MP investiga prefeito de Vitória do Mearim por contrato de quase R$ 2 milhões

O prefeito de Vitória do Mearim, Nato da Nordestina, está sendo investigado por supostas irregularidades em um contrato de quase R$ 2 milhões.

Segundo informações obtidas pelo Blog do Werbeth Saraiva, o gestor teria contratado por meio do processo licitatório na modalidade Tomada de Preços nº 08/2018, do tipo menor preço global, uma empresa especializada nos serviços de recuperação de estradas vicinais no município dos seguintes trechos:

Acesso ao povoado Passagem de Areia – extensão 2.9000 metros;
do povoado Coque ao povoado Criminoso – extensão 29.550 metros;

Da BR 222 ao povoado Palermo – extensão de 2.300; do povoado Tirirical passando pelo Povoado Japão até o povoado São Benedito – extensão 29.000 metros.

Além do péssimo serviço prestado, o contrato é suspeito de superfaturamento. O valor da obra foi de R$ 1.800.000,00 (um milhão e oitocentos mil reais).

 

Vitória do Mearim: Prefeito fecha contrato de mais de R$ 1 milhão para pavimentação e cidade está cheia de buracos

A cidade de Vitória do Mearim vive um verdadeiro caos em relação a falta de infraestrutura que tem tirado a paz dos moradores da cidade. O prefeito Nato da Nordestina tem realizado contratos milionários para a pavimentação urbana, mas segundo a população a cidade está “infestada” de buracos.

O Blog do Werbeth Saraiva tomou conhecimento de um contrato no valor que se aproxima de R$ 1,5 milhão firmado com a empresa Ecotech Construção e Serviços Eirelli, localizada em São Luís e tem como proprietário Valmir Moraes Nava.

A população reclama que, apesar do valor absurdo do contrato, as ruas da cidade estão cada vez pior. O período chuvoso tem causados alagamentos em algumas ruas e avenidas, proibindo a ultrapassagem de pedestres e veículos.

Outra reclamação vem por parte dos pais de alunos que relatam que as crianças estão tendo dificuldades para irem às escolas.

“As ruas ficam completamente alagadas, a criança perde muito tempo e acaba chegando atrasada no colégio, isso é um verdadeiro absurdo”, disse a mãe de um aluno.

Os moradores pedem ao Ministério Público que tomem alguma providência.

Veja o contrato: Contrato

Prefeitura de Vitória do Mearim vai pagar mais de R$ 1,8 milhão para produtora de festa

Dídima Maria Corrêa Coelho, prefeita de Vitória do Mearim.

A Prefeitura de Vitória do Mearim irá desembolsar cifras milionárias para custear organização de eventos para a cidade. Os contratos foram celebrados com a empresa J.C. Castro Lopes-ME.

A empresa J.C Castro que também é conhecida como Kadosh Serviços Corporativos,fica localizada na Rua Rio Branco, bairro Centro, no município Humberto de Campos,cerca de 236,1 KM de distância da sede de Vitória do Mearim.

De acordo com dados do Tribunal de Contas do Estado(TCE),os serviços de execução e realização das datas comemorativas  firmados com a Secretaria  Municipal de Cultura, Turismo, Desporto e Lazer irão custar aos cofres município R$ 1.825.734,00 milhão.

O primeiro  contrato assinado com a empresa J.C.Castro,que tem como proprietário Jean  Carlos  Castro Lopes,foi assinado em 01 de fevereiro avaliado em R$ 1.690.182,00. Já o segundo assinado em 3 de maio,está orçado em R$ 135.552,00. Todos os contratos terão validade de 12 meses.