URGENTE! Pré-candidato a prefeito de Godofredo Viana é esfaqueado por aliada do atual prefeito

Júnior Matos

O desentendimento aconteceu ainda na noite deste domingo (19) quando um rapaz identificado como Jonathan passou a noite inteira provocando o pré-candidato Júnior Matos durante uma festa na cidade de Carutapera.

Na manhã desta segunda (20) uma senhora conhecida como Bia (mãe de Jonathan), convidou Júnior Matos para ir até a casa dela. O pré-candidato foi até o local afim de resolver a situação.

Só que chegando no local, Júnior foi recebido com agressividade, inclusive sendo atingido por um pedaço de tijolo na cabeça quando estava ainda dentro do carro.

Júnior Matos desceu do carro para tentar acalmar a mulher, que em seguida pegou uma pá e tentou acertá-lo. Nesse momento Júnior acabou se desequilibrando e caindo, foi quando Bia puxou uma faca da cintura e desferiu vários golpes em Junior que conseguiu desviar, mas ainda foi atingindo no braço.

A mulher foi contida por populares e Júnior Matos conseguiu deixar o local.

Ex-presidiário “Canela” fatura mais um contrato de R$ 1,1 milhão em Godofredo Viana

Empresário Canela e prefeito Sissi Viana

O extravio desenfreado de dinheiro público no município de Godofredo Viana parece não ter fim e o que é pior; ocorre nas “barbas” do Ministério Público local que é de fraquíssima atuação.

O município com pouco mais de 10 mil habitantes de acordo com o último censo do IBGE, fechou contrato com a empresa CONSENT – CONSTRUTORA SERVIÇOS E TERRAPLANAGEM LTDA, cujo dono é velho conhecido da Polícia Federal pois foi preso no bojo da operação “rapina”, acusado de integrar uma quadrilha especializada em desviar verbas federais.

O empresário Raimundo Afonso Ribeiro, mais conhecido como Canela, voltou a atuar de forma escancarada em diversos municípios do Maranhão mesmo após a prisão.

O prefeito Sissi Viana estima pagar a empresa do ex-presidiário R$ 1.183.520,69 (um milhão cento e oitenta e três mil quinhentos e vinte reais e sessenta e nove centavos), com a manutenção da iluminação pública municipal.

Em Godofredo Viana, “Canela” achou uma verdadeira mina de dinheiro público. Ocorre que de acordo com denúncias recebidas pelo blog os serviços pelo qual a empresa é contratada não são executados no município e quando são, é de péssima qualidade. O Ministério Público deve investigar a existência de um esquema imoral de notas frias no município.

Os contratos de “canela” e Sissi Viana são um verdadeiro acinte as leis deste país.

 

Bomba! Sissi Viana contrata empresa envolvida na ‘Operação Rapina’

Empresário Canela e prefeito Sissi Viana

A prefeitura de Godofredo Viana comandada pelo prefeito Sissi Viana contratou por cifras exorbitantes a empresa consent construtora serviços e terraplanagem LTDA.

O objeto do contrato é a prestação dos serviços de obras de pavimentação e drenagem superficial no Município. O valor do serviço é de; R$ 1.857.500,00 (Um milhão oitocentos e cinquenta e sete mil e quinhentos reais).

A empresa tem sede no município de São Luís no bairro são marcos e funciona em uma sala do edifício Century multiempresarial.

A CONSENT, pertence ao empresário Raimundo Afonso Ribeiro, mais conhecido como Canela, preso numa das maiores operações do país por integrar uma quadrilha especializada em desviar recursos federais.

O prefeito Sissi Viana, parece desafiar o Ministério Público com a contratação de um alvo da PF na maior operação já realizada no estado, operação Rapina.

MP NELES!

Empresário Canela e prefeito Sissi Viana

Alô, MP!!! Prefeito de Godofredo Viana é suspeito de beneficiar empresários através de terceiros

Prefeito de Godofredo Viana, Sissi Viana.

