Polícia Militar é acionada e presta atendimento a cachorro que foi atropelado

Um caso inusitado chamou atenção dos moradores do bairro Recanto dos Signos, na capital maranhense. Isso porque, a Polícia Militar foi acionada pelos vizinhos de uma senhora identificada como Taciana, que informaram que ela estaria praticando o crime de maus tratos a animais. De imediato uma viatura da equipe do GTM se deslocou ao endereço informado.

Ao chegar na residência de Taciana, a polícia questionou sobre a situação relatada pelos vizinhos, e como resposta, a acusada informou que estava cuidando de um cachorro que havia sofrido um atropelamento na porta da sua residência e que por diversas vezes aplicou remédios caseiros como mastruz, mas não obteve a resposta desejada e por não ter condições de levar o cachorro ao veterinário, o animal estava sofrendo com bastante dor.

Diante do fato descrito por Taciana, a guarnição foi autorizada a entrar em sua residência, onde foi constatado que o animal ainda padecia por conta do atropelamento. Diante da constatação a equipe do GTM tomou a decisão de acionar um amigo veterinário, conhecido como Dr. Wesley, que imediato se solidarizou com o caso e se deslocou a residência de Taciana para verificar o estado de saúde do pequeno animal.

No local, Dr. Wesley constatou que o animal sofreu uma fratura no fêmur direito e necessitaria de exame e de cirurgia. O veterinário receitou de imediato uma medicação injetável e a guarnição se prontificou de comprar o medicamento e entregar a dona do animal para que fosse aplicada, dando fim momentâneo ao sofrimento do animal.

Taciana agradeceu o apoio e a solidariedade da guarnição e do Dr. Wesley em poder diminuir o sofrimento do seu animal que segue sob tratamento.

Deixe uma resposta