Professora é condenada à prisão após abusar de aluno de 15 anos


A professora Alice McBrearty, de 23 anos, foi sentenciada a 16 meses de prisão após confessar ter abusado sexualmente de um aluno de 15 anos.
Funcionária de uma escola em Londres, na Inglaterra, a professora manteve relações sexuais com o estudante durante quatro meses. Os encontros além da sala de aula aconteceram na casa dela, na residência do aluno, no carro da professora e até em um hotel.

Em depoimento às autoridades, Alice contou que os dois começaram a se envolver em janeiro, após ficarem amigos no Facebook e no Instagram. O caso só foi denunciado em maio, após o pai do estudante desconfiar das ligações entre o filho e a professora e acionar a polícia.
Para a promotora, Lisa Matthews, a professora estava convencida de que o relacionamento era um “grande romance”. Já o jovem, segundo ela, “se sentia especial e aceito”: “Ela o levou para o Parque Olímpico, eles saíam juntos para passear e comer”.
Defendendo a professora, a advogada Emma Shafton afirmou que Alice “detestava seu emprego” e por isso “em vez de socializar com os colegas, ela socializava com os estudantes da sala de aula”. “Ela é de uma família trabalhadora e tem diploma universitário”, pontuou.
Ao anunciar a sentença, a juíza Sheelagh Canavan disse que considera o caso uma “espetacular falta de respeito”: “Você deveria mantê-lo seguro, para ajudá-lo a tomar as decisões certas. Em vez disso, você o ajudou a fazer as escolhas erradas”, declarou a magistrada. “Você violou a confiança entre aluno e professor para satisfazer suas necessidades físicas e emocionais”.
Alice pediu demissão do cargo e passou a trabalhar na entrega de encomendas. Ela foi considerada culpada de sete acusações atividade sexual com menor de idade enquanto numa posição de confiança. 
Veja também: ‘Eu tenho uma memória física disso’, diz mulher vítima de abuso na infância
www.redetv.uol.com.br

2 pensou em “Professora é condenada à prisão após abusar de aluno de 15 anos

Deixe uma resposta