Geral

Palácio dos Leões “Tremendo.” Medo faz governador mandar chamar ex vereadores,ex prefeitos e Até “lideranças de bairros”

O desespero bateu as portas do palácio dos leões, sede do governo do Maranhão, isso muito antes da divulgação da ultima pesquisa da ESCUTEC, o Blog do Werbeth Saraiva obteve a informação de alguém “alinhado” ao governo que pesquisas estão sendo feitas rotineiramente a mando do governo no estado mais não sendo divulgadas, e os resultados nada animadores, o governador começou tomar uma serie de medidas populistas para tentar reverter o jogo, que segundo próprios aliados está totalmente perdido, dizem até que o grande erro do governador foi ter ouvido conselhos de fieis escudeiros da parte de ‘articulação”que não permitiram ao longo dos anos um aproximamento do chefe do estado com a classe politica, “ciumes” poderia ter motivado a “distancia” entre outros fatores, o medo se instalou no estado principalmente entre a classe politica e pessoas que fazem oposição a gestão do estado, a população no entanto já esta de “cabeça virada” por onde se passa nesse estado se ouve o clamor pela volta de Roseana Sarney e o que mais impressiona que o próprio governador com sua sede de perseguição ocasionou isso, ele tem dito em publico que não tem medo de uma disputa entre a ex governadora, mais o que se sabe nos bastidores é que o Palácio dos leões “treme” a cada movimento dado por Roseana, a cada processo que Roseana se livra, é um fardo a mais nas costas do governo, e o pior que a própria Roseana diz aos “ventos” que não sabe se é mesmo candidata ao governo do Maranhão, mesmo assim seu nome já brada no estado com uma forca avassaladora que vem destruindo o nível de sossego do governo, agora imagine quando a “oligárquica” como diz Flavio Dino sair nos quatro cantos do estado bradando sua candidatura?
A ordem dada pelo palácio dos leões ao secretariado foi a seguinte “rasguem preço, queimem estoque” uma metáfora que é interpretada da forma de inúmeros projetos populistas que visam mudar a concepção do povo maranhense quanto a corrida para o governo em 2018, e não para por ai o que se sabe é que o governador ordenou aos seus articuladores que os mesmos façam uma devasta no estado e onde tiver um ex vereador, ex prefeito e até liderança de bairro é para chamar a ser aliado do governo, pelo visto a sigla PCdoB não terá muito importância contudo que apoie o governador esta de bom tamanho.
O que não sabe o governo é que os que “comem e bebem” na “cozinha” do governo estão com suas “lanças afiadas para dar um “golpe” ao comunista como sinal de vingança a tanto desprezo que obtiveram por parte de  Dino ao longo dos anos,ainda tem aqueles que vão sugar até o ultimo recurso com o pressuposto de fazerem suas campanhas,  também estão com suas mentes repletas de rancor contra o governo do estado e preparam uma “debandada” mais proximo!
E AGUARDAR PARA VER!!!

Lei da Ficha Limpa pode definir rumos das eleições dos CRCs em todo o país

No último dia 14, o ex-juiz Marlon Reis, idealizador da Lei da Ficha Limpa, participou de um evento na sede do Conselho Federal de Contabilidade que teve como foco debater a corrupção eleitoral.

É de suma importância a participação do CFC neste Movimento.
Este ano, nos dias 21 e 22 de novembro, acontecem as eleições de 2/3 para compor o plenário dos Conselhos Regionais de Contabilidade de todo o Brasil. Tais eleições seriam uma excelente oportunidade do Conselho Federal de Contabilidade cobrar, dos candidatos, uma Certidão da Justiça Federal, Estadual e Municipal que não estejam arrolados em problemas com a justiça e sejam ficha limpa.

Isso daria maior lisura e credibilidade ao processo, sem contar que os profissionais contábeis estariam elegendo representantes ilibados na ética, um dos pilares da profissão contábil.

Leia a matéria na íntegra retirada do site do CFC:

REPRESENTANTES DO MCCE REALIZAM REUNIÃO DO CFC

Por Fabrício Santos
Comunicação CFC

Por um Brasil sem corrupção, mais justo e transparente. Esse é um dos objetivos do Movimento de Combate à Corrupção Eleitoral (MCCE) – rede formada por entidades da sociedade civil, movimentos, organizações sociais e religiosas focadas em combater a corrupção eleitoral – que esteve presente, na manhã desta quinta-feira, no auditório do Conselho Federal de Contabilidade (CFC), em Brasília (DF).

