Sai daqui: População de Santo Amaro expulsa Senador Roberto Rocha

Em audiência pública realizada, na cidade de Santo Amaro do Maranhão, sobre o projeto, em tramitação no Senado Federal, que redefine os limites do Parque Nacional do Lençóis Maranhense, o Senador Roberto Rocha teve que sair escoltado pela Policia Militar do Maranhão.

O senador explicava que o objetivo da proposta era promover o turismo sustentável na Região dos Lençóis, de modo que possam ser implementados serviços básicos como a construção de escolas, unidades de saúde, hotéis, igrejas, etc., para melhorar a vida das comunidades tradicionais. Mas não foi isso que a população entendeu.

Para a comunidade, o Senador estaria botando seus interesses acima do bem comum. Liberando e facilitando a construção de empreendimentos na região, o que colocaria em risco o meio ambiente do local.

O PL, abre possibilidades e impõe retirada de povoados onde vivem, atualmente, cerca de 2 mil pessoas. Povoados como Travosa, Betânia e Ponta Mangue deixariam de fazer parte do parque nacional e da área de proteção ambiental, fato que flexibilizaria construções civis na região.

Deixe uma resposta