Dr. Yglésio solicita aumento do efetivo de policiais em Turiaçu e imediata recuperação de agência bancária

O Deputado Estadual, Dr. Yglésio, recomendou à Superintendência do Banco Bradesco no Maranhão a rápida recuperação da agência bancária do município de Turiaçu, alvo de bandidos que explodiram os caixas eletrônicos.

A principal preocupação do Deputado é com a população que encontra-se prejudicada, sem ter como fazer movimentações financeiras, principalmente agora no final do ano.

O deputado recomendou que caso não seja possível a recuperação da agência, que o banco encontre alternativas para que as pessoas possam fazer suas transações financeiras e atendimentos no município.

Dr. Yglésio também indicou ao Governador Flávio Dino e ao Secretário de Estado da Segurança Pública, Jefferson Portela, para que promovam, em caráter de urgência, a imediata nomeação dos mais de dois mil candidatos aprovados nos últimos concursos realizado pelas Polícias Militar e Civil do Maranhão, com o objetivo de atender a demanda da segurança pública do estado.

Segundo o deputado, as notícias recorrentes de explosão de bancos nos interiores do Maranhão, como a última ocorrência na cidade de Turiaçu, é prova que existe um déficit de servidores na segurança pública que deve ser solucionado.

Para resolver de imediato o problema de assaltos em Turiaçu, Dr Yglésio também sugeriu que fosse aprovado em caráter de urgência o aumento do efetivo policial militar e civil no município para que tranquilize a população e seja extinta a sensação de pânico entre os cidadãos.

Prefeita de Vila Nova dos Martírios vai ter que explicar o que fez com dinheiro de diárias

Em Vila Nova dos Martírios a prefeita Karla Batista Cabral é investigada por desvio de dinheiro usando as famosas diárias, como bode expiatório.

Segundo denúncias, em 2018 a prefeita teria pedido uma quantidade não especificada em dinheiro destinado para viagens em função do exercício. No entanto, ela não compareceu ao local em que deveria estar.

A prefeita não dispõe de provas que comprovem o deslocamento a respeito da atividades que ela teria ido desempenhar, muito menos, documentos da viagem realizada, como data de partida e de chegada.

A prefeita passa a ser suspeita de enriquecimento ilícito e dano ao erário no exercício do mandato. O MP vai apurar os fatos pela necessidade de prezar pelo bem público e medidas punitivas devem ser adotadas.

Policiais Militares da capital serão investigados por abuso de autoridade em ação de bairro periférico de São Luís

Policiais Militares serão investigados por crime de abuso de autoridade cometido no dia 20 de setembro deste ano, por volta das 23h40min, no bairro Bom Jesus, aqui na capital.

Na ocasião, os policiais impediram a realização de um evento promovido pela Senhora Vânia Regina Macedo Azevedo de Souza, atentando contra os direitos e garantia legais assegurados ao exercício de sua profissão.

Vânia se sentiu constrangida ao ser impedida de realizar seu trabalho. O MP instaurou Procedimento Investigatório Criminal para apuração dos fatos e nomeou a Assessora Jurídica Maicy Milhomem Moscoso Maia. Os responsáveis pela operação devem ser penalizados.

Vereadores de Jatobá denunciam prefeita por falta de esclarecimentos a respeito de diárias de cargos comissionados

Os vereadores do município de Jatobá recorreram ao MP para terem acesso as informações relacionadas às diárias de cargos comissionados da prefeitura do município.

Segundo os vereadores, a prefeita Consuelo Lima vem negado acesso aos documentos, o caracteriza total falta de transparência, sendo necessário investigação mais apurada.

O MP nomeou o Promotor Elielson Lima Barbosa para levantamento de maiores informações e caso seja necessário iniciar procedimento ou autorizar a Promotoria de Justiça a investigar criminalmente a prefeita.

Na cidade, a prefeita já foi várias vezes denunciada por empregar na administração Pública familiares como o próprio marido, mãe, seus filhos, irmãos entre outros parentes.

O que tudo indica é que a prefeita está governando para sua família, mas a farra está próxima de acabar de maneira trágica para a gestora.

Câmara Municipal de São Luís comemora 400 anos de história

A Câmara Municipal de São Luís completou hoje, dia 09 de dezembro, 400 anos de existência.

Desde a sua fundação, em 1916, até sua configuração atual, o Poder Legislativo Municipal participou ativamente das transformações ocorridas na vida social e política da cidade.

Para marcar essa importante data, a Casa promove neste mês uma programação especial, que iniciou na última sexta-feira (06), com uma sessão especial no Senado Federal, a pedido do senador Weverton (PDT-MA).

