Dino quer mascarar vergonha da derrota de Rubens Jr com eleição da incompetente Paula da Pindoba

Para tentar amenizar a vergonha de não ter seu candidato eleito na capital maranhense, o governador Flávio Dino busca eleger a incompetente Paula Azevedo em Paço do Lumiar. O apoio à prefeita, que vem apresentando péssimo desempenho à frente da administração municipal, é uma tentativa desesperada do gestor estadual mostrar a sua influência na região metropolitana, já que a Prefeitura de São Luís já está perdida.

O desempenho de Rubinho na campanha é lamentável, ainda mais depois que foi diagnosticado com a Covid-19 e precisou suspender as atividades. Assim, certo da derrota de Rubens Jr e tentando se garantir entre as prefeituras da Grande Ilha, Dino manifesta seu apoio à Paula Azevedo, gestora cada vez mais envolvida em contratações irregulares e compras superfaturadas.

Com o apoio, Flávio demonstra que corrobora com as questionáveis e suspeitas práticas de Paula da Pindoba à frente da gestão municipal.

Deputado Dr. Yglésio pede a saída do comandante-geral da Polícia Militar do MA

O deputado estadual Dr. Yglésio usou as redes sociais pedir a mudança de comando na Polícia Militar do Maranhão. Segundo o parlamentar, “é visível a queda de desempenho do efetivo policial do Maranhão após a nomeação do Coronel Pedro Ribeiro para o comando da Polícia Militar”, disse Yglésio. O deputado destacou ainda que o fato dos policiais estarem insatisfeitos compromete os resultados. “É necessária a mudança do comandante”, finalizou o parlamentar.

Prefeita de Paço do Lumiar, Paula Azevedo, está saqueando os cofres públicos

Quem bem conhece o município de Paço do Lumiar, sabe as dificuldades que os moradores passam quando o assunto é saneamento básico, iluminação pública e pavimentação. A infraestrutura da cidade nunca encheu os olhos de ninguém, e na gestão Paula Azevedo é só ladeira abaixo.

Insistente em esvaziar o cofre do município, a gestora segue selando contratos milionários que não condizem com a realidade apresentada na cidade. A ganância e a falta de bom senso é tão grande, que a gestora resolveu selar um contrato de quase R$ 1,5 milhão para pavimentação e recuperação de estradas vicinais do município. Agora quais? Onde está o resultado?

Na nova ação suspeita da prefeita Paula Azevedo, ela contratou a Construtora Decola Brasil Eireli por R$ 1.382.474,00 (um milhão, trezentos e oitenta e dois mil e quatrocentos e setenta e quatro reais). O objeto do contrato está especificado como fornecimento de material laterítico que visa a atender às necessidades de recuperação de vias não pavimentadas e manutenção de estradas vicinais, melhoramento dos caminhos de acesso nos diversos bairros, comunidades e povoados do município de Paço do Lumiar.

Em pouco tempo a frente da gestão, Paula Azevedo já despertou várias suspeitas do Ministério Público com contratos que desrespeitam o cidadão de Paço do Lumiar. Sem chances de permanecer a frente da Prefeitura, a cada dia vem perdendo apoio e aumentando seu alto índice de rejeição.

Veja o contrato:

CONTRATANTE Secretaria Municipal de Administração e Finanças de Paço do Lumiar/MA. CONTRATADA CONSTRUTORA DECOLA BRASIL EIRELI. VALOR R$ 1.382.474,00 (um milhão, trezentos e oitenta e dois mil e quatrocentos e setenta e quatro reais). OBJETO DO CONTRATO Fornecimento de material laterítico que visa a atender às necessidades de recuperação de vias não pavimentadas e manutenção de estradas vicinais, melhoramento dos caminhos de acesso nos diversos bairros, comunidades e povoados do Município de Paço do Lumiar/MA. DOTAÇÃO ORÇAMENTÁRIA Unidade Orçamentária: 02.0801- Secretaria Municipal de Infraestrutura e Urbanismo Função: 15- Urbanismo Sub-função: 122 – Administração Geral Programa: 0125 – Gestão da Política de Infraestrutura e Urbanismo Projeto/atividade: 2.058 – Manutenção e Funcionamento da SINFRA Classificação Econômica: 3.3.90.39.00 – Outros Serviços de terceiros Pessoa Jurídica Fonte do recurso: 1.000.0000- Recursos Ordinários. PRAZO DE VIGÊNCIA Conta-se da data de sua assinatura até 31 de dezembro de 2020. DATA DE ASSINATURA 13 de agosto de 2020.

