Codó: fraude em contrato de quase R$ 5 milhões para recuperação de estradas vicinais

Os problemas estruturais do município de Codó são constante alvo de reclamações dos moradores do município. As ruas esburacadas, falta de meio-fio e drenagem são um dos milhares de problemas relatados pela população.

Quando o assunto vai além da sede do município, os moradores dos povoados pagam um preço ainda mais caro. Isso porque as obras que deviam ser realizadas nas estradas vicinais são de péssima qualidade, onde na maioria das vezes os gestores e empresários estão interessados mesmo é nos seus ganhos, afundando cada vez mais as condições de vida da população.

No dia 28 de fevereiro, a Prefeitura de Codó selou um contrato com a Construservice Empreendimentos e Construções Ltda, cujo objeto era a recuperação de estradas vicinais do Barracão, que percorre e interliga muitas localidades como Sentada, Livramento e chega até Cajazeiras, zona rural do município de Codó, com a extensão de cerca de 70 km, e no valor global aproximado de R$ 4.614.205,59 milhões.

Os recursos da obra eram provenientes do Ministério do Desenvolvimento Regional e da Codevasf – Companhia de Desenvolvimento dos Vales do São Francisco e do Parnaíba e agora o acordo é alvo de investigação por supostas irregularidades na licitação que resultou no contrato.

O comprometimento com o dinheiro público, mesmo diante do momento pandêmico, não abala de forma alguma os gestores públicos.

Deixe uma resposta