As comemorações pelo quarto centenário do legislativo ludovicense tiveram continuidade nesta segunda-feira (09), com uma sessão solene que serviu para homenagear personagens que fizeram parte dessa história como, por exemplo, o ex-vereador José Joaquim (PSDB) e o desembargador aposentado Milson Coutinho, autor do livro “Legislaturas, Legisladores e Presidentes da Câmara Municipal de São Luís em Quatro Séculos”.

O presidente da Casa, vereador Osmar Filho (PDT), que comandou a solenidade especial, destacou em seu discurso que um dos principais objetivos de sua gestão é tornar a Câmara Municipal um órgão de referência que visa aproximar as pessoas do exercício do poder. O chefe do legislativo afirmou ainda que ao longo da história, a Casa sempre esteve atenta às necessidades da comunidade, que sempre foi um dos principais objetivos do órgão.

“A atual legislatura foi brindada com uma data tão relevante para o Poder Legislativo Municipal e para comemorar em grande estilo montamos uma programação com uma série de eventos que enaltecem sua rica e produtiva história e sua contribuição para a cidade”, afirmou. “Contar a trajetória da Câmara é reavivar sua história e seu compromisso com a cidadania, além do seu relevante papel na política local e nacional, por intermédio de suas atribuições documentadas ao longo dos quatro séculos de existência”, completou Osmar.

IMPORTÂNCIA HISTÓRICA
O clima de animação da manhã festiva foi acentuado nos discursos de vários vereadores que destacaram a importância do quarto centenário da Câmara de São Luís. Os vereadores Genival Alves (PTRB), Pavão Filho (PDT), Francisco Carvalho (PSL), Cezar Bombeiro (PSD) e Marcial Lima (PRTB) foram alguns dos parlamentares que se manifestaram na tribuna para destacar a grande importância da Casa na construção da democracia.

“Se hoje a democracia é uma regra, e não exceção, devemos a esta Casa, que ajudou a difundir os ideais de liberdade, igualdade e fraternidade”, disse Genival Alves.

Por sua vez, Pavão Filho, fez questão de destacar a verdadeira demonstração do Legislativo Municipal na construção da cidadania em São Luís, por meio dos ideais de igualdade, liberdade e fraternidade. “Sem dúvida nenhuma a celebração do quarto centenário da Câmara será um momento importantíssimo à capital de nosso Estado, pois sintetiza a luta por uma sociedade mais justa, mais democrática e mais cidadã”, disse o líder do governo na Casa.

O vereador Cezar Bombeiro, que é autor da proposta que pede a implantação de um espaço reservado à construção de uma biblioteca do Legislativo, para que a população tenha conhecimento da história do parlamento da capital maranhense, afirmou que é um privilegio poder fazer parte desse momento histórico para a Casa.

“Comemorar os 400 anos deste Parlamento será uma demonstração de reconhecimento aos que contribuíram para esse momento ímpar. A minha proposta de criar a biblioteca legislativa surgiu neste sentido: fazer com que a sociedade tenha acesso ao acervo histórico de fundação desta instituição”, argumentou o líder do PSD.

DE ESTÁCIO A OSMAR
Mais cedo, em entrevista ao Programa Câmara News, o vereador Francisco Chaguinhas (PP), já havia destacado a data histórica da Casa de Leis, enfatizando que essa é uma homenagem para a cidade. “A Câmara começou com Simão Estácio da Silveira e hoje tem à frente o vereador Osmar Filho, um jovem com visão empreendedora que começou desempenhando uma excelente gestão. Tenho certeza que os 400 anos de fundação desta Casa será uma programação importante. E que seja cada vez mais agradável à população que sempre busca uma cidade melhor para se viver”, finalizou.

AUTORIDADES PRESENTES
A sessão solene foi bastante concorrida e contou com a presença de diversas autoridades do município. O secretário Municipal de Assuntos Parlamentares, Raimundo Nonato Silva Júnior – Nonato Chocolate como é conhecido, representou o prefeito Edivaldo Júnior no ato solene.

Homenagem – Durante a sessão solene, a Câmara entregou ao ex-vereador José Joaquim, uma medalha em reconhecimento aos trabalhos prestados na Casa. Ele representou todos os ex-parlamentares que passaram pelo legislativo municipal e tiveram brilhante atuação no plenário Simão Estácio da Silveira, em homenagem ao seu primeiro vereador.

