Edilázio denuncia perseguição de Flávio Dino a manifestantes no MA

Edilázio Júnior

O deputado federal Edilázio Júnior (PSD) denunciou em sessão remota da Câmara Federal, perseguição do Governo Flávio Dino (PCdoB) a maranhenses que decidiram organizar um protesto contra a gestão comunista.
Ele falou sobre a intimação de nove pessoas na Superintendência Especial de Investigações Criminais (Seic), após os mesmos organizarem num grupo de whatsapp uma manifestação que teria como tema “Fora, Flávio Dino”.
A intimação para depoimento dos manifestantes ocorreu na segunda-feira.
“O governador do Maranhão talvez seja o que mais perseguiu na história do país. Para citar como exemplo, ontem nove pessoas foram depor só porque tiveram a audácia, em um grupo de whatsapp, de tentar organizar uma carreata em protesto ao governador Flávio Dino. As nove pessoas foram intimadas e assim tem acontecido com blogueiros, jornalistas e políticos que não rezam a cartilha comunista”, disse.
Clique e assista.