Othelino classifica como oportunismo ataques contra AL-MA

Durante a realização do evento Assembleia em Ação, promovido pela Assembleia Legislativa do Maranhão (ALEMA) ontem, sexta-feira (25/10), na cidade de Timon, o blog Observatório dos Cocais conversou com o presidente da Assembleia Legislativa do Maranhão, deputado estadual Othelino Neto (PCdoB), a respeito da votação do polêmico projeto Anticorte, de autoria do deputado estadual Duarte Junior (PCdoB).

Othelino Neto pontuou que o projeto tem aceitação de todos os deputados, mas esclareceu que a competência para uma proposição como esta cabe apenas ao congresso nacional, logo, essa iniciativa no âmbito do parlamento estadual é inconstitucional. “Assim foi como decidiu a maioria da Assembleia”, explicou o presidente.

A respeito das insinuações de que a galeria da Assembleia Legislativa foi fechada com o objetivo de barrar a presença da público durante a análise do projeto, Othelino explicou que galeria da ALEMA passa por uma manutenção preventiva, e por isso não se pode falar em distanciamento ou afastamento da população. “A Assembleia tá sempre aberta para o povo, [no entanto] a galeria esta essa semana toda e a próxima em manutenção”, refutou.

Othelino ainda classificou como oportunista as tentativas de diminuição da Assembleia Legislativa, e dos deputados estaduais, que por conta desta votação tem se tornado alvos preferidos de uma pequena militância nas redes sociais. O presidente pediu respeito e relembrou que essa foi uma decisão da maioria.

“Qualquer interpretação de que a Assembleia tenha tomado uma decisão contra o povo, é oportunista. É preciso respeitar sempre a vontade da maioria”, lembrou Othelino Neto.

Observatório dos cocais

Deixe uma resposta