Servidores da SEAP são presos em flagrante por integrarem facção criminosa

Dois servidores temporários da Secretaria de Estado de Administração Penitenciária – SEAP foram presos em flagrante dentro do Complexo Penitenciário de Pedrinhas, por serem integrantes de uma facção criminosa e estarem envolvidos diretamente num esquema que facilitava a entrada de produtos ilícios dentro de presídios do Estado, e teriam como destino os detentos integrantes desta mesma organização criminosa.

Na ação que resultou a prisão dos criminosos, foram apreendidos cinco aparelhos de celular com diversos componentes, como carregadores, fones de ouvido e peças de reposição, uma pistola .380 e um veículo de luxo, pertencente a um dos autuados e aparentemente incompatível com sua renda familiar.

Deixe uma resposta