Reunião reafirmou pré-candidatura de Josimar e preferência de Dino por Brandão

O deputado federal Josimar Maranhãozinho (PL) esteve no Palácio dos Leões, a convite do vice-governador Carlos Brandão (PSDB), para se reunir com o governador Flávio Dino (PCdoB) e o chefe da Casa Civil, Marcelo Tavares (PSB). Quem participou da reunião também foi o ex-deputado federal Júnior Marreca, representando o conglomerado de partidos capitaneados por Josimar no Maranhão.

A reunião não significou uma desistência da candidatura de Josimar para embarcar no projeto de reeleger Carlos Brandão (PSDB) governador. “Eu afirmei que sou candidato ao governo do Maranhão”, disse Josimar em conversa com o titular do blog do Werbeth Saraiva. Josimar disse que a reunião serviu para reaproximar os partidos PL, Patriota e Avante do Governo do Maranhão. “Reunião serviu para um diálogo entre partidos da base do governo, Patriota, Avante e PL. E também como o governo pode ajudar nossos aliados”, disse Josimar que elegeu mais de 40 prefeitos nas últimas eleições.

Interessante foi o que foi revelado por Josimar. De que Flávio Dino, apesar de incentivar candidaturas – neste momento – da base aliada, tem dito que o seu candidato ao governo é o seu vice-governador, Carlos Brandão. É uma forma de continuidade das ações do seu governo. “Ele [Flávio Dino] disse que no momento todos têm o direito de se lançar, mas pra ele [Dino], de fato, quem vai ser governador é Brandão”, declarou Josimar ao blog.

Josimar volta assustando adversários…

A movimentação do deputado federal Josimar Maranhãozinho (PL) tem incomodado seus adversários. O ataque tem sido a defesa daqueles que se preocupam com a consolidação da candidatura de Josimar ao governo do Maranhão.

Considerado um dos principais jogadores da política maranhense, Josimar sabe aproveitar as oportunidades que tem. A sua aproximação com o presidente da República, Jair Bolsonaro (sem partido), sem necessariamente desembarcar do governo Flávio Dino (PCdoB) preocupa, principalmente, postulantes que estão sem a máquina, no entanto, sem poder de fogo para a disputa eleitoral de 2022.

Embora seus porta-vozes vociferam o contrário, o senador Weverton Rocha (PDT) disse recentemente em uma entrevista na rádio Nova FM que “não seria nem louco” de arrumar confusão com o deputado Josimar. Afirma que são do mesmo campo e que Josimar tem tido a habilidade de construir um grupo político forte. Isso é o que diz publicamente. Mas não será com tapinha nas costas e ataques telegrafados que Josimar vai incorporar o seu grupo – com mais de 40 prefeitos, bancada de deputados federais e estaduais, dezenas de vereadores – a um outro projeto político. Fica a dica!

Josimar sobre aliança com Roberto Rocha: “Não procede”

Foto tirada no ano de 2020 de Roberto Rocha e Josimar

Cada vez mais próximo do Governo Federal, o deputado federal Josimar Maranhãozinho, presidente do Partido Liberal no Maranhão, falou com exclusividade com o blog do Werbeth Saraiva sobre uma possível aliança com o senador Roberto Rocha (PSDB), que também é aliado de Jair Bolsonaro, mas no Maranhão segue caminho distinto do escolhido por Josimar.

​“Não procede”, foi a resposta de Josimar ao ser perguntado sobre a aliança. O dirigente do PL, que também é pré-candidato ao governo do Maranhão, disse que apesar de não haver uma união os dois seguem conversando “muito no âmbito da política do Maranhão”.

​Josimar, que elegeu mais de 40 prefeitos no Maranhão, deixou claro a sua estratégia de aliança política. Conhecido por ser leal, Josimar disse que suas decisões são decididas em Brasília, em conversa com o presidente nacional do PL, Valdemar da Costa Neto, e o seu partido.  “Esse sim eu paro pra ouvi-lo antes de importantes decisões, pois ele me representa.”, respondeu ao blog.​

​O fortalecimento de Josimar no núcleo do Governo Federal, do presidente Jair Bolsonaro, mostra que ele é o único que tem musculatura política e partidária (financeira) para ser um candidato que represente a bandeira do bolsonarismo no Maranhão. Na sua agenda política, ele pode mostrar concretamente em que Bolsonaro tem ajudado o Maranhão, já que Josimar tem um grupo fechado com mais de 40 prefeitos,que pode, nos próximos meses aumentar, à medida que sua influência aumenta junto a Bolsonaro.

