Idoso é flagrado abusando de uma criança em São José de Ribamar

 

Nas imagens, um idoso aparece abusando sexualmente de uma menina dentro de uma residência na Vila Flamengo, nos fundos do Cemitério Jardim da Paz, em São José de Ribamar, na região metropolitana de São Luís.

O flagrante foi feito por uma pessoa que preferiu não se identificar. De acordo com a Polícia Civil, o crime aconteceu no último sábado (5) e parentes da vítima denunciaram o caso na DPCA.

“O caso está sendo apurado e a menina foi encaminhada para fazer exame. Ainda não temos informações se aconteceu ou não o abuso, que estamos investigando onde acontecia e desde quando”, informou a delegada da DPCA, Ana Zélia.

O idoso que aparece no vídeo não teve o nome divulgado. A família da menina não quis se manifestar sobre o abuso. Segundo o defensor público Joaquim Gonzaga neto, é de extrema importância formalizar a denúncia desses casos.

“Para todos os efeitos, o que a gente vê no vídeo é um estupro de vulnerável e que deve ser apurado pela polícia, que deve resultar em uma ação penal contra esse idoso. Quando a mãe, parente ou vizinho tomar conhecimento de violência sexual, psicológica ou física contra uma criança ou adolescente, há a obrigação de denunciar sob pena, inclusive, de ser responsabilizado”, afirmou o defensor público.

Polícia prende suspeito de matar idoso em sítio de São José de Ribamar, no Maranhão

A polícia prendeu nesta quarta-feira (10) Cleyton Jorge Alves Silva, de 19 anos. Ele foi identificado como a pessoa que atirou no idoso José Bernardino Ramos, de 74 anos, que morreu após ter o sítio invadido e ser baleado.

O caso aconteceu na manhã desta quarta (10) no bairro do Miritiua, em São José de Ribamar, na região Metropolitana de São Luís. José Bernardino é pai do promotor de justiça Paulo Roberto Barbos Ramos.

Segundo a polícia, Cleyton estava com outro jovem, identificado como Anderson Breno Costa, de 19 anos, no momento do crime. Eles teriam pulado o muro do sítio, iniciado o assalto e José Bernardino teria reagido e entrado em luta corporal com Anderson. Durante a luta, Cleyton efetuou um disparo que atingiu Bernardino e Anderson, que morreram na hora.

Clayton fugiu, mas foi identificado e preso pela polícia porque já responde por três crimes na justiça e usa tornozeleira eletrônica. A polícia suspeita de latrocínio e tenta identificar outras pessoas envolvidas no crime.

G1 MA