Polícia prende grupo em flagrante tentando roubar piscina de fibra em Timon

Doze pessoas foram presas em flagrante em um sítio no povoado Glória, zona rural de Timon, no domingo (22). O grupo foi preso em uma operação do 11º Batalhão da Polícia Militar do Maranhão enquanto tentava roubar uma piscina. A ação ocorreu por volta das 16h30.

De acordo com o coronel Horman Schneider, comandante do 11º BPM, a prisão é resultado de um trabalho minucioso de investigação.

“Nós soubemos que esse bando vinha atuando há cerca de dois meses e colocamos o serviço de inteligência para monitorá-los. Nós efetuamos a prisão em um sítio no povoado Glória, onde os suspeitos tentavam roubar uma piscina de fibra. Quando chegamos, a piscina já estava em cima de um caminhão”, relatou.

O coronel Schneider afirmou, ainda, que o grupo já havia roubado outra piscina anteriormente, fato que chamou a atenção do serviço de inteligência da Polícia Militar. Com o bando, foram encontrados ainda celulares, uma motocicleta, uma caminhonete, ferramentas de escavação e corte, dentre outros itens.

Os suspeitos foram encaminhados para a Central de Flagrantes, onde foram autuados e alegaram que estavam retirando a piscina para fazer manutenção. Contudo, em depoimento, um dos presos confessou que a piscina seria levada para uma casa no povoado Gameleiras.

A PM constatou que quatro dos doze suspeitos eram adolescentes, que foram apreendidos.

Jovem é preso por suspeita de furto horas após ter saído do presídio em Balsas

A Polícia Militar do Maranhão prendeu Francisco Marques da Silva Mota, de 19 anos, por suspeita de furtar uma loja de joias e bijuterias em Balsas, a 810 km de São Luís. Após a prisão, a polícia identificou que ele havia saído do presídio horas antes de cometer o crime.

Ele conseguiu ser identificado com a ajuda do sistema de segurança da loja. Após buscas na região, o suspeito foi preso e os objetos foram recuperados. Segundo a Polícia Militar, o jovem já possui várias passagens pela polícia e a maioria por furtos e roubos a residências e lojas da cidade.

Segundo a polícia , Francisco Marques da Silva Mota havia saído do presídio horas antes de cometer o furto. (Foto: Reprodução/TV Mirante)

Segundo a polícia , Francisco Marques da Silva Mota havia saído do presídio horas antes de cometer o furto. (Foto: Reprodução/TV Mirante)

“Ele foi posto em liberdade na tarde e a noite já estava praticando o furto. Ele entrou em uma loja que vende joias e levou aproximadamente R$ 40 reais em produtos. Em uma boa ação da força tática da Polícia Militar, ele foi localizado posteriormente em outro bairro, mas foi preso e as joias foram recuperadas”, explicou o tenente-coronel Juarez Medeiros, comandante do 4ª Batalhão de Polícia Militar.

Francisco Marques da Silva Mota e os objetos apreendidos foram encaminhados para a delegacia de Polícia Civil de Balsas.

Mulher é morta á facadas na cidade de Codó

Uma mulher identificada como Concilma Muniz de Sousa, de 38 anos, foi assassinada a golpes de faca pelo ex-namorado na noite deste domingo (10) em um bar na cidade de Codó, a 297 km de São Luís. Ela era técnica em enfermagem.

Segundo o delegado de Codó, Zilmar Santana, um homem identificado como Francisco Pereira da Silva, de 34 anos, é o principal suspeito. Ele estava em um bar localizado na Avenida Maranhão junto com Concilma no momento do crime. Eles estariam com problemas no relacionamento e já estavam separados.

“Houve uma briga. Eles estavam separados e acabaram brigando. Ainda não sabemos se ela estava lá e ele chegou depois ou se os dois tinham marcado um encontro no local”, afirmou.

De acordo com informações preliminares da Polícia Militar, Francisco teria desferido seis golpes de faca em Concilma, na região do tórax, dentro do bar. A vítima chegou a ser socorrida e levada ao Hospital Geral Municipal (HGM) , mas veio a óbito.

Ainda segundo a polícia, o assassino fugiu após o crime e ainda não foi localizado. A Delegacia de Codó segue em diligência e ouvindo testemunhas para tentar elucidar o caso e prender o criminoso.

CRIME! Crianças agonizam na espera de atendimento no Hospital Da Criança em São Luís

Definitivamente a saúde do município de São  Luís  está  um caos. Pacientes jogados pelos corredores dos hospitais de forma deplorável, inclusive crianças, médicos e servidores reclamando das condições de trabalho e muita insatisfação por parte da população. Isso sem citar o pequeno numero de médicos diante da grande demanda de atendimentos. Todo esse cenário se passa diante do que é divulgado pela prefeitura em campanhas publicitárias, que mostram instalações de qualidade, pacientes sorridentes, tudo propaganda.

Recentemente o Blog Do Werbeth Saraiva publicou uma reportagem onde mostra crianças recém nascidas dormindo no chão do hospital da criança de São  Luís REVEJA AQUI, um verdadeiro absurdo. A precariedade no sistema de saúde e falta de gestão pública tem feito vítimas nos hospitais da capital.

Somente nos quatro meses deste ano, São Luís recebeu mais de R$ 130 milhões de repasses federais para serem aplicados na rede pública pelo Fundo Municipal de Saúde (reveja).

Falta de médico

Na sexta-feira passada, uma paciente precisou ser atendida por cirurgião de cabeça pescoço, mas foi comunicada pela direção do Hospital Socorrão I, que o médico só estaria na segunda-feira desta semana.

Crianças Padecem na unidade de Saúde

Quando a situação expõe crianças ainda é mais chocante. E no hospital da criança os problemas são os mesmo dos socorrões, ou piores, falta de médicos, materiais hospitalares e pacientes instalados nos corredores. No caso desta unidade, os pacientes são alojados até  em bancos plásticos utilizados para a espera fora dos quartos.

A gestão do prefeito Edvaldo Holanda Júnior (PDT) e do secretário  de saúde  Lula Fylho tem transformado a saúde capital do Maranhão um verdadeiro caos.

Veja o vídeo obtido por nossa reportagem onde mostra crianças agonizando na  espera de atendimento:

 

CRIME! Bebê dorme no chão do hospital da Criança em São Luís

Vídeo obtido pelo Blog  revela o verdadeiro caos administrativo da Secretaria de Saúde de São Luís.

A precariedade no sistema de saúde e falta de gestão pública tem feito vítimas nos hospitais da capital, mas nada se compara a cena chocante (veja o vídeo acima) de crianças dormindo em cadeira a procura de atendimento no Hospital da Criança.

No vídeo mostra, também, um bebê de aproximadamente 6 meses deitado no chão da unidade hospitalar aguardando um leito pare se instalar. A imagem é o retrato do colapso da gestão do secretário de Saúde, Lula Fylho.

Veja o Vídeo