Empresa do pai de deputado Felipe dos Pneus já faturou quase R$ 5 milhões na gestão Vianey Bringel

Luis Felipe Oliveira de Carvalho, o Felipe dos Pneus (PRTB), e seu pai, proprietário da empresa AB de Carvalho, Antonio Barbosa de Carvalho

A prefeitura de Santa Inês, comandada pela prefeita Vianey Bringel, parece possui grande “afinidade” com a empresa  A. B. DE CARVALHO, de nome fantasia ABC PNEUS, localizada na própria cidade. O proprietário da empresa, Antonio Barbosa Carvalho, é pai do deputado eleito Felipe dos Pneus. Vale ressaltar que nas eleições de 2018, Felipe obteve 23,02% dos votos no município, os mais próximos ao deputado diziam que ele seria candidato a prefeito no município nas eleições de 2020, mais os altíssimos contratos que a empresa pertencente a sua família consegue “vencer” no município, soa no mínimo estranho.

QUASE R$ 5 MILHÕES EM CONTRATOS

De acordo com levantamento realizado pelo blog junto ao SACOP, Sistema de Acompanhamento de Contratações Públicas, a empresa do pai de Felipe dos Pneus já faturou do ano de 2017 até os dias atuais em Santa Inês, exatos; R$ 4.639.505 (Quatro milhões seiscentos e trinta e nove mil quinhentos e cinco reais.)

Os contratos firmados entre a ABdeCarvalho e a prefeitura de Santa Inês, tem como finalidade a aquisição de câmaras, pneus e protetores automáticos para atender as necessidades do município. Analisando a soma dos contratos é de causar estranheza só de imaginar que na aquisição de câmaras e pneus, a prefeitura de Santa Inês, já tenha gasto quase cinco milhões durante os quase quatro anos de gestão da prefeita Vianey Bringel.

Nova Política

 O deputado Felipe dos Pneus, alega ser um integrante da “nova política” de acordo com ele, bem longe daquelas praticas sorrateiras que é de costume dos velhos políticos que se utilizam de influencia  para favorecer empresas privadas de familiares e até mesmo a velha pratica de direcionamento em certames. Para Felipe isso é um verdadeiro absurdo.

VEJA OS CONTRATOS;

O Ministério Público precisa investigar!

 

Vianey Bringel tem até 30 dias para realizar reforma em escola no município de Santa Inês

O município de Santa Inês deve promover reformas e adequações na Escola Municipal Tomaz de Aquino Bringel, no prazo de 30 dias. A decisão foi da 5ª Câmara Cível do Tribunal de Justiça do Maranhão (TJMA), mantendo entendimento do Juízo da 3ª Vara da Comarca, que deferiu liminar em ação civil pública ajuizada pelo Ministério Público do Estado (MPMA), sob pena de multa diária de R$ 1 mil, em caso de descumprimento.

A decisão de primeira instância determinou a instalação de ventiladores em todas as salas de aula, instalação de lâmpadas em todo o prédio escolar; limpeza das paredes e instalação de dois bebedouros com filtro externo, bem como regularização do telhado para retirada de goteiras e focos de endemia, conserto do forro, instalação de janelas novas e de piso em toda a unidade, além de pintura interna e externa, com cores que remetam à bandeira do município.

Inconformado, o município sustentou que o cumprimento da decisão depende de procedimento licitatório e que o prazo de 30 dias é muito curto. Nas contrarrazões, o MPMA apresentou novo relatório de vistoria, datado de 2018, que revela como não atendidos vários itens da decisão anterior.

O relator, desembargador Raimundo Barros, entendeu que as reformas exigidas pela Justiça de 1º grau visam a melhoria estruturais identificadas desde a realização de vistorias nos anos de 2015 e 2016, que continuam sendo necessárias.

Barros destacou que não se concebe a possibilidade de que seja fornecido o ensino gratuito e de qualidade sem que haja a estrutura mínima no ambiente escolar. Para o relator, a pretensão do município se contrapõe ao direito à educação, amplamente assegurado pela Constituição Federal.

Os desembargadores Ricardo Duailibe e Kleber Carvalho acompanharam o voto do relator, negando provimento ao agravo do município.

Prefeitura de Santa inês fecha contrato milionário com empresa de Recife

A Prefeitura de SANTA INÊS vai gastar cifras milionárias com  a contratação de empresa para prestação de serviços de locação de caminhões e maquinas pesadas.

A empresa contratada para executar o serviço é a R. L. DE FARIAS – EPP localizada em Recife,é de propriedade dos sócios Rene de Lira Farias,Rosane de Lira Farias Lopes,Ricardo de Lira Farias.

O valor exato que a prefeitura pagará a empresa ,é R$ 3.404.920,00 (três milhao quatrocentos e quatro mil novecentos e vinte reais). Vigência: do contrato é de 12 (doze) meses.