O Blog Werbeth Saraiva recebeu uma grave denúncia contra o prefeito de Godofredo Viana,Shirley Viana Mota, Sissi Viana (PSDB).

De acordo com as denúncias,o filho de Sissi Viana, Thiago Mendes Mota, estaria “presenteando” seus amigos empresários com contratos com a prefeitura sem licitação. As denúncias apontam ainda, que a atual gestão de Godofredo Viana mantém sob sigilo,evitando a divulgação de atos administrativos como: exoneração, diário oficial, licitações e contratos que ocorrem no município.

Em decorrência da falta de transparência, os empresários interessados acabam não tendo acesso aos pregões de Godofredo Viana, restringindo a competitividade  dos certames.

O Ministério Público do Maranhão(MPMA) deve investigar a Prefeitura de Godofredo Viana por suspeita de licitações fraudulentas. Há,por exemplo, fortes indícios  que  empresários ligados ao filho de Sissi estariam repassando à Prefeitura notas frias.

Secretário José Neto participa de audiência na Câmara de Vereadores de Governador Nunes Freire

Secretário  de Administração de Godofredo Viana, José Neto.

O secretário de Administração ,José Neto,participou no último dia 17, da audiência realizada pela  Câmara de Vereadores de Godofredo Nunes Freire.

Na ocasião,ele   esclareceu  sobre os acordos contratuais  firmados pela Prefeitura daquele município.

“Quero aqui parabenizar o comparecimento do  secretário Neto,onde ele apresentou  a todos, os investimentos que a gestão municipal vem realizando ” disse o vereador Ronaldo.

 

 

 

Olha aí, Francisco Jansen! TCE-MA revela que Sissi Viana esconde como é gasto dinheiro do povo

Prefeito Sissi Viana

Análise técnica do Tribunal de Contas do Estado (TCE) constatou que a gestão do prefeito Sissí Viana (PSDB) em Godofredo Viana descumpre praticamente todos os critérios estabelecidos pela Lei de Responsabilidade Fiscal (LRF) e Lei da Transparência sobre a divulgação de receitas e despesas da administração pública na internet.

Segundo a avaliação mais recente, divulgada ontem (14), a Prefeitura Municipal de Godofredo Viana, até possui um site orçamentário e financeiro do ar, mas não o atualiza, descumprindo todas os outros  itens do relatório.

A falta de transparência impede que o cidadão acompanhe, dentre outras coisas, para onde está sendo destinado o dinheiro público.

Pela legislação, caso permaneça na marginalidade, a gestão municipal ficará proibida de receber transferências voluntárias e assinar convênios com os governo Estadual e Federal, até que se regularize.

Já Sissi Viana pode ser acionado e responder por improbidade administrativa, que dentre as punições tem a perda do mandato.

Ministério Público, calado! 

O Ministério Público do município de Godofredo Viana, na qual responde o promotor, Francisco Jansen Lopes Sales, tem se mantido calado diante das irregularidades e desrespeito A Lei Complementar 131/2009. O promotor, deve acionar o município e tomar medidas cabíveis para que Sissi Viana, deixe de esconder o que faz com o dinheiro público do município.

Governo adotou silêncio sobre rompimento da barragem de rejeitos da mineradora Aurizona em Godofredo Viana MA

O governador Flávio Dino “correu” para as redes sociais para se solidarizar com as famílias que perderam seus entes queridos na tragédia registrada nesta semana em Minas Gerais, centenas de pessoas ainda se encontram desaparecidas e dezenas de óbitos já foram confirmados.

No final do ano passado(2018), a falta de fiscalização dos órgãos do Governo do Estado permitiu que empresas como a Mineradora Aurizona S/A atuassem no noroeste maranhense sem qualquer tipo de impedimento ou fiscalização ambiental, o que acabou resultando em uma ocorrência parecida, todavia de menor proporção e sem vítimas fatais, na época os rejeitos invadiram e destruíram manguezais chegando a deixar uma comunidade inteira isolada. Reveja AQUI.

