Acidente com mais de 70 veículos no Texas deixa mortos; engavetamento ocorreu em rodovia repleta de gelo

Carros e caminhão danificados após engavetamento perto de Fort Worth, no Texas (EUA), nesta quinta-feira (11) — Foto: NBC

Carros e caminhão danificados após engavetamento perto de Fort Worth, no Texas (EUA), nesta quinta-feira (11) — Foto: NBC

Segundo a polícia, os motoristas perderam o controle porque a pista estava repleta de gelo. Ao menos 70 veículos se envolveram no acidente, mas autoridades estimam que esse número pode chegar a 100.

As batidas ocorreram perto de Fort Worth, na região metropolitana de Dallas. Por envolver uma grande quantidade de veículos, as autoridades tiveram de montar um centro de reencontro de famílias nas proximidades do local do engavetamento.

Rastro de destruição deixado por engavetamento com dezenas de veículos no Texas nesta quinta-feira (11) — Foto: NBC

Rastro de destruição deixado por engavetamento com dezenas de veículos no Texas nesta quinta-feira (11) — Foto: NBC

Não se sabe quantas pessoas no total ficaram feridas. Algumas foram tratadas no próprio local do acidente, e 36 precisaram ser levadas aos hospitais — que já estão em atenção redobrada por causa do coronavírus.

O porta-voz também descreveu que a pista estava extremamente escorregadia: “A via estava tão traiçoeira que vários socorristas caíram durante o atendimento”, afirmou.

Outros acidentes provocados pela onda de frio no Texas deixaram mais três mortos na região de Dallas, segundo a emissora NBC. Além disso, um engavetamento em Austin, envolvendo mais de 20 carros, deixou uma pessoa ferida.

MP recomenda que órgãos competentes solucionem problemas no transporte aquaviário de São Luís à Alcântara

Após uma série de reclamações sobre falta de eficiência, inadequação, segurança e higiene nas embarcações e nos serviços de transporte aquaviário pelas empresas responsáveis pelos serviços de navegação diária entre os terminais da rampa Campos Melo (São Luís) e Porto do Jacaré (Alcântara), o Ministério Publico recomendou aos órgãos competentes que fiscalizem e providenciem soluções de imediato.

A Capitania dos Portos, a Agência Estadual de Mobilidade Urbana e Serviços Públicos – MOB, e as prefeituras de São Luís e Alcântara terão que adequar nos dois portos, controle e a comercialização de passagens, a capacidade das embarcações, existência de itens de segurança para proteção de todos os passageiros, programas de manutenção preventiva das embarcações, como escalas de horários a ser devidamente divulgados em site ou em outro local de fácil acesso à população.

O Ministério Público levou em consideração os recentes episódios de falhas em que duas embarcações que realizam a travessia ficaram à deriva por horas, colocando em risco a integridade física dos passageiros.

O transporte aquaviário é o principal meio de deslocamento da população de Alcântara e de turistas, cujo fluxo médio abrange cerca de 300 pessoas diariamente. A instituição considera a necessidade de aprimorar e garantir a segurança para todos que utilizam o serviço aquaviário prestado pelas empresas que fazem a travessia.

Prefeito de Godofredo Viana, Sisi Viana, deve ser o novo alvo do GAECO

Atuante em operações que visam combater crimes contra o patrimônio público, o Grupo de Atuação Especial de Combate a Organizações Criminosas – GAECO, vem desenvolvendo um bom trabalho no estado do Maranhão e coibindo ações dos gestores municipais que estão em desacordo com as leis.

A operação que resultou na prisão do prefeito de Cândido Mendes, Mazinho, é uma afirmação de que nenhuma autoridade está acima da lei. E de acordo com a assessoria do Ministério Público Estadual, a instituição trabalha em novas operações no estado que não serão menos intensas por conta o período eleitoral, ação que pode ainda terminar com a alegria de muitos prefeitos.

Um dos possíveis alvos dessas operações é o prefeito do município de Godofredo Viana, Sisi Viana, que segue ignorando as recomendações do Tribunal de Conta do Estado (TCE) e se recusa a atualizar o Portal da Transparência do Município, escondendo os fins dos valores milionários que entraram nos cofres públicos no primeiro semestre de 2020.

De acordo com informações, a maioria das empresas envolvidas com as fraudes em Cândido Mendes operam no município de Godofredo Viana.