Prefeita de Paço do Lumiar, Paula Azevedo, aproveita final do mandato para celebrar contrato de mais de R$ 3 milhões

Fim de mandato e a prefeita de Paço do Lumiar, Paula da Pindoba, está aproveitando para esvaziar os cofres públicos. Isso porque a gestora vem realizando contratos milionários em serviços que poderiam ser realizados no início da sua gestão.

Paula da Pindoba vai estourar uma verdadeira fortuna em uma obra para abastecimento de água. Para isso, a mandatária contratou a empresa Pese -Perfuração de Poço e Serviços LTDA, que vai faturar R$ 3.117.252,27 (três milhões, cento e dezessete mil, duzentos e cinquenta e dois reais e vinte e sete centavos).

O objeto do contrato é prestação de serviços de implantação de sistema simplificado de abastecimento de água e serviços de manutenção preventiva e corretiva de poços artesianos no Município de Paço do Lumiar.

Com uma gestão machada por várias investigações de irregularidades, Paula da Pindoba deixou muito a desejar e tem alto índice de rejeição entre os moradores do município. Consciente de que não tem força política para se manter no cargo, vem depenando o município como pode.

Veja o contrato:

EXTRATO DO CONTRATO Nº. 01/2020/ADESÃO/ARP/220/2019/SEGEP. CONTRATANTE SERVIÇO AUTÕNOMO DE ÁGUA E ESGÔTO – SAAE, representado pelo Diretor Geral, Sr. Marcelo Melo Marques CONTRATADA PESE – PERFURAÇÃO DE POÇOS E SERVIÇOS LTDA, doravante denominada CONTRATADA, sediada na rua do piquizeiro, lote 23, Bairro Tijupá Queimado, São José de Ribamar/MA, inscrita no CNPJ: 02.279.005/0001-20. PROCESSO ADMINISTRATIVO 08/2020.VALOR R$ 3.117.252,27 (três milhões, cento e dezessete mil, duzentos e cinquenta e dois reais e vinte e sete centavos). OBJETO DO CONTRATO Contratação de pessoa jurídica para prestação de serviços de implantação de sistema simplificado de abastecimento de água e serviços de manutenção preventiva e corretiva de poços artesianos no Município de Paço do Lumiar/MA

DOTAÇÃO ORÇAMENTÁRIA Unidade orçamentaria – 02.2201- Serviço Autônomo de Água e Esgoto Função – 17 – Saneamento Subfunção – 512 – Saneamento Básico Urbano Programa – 0149 – Universalização do Abastecimento de Água e Esgotamento Sanitário Projeto-Atividade – 2131 – Ampliação de Rede de Abastecimento de Água na Área Urbana Classificação Econômica – 4.4.90.51.00 – Obras e Instalações Fonte de Recurso – 0100000000 – Recursos Ordinários Unidade – 02.2201 – Serviço Autônomo de Água e Esgoto Função – 17 – Saneamento Sub-função – 512 – Saneamento Básico Urbano Programa – 0149 – Universalização do Abastecimento de Água e Esgotamento Sanitário Projeto-Atividade – 2130 – Manutenção do Sistema de Abastecimento de Água Classificação Econômica – 3.3.90.39.00 – Outros Serviços de Pessoa Jurídica Fonte de Recurso – 0100000000 – Recursos OrdináriosPRAZO DE VIGÊNCIA 03 (três) meses, contados da data de sua assinatura, condicionada a vigência à publicação no Diário Oficial do Município de Paço do Lumiar/MA. DATA DE ASSINATURA 20 de agosto de 2020.

MP investiga reunião de Paula da Pindoba com gestores escolares em sede de partido eleitoral em Paço do Lumiar

O Ministério Público Eleitoral do Maranhão, abriu um Procedimento Preparatório Eleitoral contra a prefeita e pré-candidata a prefeita do município de Paço do Lumiar, Maria Paula Azevedo Desterro (Paula da Pindoba), por abuso de poder econômico e/ou político no município.

Segundo afirma a noticia fato, Paula Pindoba (PCdoB), no dia 3 de setembro teria convocado uma reunião com os gestores escolares da Secretaria Municipal de Educação – SEMED, na sede de seu partido, Partido Comunista do Brasil.

Diante da gravidade da notícia, o Ministério Público do Maranhão entrou no caso para apurar e coletar mais provas contra a prefeita Paula. Solicitando explicações por parte do secretario de educação Marcos Antônio Silva Ferreira e a Secretária Adjunta de Educação de Paço do Lumiar para prestarem esclarecimentos junto ao órgão.

