Inclusão do nome de Roseana na Lava Jato pode ter ligação do irmão de Flávio Dino com procurador Janot, diz Jornal!

O ministro do Supremo Tribunal Federal Teori Zavascki deferiu ontem
pedidos de abertura de inquérito feitos pelo procurador­-geral da
República, Rodrigo Janot, referentes a autoridades com prerrogativa de
foro e outros possíveis envolvidos em investigação cujo foco principal
são desvios de recursos da Petrobras. Na lista, estão o senador Edison
Lobão, o deputado federal Waldir Maranhão e a ex-governadora Roseana
Sarney, entre outros políticos.

Ex-governadora Roseana Sarney

Ex-governadora Roseana Sarney

Ao
tomar conhecimento do seu nome na lista dos envolvidos na Lava Jato, a
ex-governadora, que está nos Estados Unidos, se manifestou por meio de
sua assessoria.Roseana disse estar “perplexa” e considerou a inclusão de seu nome como uma “injustiça”.
Explicou que jamais teve qualquer tipo de relação com Paulo Roberto
Costa que não fosse institucional e assegurou que irá aguardar as
investigações para provar a sua inocência e repor a verdade.
O Jornal O Estado
disse na edição de hoje, dia 7, que apurou junto a fontes ligadas à
Procuradoria Geral da República, que a inclusão do nome da
ex-governadora pode ter relação com a ligação do irmão do governador
Flávio Dino, o procurador Nicolao Dino, com o procurador­-geral Rodrigo
Janot.
Segundo o matutino, “interesse político estaria
por trás de uma articulação visando garantir o nome de Roseana Sarney
na lista. Relembrando que foi o procurador Janot que pediu intervenção
no governo do Maranhão e criou comissão de procuradores para tratar da
Penitenciária de Pedrinhas”.

A reportagem diz ainda que, “o
intento seria também uma forma de retaliação da parte do irmão do
governador. Nicolao Dino teve o nome rejeitado pelo Senado ao Conselho
Nacional do Ministério Público quando José Sarney era presidente da
Casa, embora este não tenha influenciado na decisão, nem presidido ou
votado na sessão”.

do blog luis pablo.

Deixe uma resposta