Hospitais de Tuntum não funcionam e não disponibilizam medicamentos, mas prefeitura paga altos salários aos funcionários

Os fantasmas continuam fazendo a farra no interior do Maranhão. Apesar dos inúmeros casos de corrupção divulgados muitas vezes em rede nacional, os políticos não tomam vergonha na cara e continuam enganando a população.

Dessa vez, a possível fraude é no município de Tuntum. Um documento enviado para o nosso blog revela salários altíssimos para funcionários que nunca compareceram ao local de trabalho.

O curioso é que algumas Unidades de Saúde Básicas não funcionam por falta de medicamentos e os médicos que deveriam atuar na cidade, vão uma vez por semana e ficam por pouco tempo.

Pior ainda é tentar explicar os altos salários que são destinados a alguns funcionários, já que alguns serviços não são prestados, como por exemplo, R$ 23.430,76 a uma assessora técnica, R$ 19.046,49 a coordenadora de recursos humanos, R$12. 896,89 a um bioquímico que não mora na cidade, e dificilmente é visto, outro de R$ 14.086,24 a um coordenador de base decentralizada.

Agora, se falta medicamentos e assistência a população, como a prefeitura vai explicar esses salários altíssimos a quem não está trabalhando?

Deixe uma resposta