Aliados de Serraria contratam pesquisa Tabajara que já fez contrato até com ‘defunto’

Sem saber o que fazer para destacar o pré-candidato nas pesquisas eleitorais, aliados de Josimar da Serraria contrataram uma pesquisa Tabajara para tentar enganar a população de Governador Nunes Freire. O contrato para realizar a pesquisa que beneficia o pré-candidato foi celebrado com o Instituto Econométrica, famoso por cometer irregularidades e equívocos em pesquisas eleitorais.

O mesmo instituto contratado pelos aliados de Josimar recentemente foi alvo de decisão da justiça, que encontrou irregularidades na realização de pesquisa executada em Vargem Grande. Segundo a decisão, foi constatada “a presença de elementos que indicam inconsistência grave na metodologia aplicada a pesquisa, com risco de adulteração do plano amostral e o de ponderação quanto ao grau de instrução do total de entrevistados”.

Além disso, nas últimas eleições, o Instituto Econométrica protagonizou um dos maiores escândalos ao divulgar uma pesquisa assinada por Celene Raposo Aquino, mas ela estava morta 19 dias antes do registro da pesquisa na Justiça Eleitoral. Na ocasião, o proprietário do Instituto Econométrica, Sergio Oscar Zubicueta Goic, reconheceu que houve “equívoco” por parte de sua empresa.

Ou seja, é difícil acreditar que a pesquisa contratada pelos aliados de Serraria tenha credibilidade, considerando que foi realizada por este instituto envolvido em tantos episódios de irregularidades. O povo que abra o olho e não se deixe ludibriar!

Prefeito Magno Bacelar se aperreia com a Justiça Federal e não deve concorrer em Chapadinha

Em Chapadinha, o prefeito Magno Bacelar está se vendo aperreado com a Justiça Federal. Isso porque o mandatário recorreu ao órgão na tentativa de conseguir a suspensão dos efeitos dos acórdãos do Tribunal de Contas da União, que julgaram irregulares as contas do município.

Mas de acordo com informações, o Juiz Federal Cláudio de Carvalho que atende na 14ª Vara do Distrito Federal, Waldemar Cláudio de Carvalho, indeferiu a Tutela de Urgência e com a decisão Magno Bacelar (Ficha-suja) não poderá assumir o cargo, caso reeleito.

Ainda de acordo com informações, o prefeito Magno Bacelar possui três processos transitado em julgado, no Tribunal de Contas da União. O prazo final do processo mais recente é 18 de julho de 2027. Até lá, Magno Bacelar deve ficar inelegível.

Polícia Federal desarticula grupo criminoso por meio da operação “Mercancia postal”

A Polícia Federal, a partir de informações da Coordenação de Segurança Corporativa dos Correios, e com o apoio do Ministério Público Federal deflagrou na manhã desta quinta-feira, dia 17 de setembro de 2020, nas cidades de São Luís/MA, Barreirinhas/MA, Bacabal/MA, Santa Inês/MA, São Luís Gonzaga/MA, Lago Verde/MA, Codó/MA e Coelho Neto/MA, a Operação “MERCANCIA POSTAL” com a finalidade de desarticular grupo criminoso que se utiliza da estrutura dos Correios para o cometimento de diversas fraudes.

A partir de elementos de informação colhidos em dois Inquéritos Policiais, especialmente decorrentes da Operação “HERMES E O GADO II”, foram verificados indícios de que empregados dos Correios estariam: a) simulando roubos e furtos para se apropriarem de valores das agências; b) cobrando propina para revalidação de senhas de benefícios previdenciários, no procedimento de “PROVA DE VIDA”; e c) criando CPFs em nome de pessoas fictícias para o recebimento fraudulento de benefícios assistenciais do Governo Federal, entre eles o auxílio emergencial pago em razão da pandemia de COVID-19.

A Polícia Federal cumpriu 16 (dezesseis) Mandados de Busca e Apreensão, 06 (seis) Mandados de Prisão Temporária e 8 (oito) Mandados de Intimação. Além disso, foi determinado o sequestro de bens dos principais investigados no valor total de R$ 933.888,28 (novecentos e trinta e três mil oitocentos e oitenta e oito reais e vinte e oito centavos).

Ao todo 74 (setenta e quatro) policiais federais cumpriram as determinações judiciais expedidas pela Subseção Judiciária de Bacabal/MA, decorrente de representações da autoridade policial responsável pelos dois Inquéritos Policiais em trâmite na Delegacia de Repressão aos Crimes Patrimoniais e ao Tráfico de Armas DELEPAT/DRCOR/SR/PF/MA.