Na reunião, compuseram a mesa o idealizador da Lei da Ficha Limpa, juiz Márlon Reis; o diretor do MCCE, Luciano Santos; o conselheiro do CFC e membro da diretoria do MCCE, Miguel Ângelo; e o secretário da Comissão Brasileira Justiça e Paz (CBJP) da Conferência Nacional dos Bispos no Brasil (CNBB).

Na abertura da reunião, o conselheiro do CFC agradeceu a presença de todos e disse que “o Conselho Federal acompanha essa parceria com o MCCE por acreditar em um País livre de corrupção”.

“A proposta que discutimos na reunião foi a criação de uma campanha, a ser divulgada para toda a sociedade, alertando que a reforma política, elaborada pelo atual Parlamento, não trará nenhum benefício para o povo brasileiro”, afirma Miguel Ângelo.
Blog do neto cruz

Mais Conquistas para o povo do Maranhão

Foi com esse impacto mútuo o resultado da conversa entre o governador Flávio Dino fortalecendo o estreitamento dos laços com o PR que a cada dia vem se tornando mais forte.

 O governado Flávio Dino recebeu o Deputado Estadual Josimar de Maranhãozinho e a presidente do PR Mulher Detinha  para um almoço onde traçaram mais metas de trabalho pelo povo do Maranhão.

 Como melhor parte do  almoço promovido pelo governador no qual recebeu o casal de lideranças políticas do PR na região do Alto Turi,  o paladar dos Leões e do PR estavam apurados em uma só sintonia as conquistas até aqui e as que ainda virão em defesa do povo do Maranhão.

” Saio com a certeza que avançamos muito nesse encontro que será motivo de muitas conquistas para o povo do Maranhão

Falso médico é preso em Imperatriz depois de aplicar golpe em enfermeira

Ricardo Lima se passava por médico ortopedista e estava em um hotel na cidade de Imperatriz. Tudo bancado por um enfermeira que ele a conheceu pela internet e até o carro dela era usado por ele. Ontem foi descoberto que Lima vem dando esse tipo de golpes em algumas cidades, sempre sendo bancado por mulheres
Ricardo Rodrigues Lima foi preso nessa terça-feira. (Divulgação: Antônio Pinheiro )
Ontem a polícia soube que Ricardo Lima havia mandado fazer um carimbo de médico com um nome que ele encontrou pela internet. Em Caxias, ele aplicou o golpe se apresentando como oficial da PM.
A enfermeira desiludida com o “Don Juan” prestou queixa à polícia e contou que ter sido vítima do espertalhão. Ele foi parar no fundo da cela, enquanto a polícia aguarda nova reclamações.
luiscardoso.com.br

Flávio Dino vai entregar para o PR secretaria no governo

O presidente estadual do PR, deputado Josimar de Maranhãozinho e sua esposa Detinha, também presidente do PR Mulher no Maranhão, foram recebidos na segunda-feira (18) pelo governador Flávio Dino (PCdoB).
Durante o almoço oferecido no Palácio dos Leões, foi tratado o alinhamento do PR no projeto de reeleição comunista. O secretário chefe da Casa Civil Marcelo Tavares esteve presente.
“Saio revigorada a cada encontro certa de que continuaremos a fazer o que mais gostamos que é trabalhar pelo povo do Maranhão”, disse Detinha, que disputará para deputada estadual no próximo ano.
Flávio Dino vai entregar até final deste ano uma secretaria de governo para o Partido da República (PR) e, consecutivamente, terá apoio logístico da sigla e mais tempo de televisão para usar no horário eleitoral.

