Desembargador Joaquim Figueiredo reúne-se com o presidente da Assembleia Legislativa, deputado Othelino Neto

Na reunião, os dois chefes de Poder falaram sobre o projeto de lei que reajusta os salários de servidores

O Presidente do Tribunal de Justiça do Maranhão, desembargador Joaquim Figueiredo, recebeu, nesta segunda-feira (16), a visita do presidente da Assembleia Legislativa do Estado, deputado Othelino Neto.

Num diálogo institucional e cordial, os dois chefes de Poder trataram de assuntos relativos ao Projeto de Lei 018/2019 – de iniciativa do Poder Judiciário do Maranhão – que concede reajuste de 2,94% aos salários dos servidores efetivos e comissionados da Justiça Estadual – e da criação da Vara Agrária no Estado.

REAJUSTE – Desde quando enviou o projeto para apreciação do Legislativo Estadual, o presidente do Tribunal de Justiça do Maranhão, desembargador Joaquim Figueiredo, acompanha pari passu a sua tramitação, pedindo ao presidente da Assembleia, deputado Othelino Neto, e aos parlamentares estaduais, agilidade na votação da matéria.

O presidente do TJMA disse que o projeto que concede reajuste de 2,94% aos salários dos servidores é de grande importância para o Poder Judiciário, por beneficiar diretamente servidores da Justiça Estadual que, segundo ele, merecem ser valorizados pelo esforço e dedicação no desenvolvimento de suas atribuições profissionais.

“Considero justo garantir esse reajuste aos servidores da Justiça Estadual, que têm elevado o papel do Poder Judiciário do Maranhão na sua missão institucional, dando importante suporte nas demandas e garantindo um atendimento de qualidade à sociedade”, afirmou o desembargador Joaquim Figueiredo.

Antes de ser encaminhado para votação no plenário da Assembleia Legislativa, o Projeto de Lei 018/2019 foi apreciado e aprovado na Comissão de Constituição, Justiça e Cidadania, passando, também, por análise nas comissões técnicas, que reconheceram sua constitucionalidade e importância.

Filho do ex-ministro Edison Lobão é solto após decisão de desembargador

Márcio Lobão, filho do ex-senador e ex-ministro Edison Lobão (MDB-MA), foi solto, na manhã deste sábado (14), após decisão do desembargador João Pedro Gebran Neto, do Tribunal Federal Regional da 4ª Região (TRF-4).

O despacho foi assinado na noite de sexta-feira (13). Márcio Lobão estava preso na carceragem da Polícia Federal, em Curitiba, no Paraná.

“Ao que parece, Marcio Lobão operacionalizava e efetuava o branqueamento das propinas destinas ao seu pai, Edison Lobão. Muito embora tudo indique que tenha realizado operação espúrias, não há elementos – neste momento – que indiquem uma participação mais intensa e com ingerência no seio de alguma organização criminosa”, escreveu o desembargador na decisão.

“Três dias após a prisão, o TRF-4 reconheceu a ilegalidade da ordem de prisão ao verificar a plena regularidade nas informações financeiras de Márcio Lobão. Nesta oportunidade, Marcio Lobão reconhece a imparcialidade do Poder Judiciário e confia que abusos serão prontamente corrigidos por questão de justiça. Sempre que procurado, permaneceu e permanecerá a disposição das autoridades para demonstrar que nunca se envolveu em ilícitos e tem o seu patrimônio declarado de forma regular e absolutamente transparente”, informou em nota a defesa.

A prisão foi substituída por medidas cautelares. Marcio Lobão está proibido de deixar o país e de ter contato com os investigados. O desembargador também determinou o pagamento de fiança de R$ 5 milhões.

“Defiro parcialmente o pedido liminar para revogar a prisão preventiva decretada em desfavor do paciente, determinando a soltura do paciente, mediante o atendimento das medidas cautelares acima especificadas”.