Se confirmadas as suspeitas, os investigados poderão responder por roubo (Art. 157 do CPB), furto (Art. 155 do CPB), corrupção ativa (Art. 333, caput do CPB), corrupção passiva (Art. 317, caput do CPB), peculato (Art. 312, caput do CPB), peculato eletrônico (Art. 313-A do CPB), falsa comunicação de crime (Art. 340, caput do CPB), estelionato majorado (Art. 171, §3º do CPB) e associação criminosa (Art. 288 do CPB).
A denominação “MERCANCIA POSTAL” diz respeito ao ato de mercadejar, mercantilizar, fazer o comércio espúrio, utilizando-se para tanto da estrutura dos Correios.

Veja o vídeo:

Prefeito de Mirador, Roni Pereira, é acusado de estar realizando obra eleitoreira de quase meio milhão

O prefeito de Mirador, Roni Pereira, deu início a mais uma daquelas obras eleitoreiras. Para isso, contratou uma empresa para reformar uma praça do município. No entanto, a obra tem indícios de superfaturamento e se aproxima de quase meio milhão de reais.

Para a construção da praça, a prefeitura de Mirador vai desembolsar R$479.525,27 (quatrocentos e setenta e nove mil e quinhentos e vinte e cinco reais e vinte e sete centavos). O objeto são os serviços de Reforma da Praça Geraldo de Sá, na sede do município.

A empresa beneficiada é a Construtora M S Ltda-ME. O contrato suspeito é uma obra que tem a frente a Secretaria de Administração Geral e Finanças, assinada pelo Secretário Jolberth Barbosa Lima.

De acordo informações recebidas pelo nosso blog, o prefeito está aproveitando a aproximação das eleições para fortalecer seus interesses políticos. O denunciante acusa o prefeito Roni Pereira de ter abandonado a gestão durante quatro anos e somente agora resolver realizar a obra que deveria ter sido realizada há muitos anos.

Em uma outra parte importante da denúncia, o denunciante acusa a obra de ser superfaturada e exige uma investigação bem apurada do Ministério Público.

Veja o contrato:

PREFEITURA MUNICIPAL DE MIRADOR – MA CONTRATO NR. 097//2020 EXTRATO.PROCESSO Nº 00.00.001/2 020 – TOMADA DE PREÇOS Nº 001/2020 – CONTRATO NR. 193/2020 – PARTES: Município de Mirador (MA), através da Secretaria de Administração Geral e Finanças pessoa jurídica de direito público interno, inscrito no CNPJ sob o n.º06.140.818/0001-96 e a empresa CONSTRUTORA M S LTDA-ME, pessoa jurídica de direito privado, inscrita no CNPJ (MF) sob o nº08.808.191/0001-24– ESPÉCIE: Contrato de Prestação de Serviços de Engenharia– OBJETO: Serviços de Reforma da Praça Geraldo de Sá, sede do Município de Mirador(MA). BASE LEGAL: Lei Federal nº. 8.666/93 e alterações posteriores, DECRETO FEDERAL nº9.412 de 18/06/2018. – PRAZO: seis meses.

VALOR GLOBAL: R$479.525,27 (quatrocentos e setenta e nove mil e quinhentos e vinte e cinco reais e vinte e sete centavos); ASSINATURA DO CONTRATO: 05/03/2020 – RECURSOS ORÇAMENTÁRIOS: 15.41.0210.1014.0000 Constr. Ampliação e Recup de Praças, Avenidas e Canteiros – 4.0.00.00.00 – DESPESAS DE CAPITAL. 4.4.00.00.00 – Investimentos; 4.4.90.51.00 – Obras e instalações; SIGNATÁRIO JOLBERTH BARBOSA LIMA, RG nº 00000631055393-4 SSPMA e CPF (MF) sob nº 621.041.873- 20– Secretário Municipal de Administração, pela CONTRATANTE, o Sr ANTONIO MAURISON DA SILVA DOS SANTOS, RG nº 7642693-9 SESPMA, e CPF nº 714.652.193-15, Proprietário, pela CONTRATADA. Mirador (MA), 05 de Março de 2020.

Turiaçu: Adson chega à convenção nos braços do povo

Um vídeo da convenção partidária que homologou o nome de Adson Manoel como candidato do PL à Prefeitura de Turiaçu, viralizou em grupos de aplicativos de troca de mensagens da região.

As imagens que também circulam nas redes sociais mostram como o prefeiturável chegou ao local do evento. Uma verdadeira festa democrática que reuniu uma multidão para ouvir o próximo prefeito da cidade, que foi levado ao palco do ato, nos braços do povo.