PF faz operação para prender suspeitos de desviar empréstimos da Caixa

A Polícia Federal (PF) deflagrou nesta quarta-feira (20) a Operação Inimigo Oculto, com o objetivo de desarticular um grupo de criminosos que causou um prejuízo de quase R$ 1 milhão à Caixa Econômica Federal (CEF). Desde cedo, os policiais federais estão cumprindo três mandados de prisão temporária e 30 de condução coercitiva, quando a pessoa é levada para delegacia a fim de prestar depoimento e depois é liberada.
De acordo com a PF, os suspeitos fraudavam a Caixa para conseguir empréstimos ilegais. “Os investigados utilizavam senhas pertencentes a empregados da CEF e assim realizavam a inserção indevida de dados no sistema, incluindo-se rendas fictícias, sem a apresentação de qualquer documento comprobatório. Quando os empréstimos eram creditados nas contas indicadas, eles efetuavam diversos saques e transferências, evitando que a Caixa, após identificar a fraude, bloqueasse os valores.
As ações ocorrem em endereços nos estados do Pará e da Bahia e principalmente na cidade de Brasília. A Justiça Federal também determinou o bloqueio da quantia aproximada de R$ 950 mil nas contas dos suspeitos. Os principais alvos dos mandados são ex-prestadoras de serviço da Caixa. Elas teriam desviado os valores graças à concessão fraudulenta de 46 empréstimos pessoais, em sua maioria, destinados a parentes e amigos.
O nome da operação, Inimigo Oculto, segundo a PF, tem se deve porque os um dos investigados mantinha relações profissionais com o banco.


Agência Brasil

Agora desgraçou!Após Justiça liberar “cura gay”, líder LGBT pede aposentadoria compulsória

Reprodução / Facebook / Toni Reis

Reprodução / Facebook / Toni Reis
Em protesto contra a “cura gay”, o diretor executivo do Grupo Dignidade Toni Reis, líder ativista LGBT (Lésbicas, Gays, Bissexuais, Travestis, Transexuais e Transgêneros), fez nesta terça-feira (19) um requerimento ao INSS (Instituto Nacional do Seguro Social) para pedir aposentadoria compulsória.
O documento tem como base a decisão da Justiça Federal de Brasília que permite terapia de “reversão sexual” e abre brecha para psicólogos tratarem homossexualidade como doença.
“Vamos formalizar,  usar os mesmos argumentos utilizados pelo juiz de Brasília. Quero receber a primeira aposentadoria por doença gay”, ironiza Toni Reis.
O pedido feito em nome de Reis pretende abrir precedente no INSS, como forma de protesto contra a decisão. “Já temos mais de 70 pessoas que pediram o modelo para também pedir aposentadoria. Se somos doentes, somos inválidos. Logo, temos que nos aposentar”, argumenta.
Toni Reis afirma que vai utilizar os mesmos argumentos dos psicólogos que entraram com a ação e do juiz na decisão. “Entende-se que a partir dessa decisão, em torno de 20 milhões de pessoas brasileiras que são homossexuais (segundo estimativas científicas baseadas no estudo de Kinsey, 1948) tornam-se inválidas e, portanto, elegíveis para receber aposentadoria por invalidez. Reconheço que o pagamento desse benefício imprevisto possa quebrar a Previdência Social uma vez por todas, mas sugiro que o déficit incorrido seja recuperado por meio da taxação da renda das igrejas que promovem a “cura gay””, diz um trecho do requerimento.
O pedido ainda calcula o que seria uma aposentadoria para o líder do Grupo Dignidade. “Como ainda não existe tabela para essa doença, sugerimos que o valor mensal do benefício seja 24 salários mínimos, com isenção de todo e qualquer imposto por motivo de crença (ou melhor, doença), e com direito a passaporte diplomático para poder empregar o tempo ocioso em viagens ao exterior, buscando a cura em centros avançados, e também divulgando a boa nova brasileira relativa à cura do ‘homossexualismo’.”

“Cura gay”

A ação é um protesto contra a decisão liminar em que o juiz Waldemar Cláudio de Carvalho determina que Conselho Federal de Psicologia (CFP) não pode proibir terapia de “reversão sexual” e abre brecha para profissionais tratarem homossexualidade como doença.
O tratamento é proibido pelo CFP desde 1999. Em comunicado, o órgão anunciou que vai recorrer da decisão.
Segundo o magistrado, psicólogos se encontram impedidos de fazer atendimento clínico ou promover estudos científicos acerca da reversão sexual, o que afeta, segundo ele, “os eventuais interessados nesse tipo de assistência psicológica”.
O CFP emitiu uma nota em que rechaça a decisão judicial e informa que vai recorrer da liminar, “lutando em todas as instâncias possíveis”.

