PRF apreende carga de drogas na BR-010

A Polícia Rodoviária Federal (PRF) apreendeu na madrugada de terça-feira (20) um frete de droga na BR-010, em  Estreito.

Segundo a PRF, Durante a abordagem a um veiculo de passeio, o condutor apresentou diversas contradições, o que levantou a suspeita dos agentes.

Ainda durante a  revista, foram encontrados  7 pacotes de substância análoga à cocaína.

42 tabletes de maconha estavam escondidos nos forros da porta e dentro da lataria da tampa traseira — Foto: Divulgação/Polícia Rodoviária Federal

Com a ajuda do K-9 do canil da Polícia Militar (PM), foram localizados mais 42 tabletes de  maconha  que estavam armazenados nos forros da porta e dentro da lataria da tampa traseira.

 O condutor e o material apreendido foram apresentados no Plantão Central da Polícia Civil em Imperatriz.

Polícia Civil apreende 20 kg de maconha em São Luís

A Polícia Civil  prendeu na noite da última terça-feira (2) Angélica Santos Silva, no bairro São Bernardo,em São Luís.

Segundo a polícia, Angélica foi monitorada após denúncias anônimas apontando que   usava uma  quitinete  para armazenar a droga. No local, os agentes apreenderam cerca de 20 kg de maconha.

além das  19 peças de maconha armazenadas  dentro de uma caixa de papelão,foram encontradas  duas balanças de precisão e outros apetrechos para confeccionar drogas. Após o auto de prisão em flagrante, Angélica foi encaminhada para o presídio feminino, em São Luís.

Angélica foi presa com 20kg de maconha no bairro São Bernardo. Foto: Polícia Civil

Professora vendia drogas dentro de escola, em Santa Luzia do Paruá

A prisão foi registrada na tarde desta segunda-feira (26), em Santa Luzia do Paruá. Além da prisão da professora, um comparsa também foi preso. A professora Lucimara Sousa de Pinho Oliveira (29 anos) é acusada de comercializar drogas para alunos dentro do próprio local de trabalho ou seja, uma escola pública de Santa Luzia do Paruá.

A Polícia Civil de Santa Luzia do Paruá vem fazendo um trabalho minucioso no combate ao tráfico de drogas na cidade. Maiores informações sobre o caso a qualquer momento.

A SEMED ainda não emitiu nenhuma nota oficial sobre o caso que deve ganhar novos contornos nas próximas 24 horas.

Cidade de verdade