PANORAMA HISTÓRICO
A Câmara Municipal de São Luís foi instalada de forma efetiva em 1619, após a expulsão dos franceses, com a chegada de 200 casais açorianos. Por determinação do general Alexandre de Moura, foi doada uma légua de terra para a instalação da futura Câmara, o que iria ocorrer no governo do Capitão-mor Felipe Diogo da Costa Machado (1619-1622).

No período colonial, as câmaras municipais eram responsáveis pela manutenção da ordem e administração das vilas e cidades dos domínios coloniais de Portugal. Cabia a elas a coleta de impostos, regular o exercício de profissões e ofícios, regular o comércio, cuidar da preservação do patrimônio público, criar e gerenciar prisões, etc.

Até o século XVII, era composta por dois juízes ordinários, três vereadores e um procurador. A partir do século XVIII, surgiu o cargo de juiz de fora. No processo de eleição dos três cargos, os denominados homens-bons (normalmente proprietários de terra) escolhiam os eleitores e estes elegiam os membros da Câmara. Outros cargos que auxiliavam os membros da Câmara na administração da cidade eram: escrivão, almotacés, tesoureiro, alcaide, porteiro, afilador, arruador, dentre outros.

Atualmente, a Câmara Municipal fica localiza na Rua da Estrela, no Centro da cidade. Há um projeto de transferência da sede para o prédio da antiga Fábrica São Luís, mas a obra depende de recursos financeiros e autorização do IPHAN. No passado, funcionava no Palácio de La Ravardière, atual sede da Prefeitura de São Luís.

Fonte: Câmara Municipal de São Luís

Mentira tem perna curta: Depois de prefeito ter dito em inauguração de ponte que tirou Vargem do buraco, ponte vizinha desaba na mesma estrada

Tem que rir pra não chorar. No sábado (07) o Prefeito de Vargem Grande Carlinhos Barros abriu a boca e convidou amigos para mostrar a construção da Ponte Raimundo Marques Santana, no povoado Cacibinha.

Carlinhos fez a festa, falou que as mudanças estavam vindo e no seu discurso, infeliz, disse que a cidade de Vargem Grande estava saindo do buraco.

O prefeito não esperava que horas depois, há pouco quilômetros dali, uma ponte iria desabar contrariando suas mentiras. Dois carros que passavam no momento do desabamento acabaram caindo dentro de um buraco.

As pessoas que estavam dentro dos automóveis foram resgatadas por populares. Ninguém ficou ferido, mas uma vitima acabou precisando de atendimento médico.

Segundo informações de um moradores que não quis se identificar, a obra da ponte inaugurada demorou 3 anos para ser concluída, coincidindo justamente com o fim do primeiro mandato do prefeito que vai tentar a reeleição. Já a ponte que caiu, ironicamente fica na mesma estrada que liga a ponte inaugurada.

A população de Vargem Grande está cansada de promessas não cumpridas e festas em praça públicas, e precisa de obras seguras que resolvam os seus anseios e não levem riscos aos seus cidadãos.

O prefeito precisa parar de fazer campanha e honrar pelo menos o último ano à frente da gestão.

Demissão em massa na saúde estadual do Maranhão

O governo Flávio Dino (PCdoB) deu início, há duas semanas, a uma demissão em massa recorde na área de saúde. De acordo com o Sindicato dos Trabalhadores em Saúde do Estado do Maranhão (Sindsaude), serão mandados embora nada menos do que 2 mil trabalhadores, entre porteiros, técnicos de enfermagem, enfermeiros, serviços gerais, recepcionistas, motoristas, maqueiros, coordenadores e até médicos. O plano, classificado como maligno pela categoria, está sendo executado de forma gradativa pela Empresa Maranhense de Serviços Hospitalares (EMSERH).

A presidente do Sindsaude, Dulce Sarmento, defendeu a mobilização da classe para tentar fazer cessar as demissões, que, segundo apurou o blog, já atingiram as UPAs do Araçagi e da Cidade Operária e o Hospital Geral (Hospital de Câncer). A sindicalista mostrou-se disposta a liderar um ato em apoio aos profissionais demitidos e aos que ainda serão demitidos, mas condiciou o movimento à adesão maciça da classe à causa, algo que diz não estar acontecendo.

Dulce Sarmento lamentou o que chamou de desânimo dos trabalhadores diante dos desligamentos e da negação de direitos trabalhistas. Em áudio enviado à categoria, via WhatsApp, ela afirmou que estaria disposta a ir ao hospital (Geral) e a chamar a imprensa para denunciar a grave situação se tivesse a certeza de que todos os trabalhadores que estão sendo demitidos e os demais que estão sob ameaça de demissão marchassem juntos na luta.

