Mães de alunos fazem manifestação em Bacabeira

Na manhã desta sexta feira (31) mães de alunos da Escola Municipal Wilson Félix realizaram uma manifestação na frente da Secretaria Municipal de Educação. Elas saíram em defesa da atual diretora da escola, identificada como Elinete, que foi demitida por exigir melhorias para a escola.

No protesto,as mães denunciaram  que  na unidade escolar não  há  produtos essenciais para o funcionamento do local,como por exemplo, materiais de limpeza e de higiene. Até fechamento desta edição, ninguém da Secretaria de Educação se pronunciou  sobre a manifestação.

DITADURA! Ameaça de repressão a protestos deixa população assustada em Viana

Prefeito Magrado Barros

O clima no dia de ontem (26) no município de Vina foi de verdadeira ditadura. Boa parte da população saiu as ruas do município para protestar contra a péssima gestão do prefeito Magrado Barros (PSDB.) A população de Viana sofre com atrasos de salários, péssima qualidade da educação além da precária saúde pública oferecida pela gestão.

Pelas redes sociais um grupo de pessoas se organizaram para protestar contra a gestão, a noticia do protesto chegou cedo aos “ouvidos” de Magrado, que segundo foi repassado ao blog por moradores do município, ordenou aos seus asseclas de confiança, que monitorassem o evento afim de encontrar familiares e até mesmo funcionários na manifestação, magrado mandou espalhar que iria reprimir quem se posicionasse contra ele usando a maquina pública. A população de Viana que tem como principal fonte de renda atividades ligadas a pesca e a prefeitura municipal que é a maior empregadora do município, pensando na repressão alardeada na cidade por aliados do prefeito a população que em sua grande maioria é familiares de funcionários, que mesmo com meses de atraso nos pagamentos resolveram se resguardar para “escapar” de qualquer vingança promovida pela gestão. A ditadura e o mau uso do dinheiro público vem se arrastando no município de Viana, além dos fortes indícios de corrupção. O Ministério Público “assiste” de longe e sem fazer nada.