O Portal da Transparência da Prefeitura não vem sendo alimentando propositalmente, mas a artimanha do prefeito Sisi Viana está perto de ser derrubada. Os indícios de fraudes cometidos pela prefeitura vai fazer com que as irregularidades em Cândido Mendes pareçam coisa de amadores.

Ministério Público investiga Secretário de Educação de Santa Rita por suposto enriquecimento ilícito por acúmulo de cargos públicos

O Ministério Público investiga mais um ato de irregularidade envolvendo a Prefeitura Municipal de Santa Rita. Dessa vez o investigado é o secretário de educação, Paulo Márcio Silva Gomes, por suposto acúmulo de cargo público.

O Ministério Público decidiu em Instaurar Procedimento Administrativo com objetivo de investigar um suposto recebimento de verba indevida de dinheiro ou acúmulo de cargo público por parte do Secretário Municipal de Educação do Município de Santa Rita, Paulo Márcio Silva Gomes.

A denúncia nº 13/2017-PJSR, foi protocolada por meio de um relato do vereador Jancimauro Campos Albuquerque. O Ministério Público vai investigar a informação por meio de coletas de depoimentos perícias e demais diligências para apurar a prática das supostas irregularidades.

Alcântara: Ministério Público recomenda que prefeito, Anderson Wilker, e presidente da Câmara verifiquem acúmulos de cargos de pregoeiros

Após denúncias de que, em diversos municípios do Maranhão, pregoeiros estariam acumulando funções tanto no Poder Executivo como no Poder Legislativo, o Ministério Público recomendou ao prefeito de Alcântara, Anderson Wilker, e ao presidente da Câmara Municipal, Ivan de jesus Moraes Ferreira, verifiquem se os pregoeiros nomeados para essa função se tratam de integrantes do quadro de servidores públicos do Poder Executivo do Município de Alcântara.

Ainda de acordo com a recomendação, caso algum deles não seja do quadro de servidores públicos, que seja substituído. Segundo o Ministério Púbico, a ação visa banir o acúmulo de cargos públicos, o que gera prejuízos aos cofres e ofende os princípios que regem a administração pública.

O Ministério Público ainda alerta aos gestores que a função de pregoeiro deve ser ocupada por servidor público, efetivo ou comissionado, do próprio ente federado e caso a recomendação seja descumprida, os gestores podem responder por improbidade administrativa.

A instituição estabeleceu o prazo de 30 dias, para que os gestores encaminhem documentos que comprovem o cumprimento da recomendação, tais como: declaração de não acumulação de cargo, emprego ou função pública, ato de exoneração dos que se encontram em situação ilegal e ato de nomeação às regras legais.

Wellington do Curso desmente informação de que estaria sendo pressionado a desistir e reafirma pré-candidatura

Em uma conversa na tarde de hoje (12), o deputado estadual Wellington do Curso desmentiu a notícia que o senador Roberto Rocha haveria proposto a desistência de sua candidatura e, em troca, receberia apoio político no seu projeto eleitoral de 2022.

O Deputado chegou a dizer que nunca tratou do assunto com o senador. O boato se espalhou depois de uma informação que o senador Roberto Rocha estaria articulando um projeto de tomada de poder estadual passando pelas eleições municipais de 2020 e que, para isso, o investimento na eleição do deputado federal Eduardo Braide era fundamental.

Além da desistência do deputado Wellington do Curso, o boato ainda sugeria que o senador Roberto Rocha estava tentando se reaproximar de Braide e de Josimar de Maranhãozinho (PL). Afirmação negada por Wellington.

Após 100 mil mortes por Covid-19, ministro interino da Saúde diz apoiar ‘medidas de afastamento social’

O ministro interino da Saúde, general Eduardo Pazuello, disse nessa segunda-feira (10) que o governo apoia o isolamento social — divergindo do próprio discurso e das ações da Presidência da República.

Em evento de inauguração de uma unidade de processamento de testes da Covid-19 na Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz), no Rio de Janeiro, ele também defendeu a necessidade de tratamento precoce para impedir o aumento de mortes na pandemia.

“Medidas preventivas e afastamento social são medidas de gestão dos municípios e estados, e nós apoiamos todas elas, porque quem sabe o que é necessário naquele momento precisa de apoio, e nós apoiamos”, declarou Pazuello.