Na época a Secretaria de Estado do Meio Ambiente e Recursos Naturais – SEMA e o Ministério Público Estadual não se posicionaram sobre o caso, a Secretaria Municipal de Meio Ambiente de Godofredo Viana emitiu nota, todavia muito desconexa, com relação a medidas que nunca foram adotadas para punir a empresa. Felizmente o ocorrido envolvendo a Mineradora AURIZONA não teve vitimas, mais os resíduos químicos que vazaram e se misturaram no meio ambiente, causou enorme estrago ambiental, que na ocasião passou despercebido aos “olhos” dos órgãos de fiscalização do estado.

Descaso com crianças em Hospital de Godofredo Viana

A falta de respeito com a população de Godofredo Viana é sem tamanho e a cada dia que passa a situação fica mais absurda.

 O Ministério Público local pelo que parece não é nada atuante. Essa imagem em destaque no blog para a população do município é cena corriqueira, uma criança sobre uma das camas do hospital, além da falta de higiene que já é um absurdo, a secretaria de saúde se nega a colocar que seja um lençol sobre o colchão. 

 O desrespeito no município só se intensifica…

Após prejuízos causados ao Meio Ambiente, Mineradora deve ser multada por órgãos de controle ambiental

A ocorrência registrada durante o último domingo (04), demonstrou que a empresa de mineração que se instalou no oeste maranhense trabalha de forma desordenada e irregular (sem se adequar aos procedimentos de segurança exigidos). O rompimento de uma barragem de rejeitos poderia ter sido evitada se a empresa que atua no ramo de mineração tivesse um controle de riscos eficiente. Por sorte ninguém se feriu no ocorrido e os danos causados se estenderam somente ao meio ambiente e na interrupção do tráfego na estrada nas proximidades de atuação da mineradora.
A Secretaria de Estado do Meio Ambiente e Recursos Naturais – SEMA e o Ministério Público Estadual deverão se posicionar durante o decorrer da semana provavelmente com decisão favorável a multar a empresa, a Secretaria Municipal de Meio Ambiente de Godofredo emitiu nota todavia muito desconexa com relação as medidas punitivas que deverão ser tomadas, a pasta municipal pode ser considerada uma das culpadas pelo ocorrido já que se tivesse realizado o seu trabalho de forma objetiva, teria detectado a atuação irregular da empresa de mineração.
Em novembro de 2015, ocorreu o pior acidente da mineração brasileira. Neste dia houve um rompimento de barragem da mineradora Samarco, o rompimento praticamente devastou uma cidade inteira a deixando debaixo da lama, pessoas ficaram desabrigadas outras perderam a vida com a tragédia. A empresa foi obrigada na justiça a pagar uma indenização a cada morador da comunidade além de pagou um total de 552 milhões de reais em 68 multas aplicadas pelo Ibama e governos de MG e ES.

ABSURDO! Depósito de minério de empresa se rompe e bloqueia estrada no interior de Godofredo Viana

A população de um dos povoados do município de Godofredo Viana está isolada por conta de uma explosão que ocorreu na área de um depósito de sobras de matérias de mineração da empresa Aurizona. 

Segundo relatos encaminhados ao blog uma série de explosões ocasionadas por detonações de dinamites, fizeram com que um depósito de sobras de minério da empresa se rompesse e bloqueasse a principal via de acesso do povoado, até o momento as famílias encontram se isoladas. 

O pior é que a falta de fiscalização de órgãos competentes que protegem o meio ambiente faz com que episódios como esses se tornem rotineiros. 

“ O derramamento de minério e substâncias químicas utilizadas no processo de extração e preparo do material extraído pela empresa, quando se rompe causa um estrago incalculável ao meio ambiente, a mistura dos materiais com água faz com que o líquido precioso se torne imprópria para uso.” 

Após incidentes como esse além do prejuízo enorme ao meio ambiente, a morte de peixes, caranguejos e outros seres é inevitável. 

É preciso que os órgãos de controle ambiental e até o Ministério Público se posicione.