Vereador votou contra CPI da Saúde para manter esposa na direção de Hospital em Ribamar

O vereador Cristiano tentou até o último momento, impedir a criação da CPI da Saúde, instalada essa semana pela Câmara de Vereadores de São José de Ribamar.

O voto contra a CPI e a articulação para que as investigações não prosperem faz parte de um suposto acordo do parlamentar com o prefeito Eudes Sampaio, que entre suas regalias, estaria manter sua esposa, Andreya Jesus, na direção do Hospital Municipal de São José de Ribamar.

O vereador teme que a investigação encontre alguma irregularidade na Saúde de Ribamar ou na gerência do Hospital, o que poderia prejudicar seus planos de reeleição.

O Ministério Publico deve investigar o conflito de interesses.