Prefeitura comandada por Edivan Brandão contratou empresa alvo de CPI por mais de R$ 2,8 mi

 

Prefeito Edivan Brandão e empresário Diogo Cruz

A prefeitura de Bacabal, administrada pelo prefeito Edivan Brandão de Farias, (PDT), é uma das que mais recebe dinheiro público no Maranhão e também uma das que mais gasta em contratos altíssimos e na grande maioria, suspeitos. Por algum motivo o Ministério Público acompanha bem de longe e inerte.

Entre os contratos suspeitos está o contrato firmado entre a secretaria de saúde e a empresa I9 Saúde, de propriedade dos empresários Diogo Eduardo Lobo Cruz.  O objeto do contrato é a compra de R$ R$ 2.803.673,84 (dois milhões, oitocentos e três mil, setecentos e setenta e três reais e oitenta e quatro centavos), em materiais e insumos odontológicos.

A empresa de Diogo Eduardo Lobo, já foi denunciada diversas vezes por este blog e os motivos sempre os mesmos: suspeitas de irregularidades em contratos públicos.

No município de São José de Ribamar, por exemplo; a I9 Saúde, conseguiu a façanha de vender álcool gel, 375% mais caro, e por isso a Câmara de vereadores do município resolveu abrir uma CPI-Comissão Parlamentar de Inquérito, para apurar o caso.

O contrato firmado entre a prefeitura de Bacabal e a I9 saúde é outro que merece apuração e esclarecimentos por parte do Ministério Público com finalidade de evitar danos ao erário com possíveis desvios de recursos da saúde municipal.

Veja o contrato:

Deixe uma resposta