PF desarticula quadrilha que teria desviado R$ 40 mi da saúde e educação no Pará

 

Resultado de imagem para PF

Agentes cumprem nesta sexta-feira (9) nove mandados de prisão e 30 de busca e apreensão. Segundo a PF, suspeitos usavam empresas de fachada para participar de processos de licitação oferecendo produtos que não eram entregues a prefeituras.(Foto:Reprodução)

PF realiza operação contra fraudes de licitação na saúde e na educação no Pará

A Polícia Federal realiza na manhã desta sexta-feira (9) uma operação para combater uma quadrilha suspeita de envolvimento com fraudes de licitações em prefeituras do interior do Pará. De acordo com a PF, o prejuízo pode chegar a R$ 40 milhões em recursos desviados do Sistema Único de Saúde (SUS) e de programas como o Fundo de Manutenção da Educação Básica.

Os agentes estão cumprindo nove mandados de prisão e 30 de busca e apreensão, sendo 20 em casas e empresas investigadas, e 10 nas prefeituras de Cachoeira do Piriá, São Caetano de Odivelas, Ipixuna do Pará, Mãe do Rio, Marituba, Ourém, Santa Maria do Pará, São Miguel do Guamá, Viseu e Marapanim.

Segundo as investigações, os suspeitos de participação no esquema criminoso usavam empresas de fachada para participar de processos de licitação, oferecendo produtos que não eram entregues às prefeituras

“Que possa pacificar o Brasil”, diz Othelino sobre eleição de Bolsonaro

Na abertura dos trabalhos da Assembleia Legislativa após o 2º turno das eleições presidenciais, o deputado Othelino Neto (PCdoB), presidente da Casa, fez uma exortação a Jair Bolsonaro, presidente eleito do Brasil.

Desejo que o novo presidente tenha êxito na sua administração e que possa, principalmente, pacificar o Brasil”, afirmou.

Mesmo com críticas ao eleito, o comunista disse que “é preciso que aceitemos o que a maioria da população brasileira decidiu” e reafirmou que seu partido, o PCdoB, estará na oposição.

“O PCdoB fará uma oposição democrática e estará vigilante contra toda e qualquer ação do presidente eleito”, completou.

Carreta tomba em Santa Inês e moradores abandonam jogo da seleção para saquear a carga

Por volta das 16h deste domingo (17), no km 253, sentido decrescente da BR 316, próximo a Santa Inês-MA, aconteceu o tombamento de uma carreta ao tentar desviar de um buraco na pista.
De acordo com as informações colhidas pela equipe PRF da Unidade Operacional de Santa Inês, o veículo se deslocava de Pernambuco para Belém e transportava variados tipos de mercadorias para uma importante loja de departamentos, sendo os principais produtos: eletrodomésticos, aparelhos eletrônicos, TVs, produtos de limpeza, vestuário, alimentos, bebidas, livros, etc.
Após o tombamento, o condutor conseguiu sair ileso do veículo, enquanto a população local saqueou a carga.
Quando a equipe chegou ao local do acidente pouca coisa pode fazer para evitar maiores prejuízos.
Detalhe: O jogo da seleção Brasileira pela copa do mundo contra a Suíça estaria em pleno andamento, as pessoas estavam aglomeradas na expectativa da partida, quando a noticia que a carga estaria espalhada pela BR chegou, foi um verdadeiro “corre corre” pois quem chegasse primeiro pegaria mais. Relatos que um blogueiro de Newtom Bello chegou primeiro que os moradores de Santa Inês…
Uma verdadeira vergonha!

BOMPREV de Bom Jardim é o primeiro RPPS do Maranhão a aderir ao Pró-Gestão

O Instituto Municipal de Previdência Social dos Servidores de Bom Jardim (BOMPREV) é o primeiro Regime Próprio de Previdência Social (RPPS) do Maranhão a aderir ao Programa Pró-Gestão RPPS. A confirmação da primeira adesão estadual ao programa foi feita pelo superintendente do BOMPREV Francisco Almeida.

O Pró-Gestão RPPS é um programa de certificação institucional e modernização da gestão dos regimes próprios de previdência social da União, dos Estados, do Distrito Federal e dos Municípios.

Foi criado pelo Ministério da Previdência Social, atualmente Secretaria de Previdência – SPREV do Ministério da Fazenda, por força da Lei nº 13.341/2016, que tem o fundamento de atribuir e exercer a orientação, supervisão, acompanhamento dos RPPSs, estabelecer e publicar parâmetros, diretrizes gerais para sua organização e funcionamento nos termos do art. 9º, I e II da Lei nº 9.717/1998.

O programa objetiva auxiliar os entes federativos na melhoria da gestão dos RPPS, por meio do aprimoramento do controle dos ativos e passivos previdenciários e dar uma maior transparência no relacionamento destes com os segurados e a sociedade.