Eudes Sampaio deve gastar mais de R$ 1,1 milhão com locação e manutenção de notebooks

R$ 1.175,184, 00. Esse é o valor que a prefeitura de São José de Ribamar deve gastar com locação e manutenção de notebook no ano de 2019.

O prefeito Eudes Sampaio, pretende gastar uma verdadeira fortuna com a locação e manutenção de notebooks no ano de 2019.

Para justificar a fortuna que será gasta dos cofres públicos, Eudes, contratou a empresa A2 WORKS COMÉRCIO E SERVIÇOS LTDA, de propriedade das empresárias Katia arruda de Aquino Martins e Liandra de arruda Fernandes a empresa tem sede em São Paulo.

Assessor do prefeito de São José de Ribamar agride idoso de forma covarde

Idoso agredido por Reinaldo

Reinaldo da silva, ex-candidato a vereador em São José de Ribamar e atual assessor do prefeito Eudes Sampaio é acusado de agredir covardemente um idoso do bairro Maiobinha.

De acordo com o idoso que prestou depoimento na delegacia da cidade operária o assessor de Eudes ainda teria lhe ameaçado de morte em companhia de um irmão.

Os moradores estão revoltados com a covardia praticada pelo assessor do gestor municipal.

Vitima prestou depoimento e esclareceu sobre agressão

 

Reinaldo da silva, assessor do prefeito Eudes Sampaio

MALDADE! Eudes Sampaio deve exonerar mais de 500 servidores da Educação

O prefeito de São José de Ribamar, Eudes Sampaio (PTB) está prestes a fazer uma verdadeira demissão em massa, de acordo com o que apurou o blog Maramais. Aproveitando-se de um relatório emitido pelo TCE – Tribunal de Contas do Estado, que indicou acúmulos de cargos, o prefeito tem uma lista que pode chegar a mais de mil servidores que poderão ser demitidos. Só a primeira lista, da Secretaria de Educação, divulgada na edição de número 700, do Diário Oficial do Município, pelo menos 530 servidores estão na corda bamba.

O Secretário Municipal de Planejamento, Administração e Finanças do município, Eduardo Cássio Beckman Gomes, publicou a lista dos servidores que deverão comparecer munidos de declaração para esclarecer os vínculos, e se for o caso, optar pela exoneração.

Na lista estão ocupantes de diversos cargos, entre eles, Professores, AOSD, Guarda Municipal, Diretor de Escola, Nutricionista e Chefe de Manutenção Predial.

Os servidores deverão comparecer entre os dias 23/09 e 08/10, das 9h30 as 12hs e das 15h as 17h, e apresentar declaração do ente público o qual mantém outro vínculo funcional.

Pela lei, professores só podem ter duas matrículas, e neste caso, mesmo que o professor cumpra expediente dando aula pela manhã, tarde, e noite, tendo passado em três concursos, será exonerado em pelo menos um cargo, o que deve causar um prejuízo irreparável a centenas de trabalhadores.

Em outros municípios, prefeitos tem tratado o caso com mais humanidade e buscado soluções para o impasse, como a criação de Leis para unificar matrículas municipais, desta forma, professores que passaram em dois concursos, não terão prejuízos e ficaram dentro da lei.

Em Ribamar, a ordem é dar fôlego para o prefeito ter cargos a disposição e poder fazer novas nomeações visando as eleições do ano que vem.

Maramais

Com listas de empregos e vantagens, Eudes Sampaio pressiona vereadores aliados para rejeitar Emenda Impositiva

O prefeito de São José de Ribamar, Eudes Sampaio (PTB), tem chamado alguns vereadores para convence-los a votar contra a Emenda Impositiva, dispositivo que obrigará o prefeito a executar as Indicações feitas pelos parlamentares.

No início do mês, o projeto foi aprovado em primeiro turno e foi considerado como uma derrota para Eudes Sampaio, que tem tratado as indicações dos vereadores como “papel para gaveta”.

De acordo com vereador da base do prefeito, Eudes não quer a aprovação da Emenda Positiva pois caso seja aprovado, o prefeito será obrigado a realizar obras em bairros onde não seja vantagem política para o prefeito.

“Aí está o problema, porque politicamente, o prefeito Eudes Sampaio (PTB) não quer que a emenda impositiva seja aprovada, pois assim, será obrigado a atender indicações dos vereadores independente da comunidade ou do lado político.” Revelou um vereador aliado do prefeito.

Durante votação do primeiro turno, o líder do governo, vereador Professor Cristiano chegou a receber uma ligação do próprio prefeito pedido reforço para que a emenda não fosse aprovada, perdeu feio.

Agora, o blog recebeu a denúncia de que o prefeito está conversando pessoalmente com cada vereador aliado, e mostrando o número de cargos comissionados que o parlamentar pode perder, caso vote contra a vontade do prefeito.

Na lista estão empregos de parentes com altos salários, gratificações e até imóveis alugados, que iremos revelar em matéria no dia da votação, esperada para acontecer na próxima semana.

Maramais