“Mas fica a lembrança de que, independentemente da medida que se tome, tem que estar aliada à capacidade de triar e procurar se as pessoas estão ou não com sintomas, o tempo todo”, emendou.

A declaração contraria a postura do próprio general desde que assumiu interinamente o Ministério da Saúde. Em maio, ele foi alertado por um comitê técnico da pasta que, sem isolamento social efetivo, o país poderia levar até dois anos anos para controlar a pandemia. Mas, ao contrário do alerta, o ministro interino orientou a reabertura das atividades econômicas, quando o país já tinha mais de um milhão de casos da doença.

Também em maio, o presidente Jair Bolsonaro defendeu a manutenção dessas atividades. “O governo federal, se depender de nós, estava tudo aberto com isolamento vertical e ponto final”, afirmou Bolsonaro.

Perto de completar aniversário, buraco da Capela de São Pedro ganha uma Cruz de presente

Moradores da Rua São Pantalão, na Madre de Deus, já haviam denunciado ao nosso blog o total descaso da Prefeitura Municipal de São Luís com as crateras na ladeira ao lado da Capela de São Pedro.

Os buracos no meio da rua, além de grandes e fundos, dificultam a passagem de veículos na área. Na época da nossa primeira reportagem, os motoristas que insistiam em descer ou subir a ladeira, quase sempre saiam com seus carros quebrados.

Hoje nem mais com insistência é possível, pois os próprios moradores resolveram o problema e bloquearam a rua, fincando uma cruz no buraco indicando que é impossível a passagem pelo local.

Outros problemas relatados pelos moradores são os das calçadas em volta da capela de São Pedro, em que a maioria estão quebradas e ocas por dentro, levando riscos a quem precisa passar no local.

Ainda de acordo com os moradores, além de idosos, é comum pacientes do hospital do câncer e seus acompanhantes passarem por ali. Geralmente encontram bastante dificuldades para conseguirem atravessar pelo local, e quase sempre precisam de ajuda para tentar subir ou descer a ladeira.

No momento da nossa reportagem foi possível observar que uma equipe da prefeitura realizava uma obra de calcamento ao lado da Capela de São Pedro, que parece estar invisível para a gestão de Edivaldo Holanda Jr.

Sub Tenente da Polícia Militar é morto a tiros por Policiais Rodoviários Federais, em Caxias

Após se envolver em um acidente de trânsito e em uma discussão com policiais rodoviários federais e ser atingindo com dois tiros na noite de ontem (03), o Sub Tenente da Polícia Militar do Estado do Maranhão, Baltazar de Carvalho Araújo, veio a óbito nesta segunda-feira (3), no hospital da cidade de Caxias (MA).

De acordo com informações, o policial militar dirigia um veículo no momento em que colidiu com um caminhão, nas proximidades do povoado Brejinho, naquele município.

A Polícia Rodoviária Federal foi acionada, mas ao chegarem no local, os policiais rodoviários relataram que encontraram o militar bastante agitado e aparentando ter ingerido bebida alcoólica. Ao terem observado que o sub tenente estava armado, teriam tentado convence-lo a entregar a pistola.

Mas, ainda de acordo com os policiais rodoviários, a vítima sacou a arma e naquele momento os federais atiraram e atingiram Baltazar. O sub tenente ainda foi socorrido e levado para o hospital de Caxias, onde não resistiu e faleceu. O caso está sendo investigado pela Delegacia Regional do município.

Prefeita de Bom Lugar do Maranhão, Luciene Costa, celebra contrato de mais de meio milhão com empresa de Bacabal

A Prefeita de Bom Lugar da Maranhão, Luciene Costa, firmou quatro contratos com a E. F. dos Santos Filhos/Gráfica Dimensão com valores que ultrapassam meio milhão de reais. De acordo com informações, o contrato visa atender as necessidades das secretarias de Administração, Educação, Saúde e Assistência Social, na aquisição de materiais gráficos.

A empresa E. F. dos Santos Filhos/Gráfica Dimensão está locada no município de Bacabal, e arrematou no dia 5 de junho quatro contratos com a Prefeitura Municipal de Bom Lugar. Os contratos tem vigência de seis meses, e as cifras totalizam exatos R$ 603.004,75.

Mesmo com o município paralisado por conta da pandemia, até o momento a empresa já recebeu da prefeita Luciene Costa, exatos de R$ 69.144,53. O Ministério Público precisa analisar onde esta verba de fato está sendo utilizada e para quais fins.