Duas perguntinhas do blog

Werbeth Saraiva – Sobre essa união com Roberto Rocha. Procede mesmo?

Não procede. Temos conversado muito no âmbito da política do Maranhão.

Werbeth Saraiva – Não quer dizer que não ocorra no futuro? Certo?

Tenho me aproximado mais do governo federal através do partido e do próprio Valdemar que sempre me apoiou em todos momentos políticos da minha vida. Eu posso dizer que tenho um líder ou pai político e que pode até me liderar em tomadas de decisões. Valdemar da Costa Neto, esse sim, eu paro pra ouvi-lo antes de importantes decisões pois ele me representa.

Lula candidato muda cenário no Maranhão

A mudança do tabuleiro político em busca do Palácio do Planalto pode também ensejar no jogo político local. No Maranhão, Lula presidente pode significar uma avenida para aliados do governador Flávio Dino (PCdoB), que têm reprimido desejos eleitorais por conta do rumo que o comunista deve tomar.

Com a anulação das condenações do ex-presidente Lula e uma candidatura em contraponto a Jair Bolsonaro, a esquerda pode defender uma união em torno da figura, mesmo desgastada, de Lula. E o PSB, possível futuro partido de Flávio Dino, pode indicar uma vaga para a vice-presidência, em torno de uma frente mais ampla à esquerda. É aí que mora o sonho de Flávio Dino, de compor, ao lado de Lula, uma chapa que leve à derrocada do bolsonarismo.

Muda no Maranhão

Sem Flávio Dino no senado, aliados e novos aliados do governador – e até adversários (nem tanto assim) podem brigar pela vaga senatorial. Othelino Neto, Josimar de Maranhãozinho, Roseana Sarney são alguns nomes que podem se animar com a ausência de Flávio Dino aqui no Maranhão.

A formação de chapas no Maranhão, pelo visto até aqui, deve ser influenciada pelos candidatos a presidência.

Josimar Maranhãozinho quer ajuda emergencial para setor de eventos

Josimar é chamado por Artuh Lira para fazer parte da mesa durante sessão na Câmara Federal

A reeleição de deputado federal para Josimar Maranhãozinho (PL) é facultativa. Com trânsito livre nos corredores do Congresso Nacional, o presidente do PL, Josimar, tem tocado o seu mandato em prol de benefícios aos maranhenses.

A mudança da mesa diretora da Câmara dos Deputados não alterou a influência do parlamentar, pelo contrário, tem se aproximado cada vez mais do centro do poder. Durante a sessão desta terça-feira (3), ao lado do presidente da Câmara, o deputado Arthur Lira (PP), Josimar tratou de assuntos relevantes para o país.

Crédito extraordinário para compra das vacinas, aumento da margem de consignados para aposentados e ações emergenciais para o setor de eventos, estiveram em pauta em Brasília.

“Estamos aqui servindo ao Brasil, mas sempre com a visão de buscar as melhores soluções para o nosso Maranhão.”, disse o parlamentar.

As duas máscaras: Cleones se preocupou com a de pano

Para recordar:pré-candidato a estadual, Duarte Júnior sobe em telhado para estrelar comercial do Procon/Viva

Chamou atenção o duro discurso que o presidente do Tribunal Regional Eleitoral, desembargador Cleones Cunha fez contra o deputado federal Josimar de Maranhãozinho (PL). O magistrado não citou nominalmente o deputado Josimar, mas repudiou o fato dele “mandar confeccionar máscaras de pano com o logo do Partido Liberal.

O magistrado disse que o caso terá resposta rápida do Tribunal que preside. Engraçado, que o mesmo Cleones Cunha não quis dar uma resposta rápida no processo de cassação do midiático Duarte Jr (Republicanos), que usou e abusou da estrutura do Procon – segundo denúncia – para se eleger deputado estadual. O processo de cassação caminhou a passo de tartaruga no TRE e estava no ponto de ser julgado desde o dia 19 de agosto de 2019.