Toni Reis

Líder do Grupo Dignidade, professor de Letras e Pedagogia, Toni Reis é destaque nacional na luta por direitos LGBT. Recentemente, ele e sua família receberam uma carta assinada pelo Papa Francisco reconhecendo a família do casal gay que possuí três filhos, todos batizados na Igreja Católica.
  • Papa deseja felicidades a casal gay que batizou filhos na Igreja
  • Arquidiocese diz que carta do papa a casal gay não muda conceito da Igreja sobre matrimônio
  • Catedral Basílica batiza três filhos de casal gay
Em 1992 Toni Reis foi um dos fundadores do Grupo Dignidade, a primeira organização da sociedade civil paranaense e a segunda da região Sul voltada para a promoção e defesa dos direitos humanos da comunidade LGBT. O Dignidade é um dos grupos mais atuantes do Brasil.

Leia a íntegra do requerimento:

“Requerimento de Aposentadoria Compulsória Retroativa por “Homossexualismo”
Ao: Exmo. Sr. Doutor Juiz Federal
Waldemar Claúdio de Carvalho
SAU/SUL Quadra 2, Bloco G, Lote 8, Brasília – DF
CEP: 70070-933 Telefone: 3221-6000
c.c. Exma. Sra. Raquel Dodge
Procuradora-Geral da República
c.c. Exmo. Sr. Ronaldo Nogueira
Ministro do Trabalho e da Previdência Social
c.c. Exmo. Sr. Ricardo Barros
Ministro da Saúde
Em 15 de setembro de 2017, o meritíssimo juiz federal Waldemar Claúdio de Carvalho concedeu liminar que permite o uso por psicólogos/as de terapias de “reversão sexual” de pessoas homossexuais, contrariando a Resolução 001/1999 do Conselho Federal de Psicologia, bem como as deliberações da Organização Mundial da Saúde, da Organização Pan-Americana da Saúde e do Conselho Federal de Medicina, entre outras organizações científicas, e promovendo o curandeirismo e o charlatanismo, uma vez que a decisão infere que as pessoas homossexuais são doentes e passíveis de tratamento, liberando assim a “cura gay”.
Entende-se que a partir dessa decisão, em torno de 20 milhões de pessoas brasileiras que são homossexuais (segundo estimativas científicas baseadas no estudo de Kinsey, 1948) tornam-se inválidas e, portanto, elegíveis para receber aposentadoria por invalidez. Reconheço que o pagamento desse benefício imprevisto possa quebrar a Previdência Social uma vez por todas, mas sugiro que o déficit incorrido seja recuperado por meio da taxação da renda das igrejas que promovem a “cura gay”.
Como ainda não existe tabela para essa doença, sugerimos que o valor mensal do benefício seja 24 salários mínimos, com isenção de todo e qualquer imposto por motivo de crença (ou melhor, doença), e com direito a passaporte diplomático para poder empregar o tempo ocioso em viagens ao exterior, buscando a cura em centros avançados, e também divulgando a boa nova brasileira relativa à cura do “homossexualismo”.
Sendo uma dessas pessoas inválidas, devido à minha condição homossexual que é de notório saber, venho por meio deste requerer minha aposentadoria compulsória, com direito a acompanhante especializado, retroativa até o início das primeiras manifestações da minha homossexualidade, por volta do ano de 1970.
Nestes termos, deferimento.
Curitiba-PR, 18 de setembro de 2017
Toni Reis
Diretor Executivo do Grupo Dignidade”