“A gente faria logo um movimento na porta do hospital e talvez assim as demissões parassem. Mas o trabalhador está tão pra baixo. Me passaram a informação de que se ajeitassem as escalas e se fosse pago o adicional de 40% de insalubridade estaria tudo bem, apesar de não estar nada bem, sem aumento, sem nenhuma perspectiva, do jeito que eles (o governo) bem entendem”, ponderou, confirmando a cruel previsão de demissão em massa de mais de dois mil servidores da saúde.

Renúncia

A presidente do Sindsaude considerou inadmissível a renúncia de direitos por parte dos trabalhadores, que parecem abrir mão de tudo, até da dignidade, para se submeter aos abusos e às arbitrariedades. “Então, não tem como. Eu, particularmente, estou me sentindo presa, amarrada em uma camisa de força, só ouvindo os queixumes, enquanto estão demitindo tantos e a gente sem poder fazer nada, porque o sindicato só pode fazer alguma coisa se o trabalhador der suporte, sem o trabalhador não tem condição”, lamentou.

“Vocês podem até dizer que o sindicato não serve para nada, não presta, não faz nada, mas é isso. Eu gostaria muito de ir ao Hospital Geral ver todos os trabalhadores que foram demitidos e os que ainda serão demitidos”, assinalou, para, em seguida, apontar a mobilização como única esperança. “As demissões não vão parar por aí pelo que a gente está vendo, mas, se a gente fizer um levante, aí a gente consegue, caso contrário, não tem como. É assistir todo dia um companheiro ser demitido”, lastimou-se.

Dr. Yglésio pede inclusão do Coroado no programa “São Luís em Obras”

O deputado estadual Dr. Yglésio encaminho à Assembleia Legislativa Indicação em que pede a inclusão do bairro do Coroado no programa ‘São Luís em Obras”.

Yglésio é mais um político que se solidarizou com os apelos do blog Marco Aurélio D’Eça mostrando o abandono da comunidade.

Também já se manifestaram em apoio à luta pela melhoria urbana do Coroado os deputados César Pires (PV) e Neto Evangelista (DEM) e os vereadores Osmar Filho,  Astro de Ogum e Beto Castro.

De acordo com o que mostrou o blog Marco Aurélio D’Eça,  a comunidade do Coroado espera a recuperação completa da Rua Dr. Carlos macieira, e a recuperação asfáltica das demais ruas do bairro, abandonadas há anos.

A Indicação de Dr. Yglésio foi encaminhada ao prefeito Edivaldo júnior e ao secretário de Obras, Antonio Araújo…

 

 

FONTE: Marco Aurélio D’Eça

URGENTE!! Índio morre ao ser atropelado na Br-226 entre Barra do Corda e Grajaú no MA

Informação que acaba de chegar na redação do Blog Minuto é de que um índio morreu ao ser atropelado na da Br-226 entre Barra do Corda e Grajaú, na região central do Maranhão.

A informação foi repassada por uma indígena ao Policial Josualdo por volta das 12:30h dessa segunda-feira(9) onde chorando ela pede a presença da polícia no local.

ATUALIZANDO em 13:01h.

Uma indígena da Aldeia El-Betel acaba de entrar em contato com o Blogueiro Gildásio Brito e confirmou que o índio morreu ao ser atropelado. Ela pediu ainda para que veículos não passem no trecho, pois a rodovia encontra-se com o transito paralisado aguardando chegada da polícia para que o corpo do indígena seja recolhido. A Br-226 terá seu trânsito normalizado logo após a remoção do corpo do local.

Fonte: Minuto Barra

Câmara Municipal de João Lisboa favorece empresa em processo licitatório

O Ministério Público vai investigar a Câmara de vereadores do Município de João Lisboa por ato de improbidade Administrativa, por possível facilitação de enriquecimento da Empresa R.L Guimarães Telecomunicações-ME.

A Câmara do Município pode ter beneficiado a empresa no processo Licitatório nº 010502/2018 que visava a contratação para fornecimento de serviços de provimento de acesso a internet e outras necessidades da Câmara, inclusive serviços de publicação de dados para manutenção do portal da Transparência.

O valor total do contrato estava estimado em torno de R$ 8.900 mil, mas no fechamento do contrato acabou por R$ 18 mil, entre outras irregularidades.O MP deve instaurar Inquérito pra apurar os fatos com mais precisão.

A Câmara deve se pronunciar sobre a denúncia e prestar esclarecimento sobre o contrato.