Ex-prefeito de Santa Luzia é preso acusado de estuprar criança de 3 anos

O ex-prefeito de Santa Luzia do Tide, Ilzemar Oliveira Dutra, o Zemar, foi preso em flagrante na noite de ontem (16), em São Luís.

A prisão ocorreu pela acusação de estupro de vulnerável envolvendo uma criança de 3 anos. O caso é acompanhado por delegadas da Casa da Mulher Brasileira.

De acordo com informações, a mãe denunciou na polícia após a criança se queixar de dores, inclusive, a menor chegou a realizar exame de corpo de delito no Instituto Médico-Legal (IML).

Equipes da Polícia Civil foram em buscar do ex-gestor para prendê-lo, mas o mesmo se apresentou na delegacia onde foi dado voz de prisão em flagrante.

Em Santa Luzia do Tide, Zemar foi prefeito por dois mandatos e aliou-se a atual prefeita da cidade França do Macaquinho.

A reportagem tentou contato com o advogado do ex-prefeito, mas não teve êxito. O espaço segue aberto para esclarecimentos.

Neto Ferreira

Deputado federal Josimar Maranhãozinho prestigia círio de Nossa Senhora de Nazaré em Luís Domingues

O deputado federal Josimar Maranhãozinho (PL), esteve na manhã de hoje no município de Luís Domingues, a convite do prefeito Gilberto Braga (PSDB), e da comunidade católica da paróquia de São João Batista e Nossa Senhora de Nazaré.

O parlamentar destacou a importância da valorização dessas manifestações religiosas, “É sempre bom voltar a Luís Domingues, em especial em um momento tão importante da fé e religiosidade desse povo, agradeço a acolhida e carinho dos luisdominguense.”

Não é a primeira vez que o parlamentar prestigia essa manifestação religiosa, o ano passado ele também se fez presente e afirmou que, momentos como esse fortalecem laços de amizade e renova a fé.

Maranhãozinho estava acompanhado do prefeito de Carutapera André Dourado (PL), e do vereador de São Luís Aldir Junior (PL). ao lado do prefeito, o parlamentar visitou uma creche que foi abandonada pela ex-gestão, a visita a Luís Domingues fortaleceu a parceria do deputado com o município em benefício da população.

Deputada do PTB nega apoio a pré candidatura de Osmar Filho

Deputada diz que foi como convidada ao evento

A deputada estadual Mical Damasceno (PTB) não concordou em ser “vendida” pela cúpula de seu partido ao projeto do vereador Osmar Filho que visa a prefeitura da capital, em nota,  Mical negou qualquer apoio de sua parte a pré-candidatura de Osmar. Veja:

NOTA DE ESCLARECIMENTO

Acerca das notícias veiculadas na mídia neste sábado sobre o apoio do Partido Trabalhista Brasileiro – PTB, à pré-candidatura a prefeito de São Luís ao presidente da Câmara Municipal, vereador Osmar Filho (PDT), faz-se necessário esclarecer alguns pontos:

1 – A deputada estadual Mical Damasceno não declarou apoio ao pré-candidato Osmar Filho. A deputada apenas participou do evento do PTB Jovem, a convite da direção do partido.

2 – A deputada se pronunciará sobre eleições em São Luís apenas após ouvir o Conselho Político das Assembleias de Deus na capital.

3 – A deputada reitera o seu compromisso com a verdade. Seu posicionamento acerca da sucessão municipal em São Luís será divulgado em seus canais oficiais de comunicação.

Cordialmente,
Mical Damasceno
Deputada estadual

Vereador lidera pesquisa para prefeitura de Poção de Pedras em 2020

O cenário politico para a disputa do comando da prefeitura de Poção de Pedras(MA), nas eleições de 2020, promete ser bastante competitivo e já começa a revelar candidatos emergentes e com potenciais possibilidades de vitória.