Fonte:http://paranaportal.uol.com.br

Governo recorre à Justiça para não dar auxílio a Márcio Rony

1505849578-49713011
Em vez de reunir esforços para auxiliar Márcio Rony da Cruz em seu tratamento, mesmo após não cumprir decisão judicial que obriga o Estado a fazer isso, o Governo do Maranhão interpôs recurso para não pagar auxílio.
Márcio, de 38 anos, teve 75% do corpo queimado na tentativa de salvar mãe e filhas em um incêndio a ônibus há pouco mais de três anos. Com uma série de argumentos, o Governo do Maranhão pede suspensão da decisão judicial que preza por sua obrigatoriedade de dar assistência a Marcio, que ainda está passando por tratamento pelos problemas citados.
Márcio Rony entrou na justiça contra o Governo do Maranhão tendo em vista que o mesmo estava desobedecendo a decisão judicial de dar assistência a ele. Ainda segundo Márcio, atualmente ele custeia do próprio bolso a compra de medicamentos e das passagens para Goiânia (GO), onde retorna a cada seis meses para se recuperar dos danos à pele no Hospital de Queimados.
Segundo Márcio Rony, a omissão do Estado ao tratamento começou no dia 28 de julho deste ano, quando, ao retornar da capital goiana com novas prescrições dos médicos, teve o acesso aos medicamentos negado pelo governo.
“A cada reavaliação, são repassados novos medicamentos. No entanto, desta vez, não consegui ter acesso aos remédios, e estou passando por necessidade”, disse.
Por causa do problema de Rony, o Instituto de Cidadania Ativa Belágua (organização não-governamental que presta assistência a pessoas com dificuldades de acesso a serviços públicos) – dirigido por Maurício Miguel – decidiu dar assistência judicial para tentar garantir o auxílio do Estado ao caso. No dia 31 de julho deste ano, o juiz José Edilson Ribeiro concedeu antecipação de tutela contra o Governo, que teria 30 dias para contestar o parecer.
Enquanto isso, Márcio Rony – que não pode trabalhar devido às lesões – vive da ajuda de amigos e familiares. “Para comprar remédios, eu preciso de ajuda. Se preciso viajar, também conto com os amigos. É uma situação chata, pois eu não estou pedindo favor e sim um direito meu, que é negado”, disse Rony a O Estado.
Márcio Rony confirmou ainda que, até o fim de 2014, todo o tratamento dele era bancado pelo Governo do Maranhão.
“Se eu precisava ir ao fisioterapeuta, contava com veículo para me transportar. No caso das passagens para Goiânia, também tinha a ajuda do Governo. Atualmente, eu não tenho nada do poder público”, disse.
Para comprar remédios, eu preciso de ajuda. Se preciso viajar, também conto com os amigos. É uma situação chata, pois eu não estou pedindo favor e sim um direito meu, que é negado”
Tratamento
Para se recuperar definitivamente dos danos à pele, Márcio Rony ainda precisa de assistência médica pelos próximos nove anos.
Atualmente, ele mora na estrada que dá acesso ao Panaquatira (São José de Ribamar). “Conto ainda com a colaboração do Estado, para que pare de depender apenas da solidariedade”, afirmou.
Sobre a denúncia de Márcio Rony, a Secretaria de Estado da Saúde (SES) informou, em nota, que comprovará, nos autos do processo, a assistência dada pelo Governo do Maranhão, que garante o tratamento de Márcio Rony da Cruz.
A SES comunicou que recorrerá da decisão, por dever legal, uma vez que sempre prestou regularmente o tratamento, os medicamentos e insumos ao assistido

Homem é preso acusado de apreender carros com falso mandado de busca

IMG-20170920-WA0000
A Polícia Civil, por intermédio da Delegacia de Roubos e Furtos de Veículos (DRFV), conseguiu cumprir na tarde da última segunda-feira (18) o mandado de prisão preventiva de Uruan Guaçu Cordeiro de Melo, de 26 anos, suspeito de integrar uma organização criminosa que aplicava fraudes na capital.
Segundo o delegado Fernando Guedes, o preso é suspeito de compor um bando de criminosos que atuava na cidade, onde se passavam por oficiais de justiça, sempre mediante a falsos mandados de busca e apreensão e logo subtraíam os veículos das vítimas.
A prisão foi autorizada pela Central de Inquéritos da comarca de São Luís e executada no bairro do Belira.
O suspeito foi encaminhado à sede da DRFV para prestar seu depoimento, onde foi autuado pelos crimes de associação criminosa, furto qualificado mediante fraude. Em seguida o mesmo foi recambiado ao Centro de Observação Criminológica e Triagem de Pedrinhas

VEM BOMBA AI! MINISTÉRIO PÚBLICO E GAECO, PODEM “ATERRIZAR” EM PREFEITURA DO ALTO TURÌ A QUALQUER MOMENTO!



O Blog do Werbeth Saraiva acaba de ser informado por uma fonte de altíssima confiança que uma prefeitura do Alto Turì Maranhense receberá uma visita para lá de “inesperada” segundo foi repassado ao Blog o ministério público fez o pedido de alguns documentos a essa prefeitura e até o momento não foram providenciados, o Blog apurou que uma ação investigativa do órgão em parceria com a polícia deve ser deflagrada em alguns dias, o alvo será a sede do administrativo, casa de secretários e até a residência de uma representante de entidade pode ser alvo, na ação pode existir mandados  de busca e apreensão.
É esperar ! 
VEM BOMBA AÍ!!!!

  • Blogs

  • Links Últeis

  • Contato

  • Facebook

  • Twitter