Coronel Leite deve ser o novo Secretário de Segurança Pública

O novo cenário político do estado do Maranhão deve colocar o Coronel Leite como substituto do atual Secretário de Segurança Pública, Jefferson Portela, que deve concorrer a uma vaga na Câmara Federal.

Pelo menos publicamente, as reuniões envolvendo a base do Governo Flávio Dino estão suspensas por conta do novo surto da Covid-19 e da Influenza H3N2. Uma nova reunião decisiva está prevista para o fim deste mês.

Tudo indica que uma minirreforma deve estar por vir. O secretário de Segurança, Jefferson Portela, por diversas vezes já mostrou interesse em disputar uma das vagas na Câmara Federal. Na última reunião com os coronéis do Maranhão, ele avisou que deixará a pasta no dia 31 de janeiro.

De acordo com informações, o principal nome para assumir a pasta é do coronel Sílvio Carlos Leite Mesquita, que atualmente comanda o Gabinete Militar do governador Flávio Dino.

Secretário de Indústria e Comércio de Estreito é investigado pela SEIC por “furto de energia”

O Secretário de Indústria e Comércio de Estreito, Adilson Gaspar Brustolon, é alvo de uma operação da Superintendência Estadual de Investigação Criminal (SEIC) e Equatorial Maranhão, que visa elucidar um caso de “furto de energia”.

De acordo com um levantamento feito por um perito criminal, foi constatado “furto de energia” em pelo menos 05 (cinco) unidades consumidoras de propriedade do secretário. Para que se tenha uma ideia do disparate, em uma das unidades foi encontrado um “gato” que impedia a aferição de pelo menos 83% da energia consumida.

Prefeito de São José de Ribamar pode ter selado contrato com a sua própria empresa

Uma denúncia aponta que o prefeito de São José de Ribamar, Dr Julinho teria nomeado o seu suposto sócio da empresa PROCEMED – Procedimentos Médicos Ltda, Everton de Carvalho Romão Ribeiro, como diretor de um hospital na prefeitura.

O Ministério Público instaurou um inquérito para apurar a possível irregularidade, já que a PROCEMED, possui contrato com a Prefeitura de São José de Ribamar – MA. A instituição iniciou as investigações e vai apurar o caso com as diligências para posterior instauração da ação civil.

No primeiro momento, Everton de Carvalho é o único investigado no inquérito.

 

 

 

Merenda escolar é pouca e sem qualidade em algumas escolas municipais de Buriticupu

Uma inspeção no município de Buriticupu constatou que a distribuição da merenda escolar em algumas unidades não está em conformidades com os serviços que deveriam ser prestados, tanto em relação a qualidade, como a quantitativa que é oferecida pela Prefeitura Municipal.

As informações estão contidas em um relatório do Ministério Público Estadual, após inspeção realizada em 29 de setembro de 2021 nas escolas: Simar Pereira Pinto, Padre Edmilson de Sousa Freire, José Bonifácio, Valdeana Almeida dos Reis, Juscelino Kubitschek e Sara Kubitschek.

Uma investigação vai acompanhar a prestação da alimentação escolar aos alunos vinculados a todas as escolas públicas municipais de Buriticupu. A Secretaria de Educação de Buriticupu tem o prazo de 10 dias para informar quem são os fornecedores e associações de produtores rurais responsáveis pelo fornecimento da alimentação escolar para o município, além do cardápio escolar para o 2º semestre de 2021.

 

Nota Zero para os portais de Transparência da Prefeitura e da Câmara de Vitoria do Mearim

A avaliação que resultou em nota zero para o portal de transparência da Prefeitura e da Câmara Municipal de Vitória é alvo de investigação do Ministério Público Estadual.

De acordo com informações, a avaliação foi realizada após uma vistoria do Centro de Apoio a Probidade Administrativa do Ministério Público do Maranhão (CAOP-PROAD), onde foi constatado que os portais não apresentam os requisitos mínimos para o seu funcionamento adequado.

A instituição já está investigando o caso que tem como objetivo apurar as providências adotadas pelo Prefeito de Vitória do Mearim, Nato da Nordestina e pela Presidente da Câmara Municipal, para adequação do Portal da Transparência ou sítio eletrônico correspondente em adequação à Lei de Responsabilidade Fiscal e à Lei de Acesso de Informação.

O MP pediu para seu Técnico Executor de Mandados realizar um checklist nos portais da transparência da Prefeitura e da Câmara para informar e especificar as irregularidades.