É o caso do Vereador Jhulio, daquele município, onde pesquisas recentes indicam que o mesmo vem despontando como uma forte liderança politica, apoiado atualmente por outros cinco vereadores e contando com 49% das intenções de votos dos eleitores de Poção de Pedras contra 33% do candidato do atual prefeito.

Oriundo da zona rural, evangélico, político habilidoso e com destacada liderança, principalmente no povoado Fortaleza Beira Rio, o Vereador Jhulio reúne qualidades que o eleitor leva em consideração na hora de decidir uma eleição.

Veja os gráficos a baixo

IMORALIDADE! Deputado Duarte Gastou mais de R$109 mil em criação e manutenção de páginas

Deputado estadual Duarte Júnior. Foto; Divulgação internet

Em apenas quatro meses, o deputado Duarte Júnior (PCdoB) já gastou R$ 109.460,00 mil em manutenção e criação de páginas institucionais.

De acordo com levantamento realizado pelo blog do Werbeth Saraiva, a prestação dos serviços foi custeada pela cota parlamentar que é destinada aos deputados para suprir gastos realizados em atividades.

O montante gasto pelo deputado Duarte Júnior é fruto dos impostos pagos pelo consumidor no qual Duarte tanto diz defender. É no mínimo imoral gastar quase toda a verba de gabinete (83%) , apenas com promoção de sua própria imagem na internet.

Veja;

Motorista é acusado de abusar sexualmente de aluna dentro de ônibus escolar em Cândido Mendes

José Maria Júnior

O Ministério Público da comarca de Cândido Mendes foi acionado na ultima sexta feira (06) com uma denúncia gravíssima de abuso sexual envolvendo um motorista de ônibus que trabalha para prefeitura do município cujo prefeito é Mazinho Leite.

De acordo com testemunhas o motorista José Maria Júnior aproveitou o momento em que os alunos iam sendo deixados em casa para ficar sozinho com uma das alunas e praticar o abuso sexual. Ainda de acordo com as denúncias a vitima teria conseguido fugir após perceber que o veiculo se aproximava de sua residência.

O Ministério Público já tomou conhecimento da denúncia e das alegações de que o motorista é tido na cidade como “braço direito” do prefeito Mazinho Leite, o acusado encontra-se foragido.

O gestor e a secretaria de educação do município não se manifestaram sobre o caso.

O fato deixou a família da jovem e a vizinhança em estado de pânico.

O plano B de Duarte Jr

DuarteJr e Karen Barros

Caso não consiga ser o candidato do PCdoB ou encontrar outro partido para viabilizar sua disputa pela prefeitura de São Luís, Duarte Júnior já confidenciou para amigos o seu plano B.

Duarte pode emplacar sua namorada Karen Barros como candidata a vice-prefeita na capital ou até mesmo disputar uma vaga na Câmara de vereadores.

Para todas  as hipóteses Duarte já tem o plano B. 

Operação da PF desmonta madeireiras ilegais em Zé Doca

Uma operação conjunta da Polícia Federal, Exército, Ibama e Funai culminou na apreensão de 500 m³ de madeira no POvoado Nova Conquista, em Zé Doca. Ação é a segunda fase da Operação Ka’apor, que foi deflagrada em outubro de 2018.

Além da madeira, foram interditadas três serrarias de grande porte, e apreendidos dois caminhões novos que estavam carregados de madeira e de diversos equipamentos destinados ao beneficiamento de madeira criminosamente furtada do interior da terra indígena Awá.

O proprietário da maior serraria foi identificado, tratando-se de contumaz infrator da legislação ambiental, tendo sido já autuado pelo IBAMA e descumprido diversos embargos judiciais.

A Delegacia de Proteção ao Meio Ambiente e Patrimônio Histórico – DELEMAPH/SR/PF/MA irá indiciá-lo, além de outros envolvidos, por diversos crimes ambientais, além de descumprimento de embargos judiciais, furto de madeira da União Federal e associação criminosa.