O processo só foi julgado no meio da pandemia, no último dia 04 de maio, sem a devida atenção da imprensa que cobre política. E pasmem: o desembargador Cleones Cunha votou favorável ao deputado Duarte Jr.

As palavras de Cleones contra Josimar poderia servir para justificar um voto pela cassação de Duarte Jr: “Tenha certeza, quem fizer besteira desse tipo, ações que desrespeitam a população, desrespeitam o cidadão maranhense, terá uma resposta rápida, tanto do Ministério Público, quanto do Tribunal Regional Eleitoral”.

A máscara de bom moço e defensor de uma “nova política” não chocou Cleones, somente uma máscara de pano. Talvez por se tratar de um político que não vem de uma família tradicional, como é a do desembargador que comanda uma oligarquia em Tuntum, comandada pelo irmão Dr. Tema e a deputada estadual Daniella Tema (Republicanos), aliada de Duarte Jr.

Desembargador Cleones Cunha ladeado da cunhada deputada Daniela Tema e do irmão, Prefeito de Tuntum

Revista Veja diz que Valdemar Costa Neto teria indicado Josimar Maranhãozinho para comandar Banco do Nordeste

Josimar Maranhãozinho é pretenso candidato ao governo do Maranhão.

Valdemar Costa Neto é o atual mandatário do Partido Liberal (PL) no país.

 No Maranhão o PL é comandado pelo deputado federal licenciado Josimar de Maranhãozinho. Josimar é tido como um dos políticos de maior confiança de Costa Neto, é chamado de presidente, no PL nacional.
 Banco do Nordeste
 De acordo com a revista Veja, o Planalto havia prometido a presidência do Banco do Nordeste ao Valdemar Costa Neto. Eles até já tinham um “quadro técnico” para colocar no comando do banco, um cupincha que atende pela alcunha de “Maranhãozinho”.

Bolsonaro entrega banco do nordeste ao PL de Josimar Maranhãozinho

Os partidos do centrão fecharam o desenho do cargos a que terão direito no governo e o Palácio do Planalto faz agora uma pesquisa detalhada sobre os nomes que foram indicados por Progressistas, PL e Republicanos. O ponto central do pente-fino é buscar qualquer associação dos postulantes ao cargo com o PT. As siglas foram avisadas de que haverá pesquisa profunda na internet para saber se os indicados “seguem” alguém da oposição nas redes sociais ou se já doaram recursos para algum candidato do PT.”

A matéria ainda informa que “a indicação fez com que o centrão corresse para alertar seus indicados a fazer “uma limpa” em seus perfis na internet. Pelo acerto discutido hoje (21) com o governo federal, o PL, de Valdemar Costa Neto, ficará com a presidência do Banco do Nordeste e a secretaria de vigilância em saúde no Ministério da Saúde.”

O PL é comandado pelo deputado federal Josimar Maranhãozinho no Maranhão.

Informações de Bsb.

Josimar confirma pré-candidatura de Detinha em São Luís

Josimar e Detinha

Em conversa com o editor do blog do Werbeth Saraiva, Josimar Maranhãozinho (PL) confirmou pré-candidatura de sua esposa e deputada estadual Detinha ao cargo de prefeita da capital do estado.

“Se Deus e a população de São Luís abraçar será nossa prefeita.”  Enfatizou Maranhãozinho.

O nome de Detinha foi posto no cenário após matéria deste blog onde relatava que um suposto apoio do PL a pré-candidatura de Duarte Jr seria um sinal que Josimar estaria abrindo mão de concorrer ao governo em 2022 tendo em vista que Duarte é projeto do candidato natural ao governo, Carlos Brandão.

Pré-candidato em Turiaçu reafirma compromisso com o PP

André Fufuca e Adson Manoel

Na manhã de hoje (06) o deputado André Fufuca (PP) recebeu o jovem Adson Manoel que reafirmou a pré-candidatura pelo PP.

A eleição de 2020 em Turiaçu promete ser uma das mais acirradas da história política do município.

Por um lado, o pré-candidato Adson Manoel apoiado pelos deputados federais Josimar Maranhãozinho e André Fufuca e de outro o empresário Edésio Cavalcante apoiado pelos deputado Dr. Yglésio e Othelino Neto.

E mais…