nome científico de uma espécie de lepidóptero, a manduca sexta, que se alimenta da planta herbácea nicotiana tabacum, cultivada para a produção de tabaco e fumígenos em geral.

Ficha Limpa, Edmílson tem candidatura deferida pela justiça


O ex-prefeito de Penalva, Edmílson Viégas(PDT), teve a sua candidatura a prefeito aceita pela justiça eleitoral, derrubando cabalmente qualquer falácia dos seus adversários que, espalhavam que ele não seria candidato.
O nome de Edmílson Viégas foi homologado em convenção e, agora ofializado como candidato através da justiça eleitoral.
O Tribunal Regional Eleitoral-TRE, através da juíza da 45ª Zona eleitoral de Penalva, Nivana Pereira Guimarães, deferiu o registro da candidatura.
Edmílson prova que é ficha limpa e que administrou Penalva com responsabilidade, quando prefeito, tendo as suas contas já julgadas, aprovadas pelo Tribunal de Contas do Estado.
Edmílson, concorre ao cargo de prefeito tendo como candidato a vice-prefeito o professor Amarildo Silveira(PCdoB),pela coligação “Aliança por uma Penalva de Respeito”, formada pelos partidos PDT, DEM e PCdoB.
A campanha de Edmílson Viégas tem ganhado força a cada dia, se tornando um pesadelo para o atual gestor.Pois o ex-prefeito, tem chances reais ser o próximo prefeito de Penalva, o que incomoda o seu principal adversário político.

Difusora de Weverton vai pra cima de Fábio Macedo

A Difusora, emissora do senador Weverton Rocha, fez uma reportagem especial contra o deputado estadual do Republicanos, Fábio Macedo. Ambos chegaram a ser aliados e membros do mesmo partido, o PDT.

Em reportagem sobre situação de Fábio Macedo com sua ex-mulher, a emissora diz que o parlamentar tem histórico de violência e usa vídeos, imagens e áudios, além de enumerar situações, para caracterizar Fábio Macedo como uma pessoa violenta.

A emissora do senador foi a única no Maranhão que fez até reportagem especial para narrar o caso.