Veja o momento que secretária de Caxias é socorrida após grave acidente em rodovia do MA

A Secretária de Assistência Social de Caxias, Ana Lúcia Ximenes, sofreu um grave acidente próximo ao Povoado Altos, que fica entre Caxias e Teresina (PI). De acordo com informações, o veículo em que a gestora estava tombou na margem da rodovia e acabou indo para uma região de matagal.

No momento do acidente, Ana Lúcia estava com o seu motorista. O Serviço de Atendimento Móvel de urgência (SAMU) foi chamado para atender as vítimas. Apesar do susto, a gestora foi socorrida com vida e estava consciente na hora do resgate.

Ela foi encaminhada para um hospital na cidade de Teresina onde está em observação.

Moradores de Dom Pedro denunciam péssimo serviço prestado pela Equatorial

Um abaixo assinado pelos moradores do Povoado Baixão do Cedro, na zona Rural do município de Dom Pedro, denuncia a péssima qualidade de energia elétrica servida à população local pela Equatorial Energia do Maranhão (CEMAR).

De acordo com informações, o Ministério Público determinou a vistoria no Povoado para verificar se persistem as irregularidades no fornecimento de energia. Um inquérito foi aberto para apurar a suposta existência de improbidade administrativa ou ação criminosa para posterior ingresso da ação civil.

 

Pesquisa aponta Dr. Antonio Borba como o maior prefeito da história de Timbiras (MA)

Pesquisa do Instituto MBO mostra que o Prefeito Dr. Antonio Borba é a liderança política com maior credibilidade entre os Timbirenses, com índices históricos de aprovação, o que se reflete no apoio maciço à candidatura de seus Deputados.

Os números da pesquisa mostram que os Timbirenses estão felizes e bastantes satisfeitos com o prefeito.

A gestão de Dr. Antonio Borba, que vem transformando por completo e progredindo em todas as áreas sociais de Timbiras, é aprovada por 82,49% da população, que a vê como ótima, boa ou regular.

Ainda, de acordo com os dados, 79,77% da população confia plenamente no atual Prefeito.

A aprovação e confiança em Dr. Antonio Borba se reflete na preferência do eleitorado para as eleições de 2022.

A título de exemplo, os números da pesquisa trazem que 49,31% da população tem o Deputado Federal Marreca Filho como o preferido para ocupar uma vaga na Câmara dos Deputados, lembrando que com o apoio do Prefeito Dr. Antonio Borba nas eleições 2018, ele foi o recordista histórico de votos para Deputado Federal em Timbiras.

Os números refletem aquilo que o Povo fala no dia a dia pelas ruas da Cidade, que Dr. Antonio Borba já é o melhor Prefeito da história de Timbiras.

O Instituto MBO ouviu 440 eleitores em Timbiras, entre os dias 27 e 31 de agosto.

 

 

 

 

Prefeito de Buriti é investigado por contratação ilegal de servidores

Uma série de denúncias sobre supostas irregularidades funcionais de servidores da administração pública municipal de Buriti, coloca o prefeito Arnaldo Cardoso como alvo de uma investigação que apura ilegalidades nos processos de contratação e remunerações e funções de empregos públicos ocupados.

As denúncias foram protocoladas ainda no início do ano de 2021, mas por conta da pandemia e em razão das medidas de distanciamento social as investigações foram suspensas. Nos próximos dias, o MP vai elaborar uma tabela com o nome de todas as pessoas com possível situação irregular, seja por cargo ocupado ou remuneração indevida.

O prefeito Arnaldo Cardoso tem o prazo de 10 dias para apresentar esclarecimentos sobre o caso e responder por que ainda não enviou documentos referentes aos ofícios pendentes de respostas.

Covid-19: a ignorância está aumentando o desemprego no Maranhão

A ignorância em optar por não tomar a vacina contra a Covid-19, tem aumentando o número de desempregados no Maranhão, isso porque, pelo menos 100 pessoas já foram demitidas por se recusarem a tomar o imunizante.

Em sua maioria, foram demitidos profissionais da área da saúde, trabalhadores domésticos e comerciários. A medida segue uma determinação do Ministério Público do Trabalho no Maranhão (MPT), que entende que a injustificada da vacina é considerada ato faltoso, passível de demissão, o desligamento só deve acontecer em último caso.

A imunização pode ser exigida pelo empregador quando há doses de vacinas disponíveis na região. Mas o trabalhador pode não tomar vacina caso apresente uma prescrição médica ou atestado, mostrando que não há condições para se imunizar, a partir disso, a empresa pode determinar outros regimes de trabalho como home office e tele trabalho.

Em último caso, se o trabalhador não se vacinar ou não apresentar justificativa, ele pode perder alguns benefícios no ato da demissão.