Flávio Dino distribui gratificações a comissionados de até R$ 4.800,00 e revolta efetivos

O governador Flávio Dino distribuiu gratificações para 150 servidores comissionados com valores de até R$ 4.800,00. Nas redes sociais, o ato foi visto como uma estratégia política para agradar os seus aliados e manter a sua base para as eleições de 2022.

Um internauta chamou atenção para o fato do Governo do Estado do Maranhão não realizar concursos públicos e não nomear aprovados, mas sempre presentear comissionados com gratificações.

“Engraçado que para servidores efetivos ele só quer dar 9% de reajuste e pro comissionado sempre tem mais”, disse uma internauta.

Acompanhe:

 

Homem é preso em flagrante por estupro de criança de 9 anos

Um homem de 44 anos de idade foi preso em flagrante pelo crime de estupro de vulnerável no município de Santa Inês.

A prisão ocorreu logo após familiares da vítima denunciarem o crime. Logo em seguida policiais civis iniciaram buscas para encontrar o acusado, sendo possível realizar a prisão numa via pública.

A ação criminosa foi praticada contra uma criança de 9 anos de idade, e presenciada por seus pais. O preso ficará à disposição da justiça, na Unidade Prisional de Santa Inês.

 

Josimar reúne deputados e prefeitos da base com Diretor do FNDE

– Gabriel Villar e Josimar em reunião.

O deputado federal e pré-candidato a governador Josimar de Maranhãozinho (PL), que é o campeão no quesito destinação de recursos para o Maranhão na seara da educação, reuniu-se nesta quarta-feira (12) no estado, com o Diretor de Gestão e Articulação de Projetos Educacionais do FNDE, Gabriel Villar.

Com Villar no maranhão, Josimar também reunirá os prefeitos e os deputados da sua base política, na maioria compostos pelo PL, Patriota e Avante, para alinhar sobre projetos e benefícios que serão destinados ao estado.

A maratona de reuniões, foi iniciada com o deputado federal Marreca Filho (Patriota) e com o prefeito de Buriticupu, João Carlos (Patriota).

– Josimar, Gabriel Villar, Marreca Filho e João Carlos.

“Estamos com o Diretor de Gestão e Articulação de Projetos Educacionais do FNDE, Gabriel Villar, conversando com nossos prefeitos a respeito de benefícios que serão destinados aos municípios”, disse Josimar.

“Tenho certeza que através de diálogo e parcerias nosso estado alcançará o desenvolvimento que tanto sonhamos”, completou.

ALÔ, PF! Presidente da Câmara de Pinheiro toma “chá de sumiço” para não cumprir decisão do TRF

Desde as primeiras horas da manhã de hoje (12) que nenhum um ser vivo consegue encontrar o presidente da Câmara de Pinheiro, Elizeu Furtado.

De acordo com um delegado da Polícia Federal, o presidente da Câmara de Pinheiro teria sido informado sobre o imediato afastamento do prefeito Luciano Genésio do cargo. Elizeu, no entanto, tomou chá de sumiço e o município encontra-se sem prefeito até o momento.

A Polícia Federal precisa fazer valer a lei…

 

População denuncia crime ambiental em Carutapera

A obra de revitalização da Avenida Padre Mário Racca, coordenada pelo Governo do Estado e executada pela empresa CONSTRUSERVICE, é alvo de denúncia e revolta. A população acusa o prefeito Dr. Airton de se isentar da responsabilidade desse crime ambiental.

De acordo com informações, o Artigo 160°, do Código Municipal de Meio Ambiente de Carutapera diz que são considerados também proteção prioritária as áreas nativas de valor histórico, arqueológico, ambientais e paisagísticos conforme o parágrafo 1°.

“O corte de vegetação e obra de terraplanagem necessárias somente serão autorizados mediante a apresentação de projeto detalhado a ser aprovado pela SEMAT (Secretaria de Meio ambiente e Turismo) e demais órgãos competentes, desde que não contrariem as disposições desse código e respeitem os demais dispositivos legais em vigor e será regulamentada pelo poder executivo”.

A população tem lamentado a forma como o prefeito tem se mostrado omisso no município.

R$ 38 milhões desviados de Pinheiro podem ter irrigado campanha de Thaiza Hortegal; Luciano Genésio agora quer eleger a irmã

Após a Polícia Federal confirmar o prefeito de Pinheiro, Luciano Genésio, como o verdadeiro dono das empresas que desviaram mais de R$ 38 milhões dos cofres públicos, fontes ligadas ao blog apontam que parte dessa verba possivelmente foi direcionada para a campanha da deputada estadual Thaiza Hortegal. O gestor agora vai tentar emplacar a carreira política da sua irmã, Lucyana Genésio.

Sem carisma e impopular, há alguns meses, Lucyana Genésio vivia às sombras das estruturas governamentais e sem aparecer na baixada, hoje supostamente assegurada pelo poder econômico do seu irmão, tentar reverter a situação.

Lucyana tem participado da entrega de cestas básicas e também participou da entrega de 100 cartões aos beneficiários do programa Maranhão Verde – Pró Campos no município de Palmeirândia, que contou com a presença do seu pai e mentor de sua pré-candidatura, Zé Genésio.

O Ministério Público Eleitoral deve ficar atento a essas caminhadas da pré-candidata a deputada estadual nessas eleições futuras.

Coronel Leite deve ser o novo Secretário de Segurança Pública

O novo cenário político do estado do Maranhão deve colocar o Coronel Leite como substituto do atual Secretário de Segurança Pública, Jefferson Portela, que deve concorrer a uma vaga na Câmara Federal.

Pelo menos publicamente, as reuniões envolvendo a base do Governo Flávio Dino estão suspensas por conta do novo surto da Covid-19 e da Influenza H3N2. Uma nova reunião decisiva está prevista para o fim deste mês.

Tudo indica que uma minirreforma deve estar por vir. O secretário de Segurança, Jefferson Portela, por diversas vezes já mostrou interesse em disputar uma das vagas na Câmara Federal. Na última reunião com os coronéis do Maranhão, ele avisou que deixará a pasta no dia 31 de janeiro.

De acordo com informações, o principal nome para assumir a pasta é do coronel Sílvio Carlos Leite Mesquita, que atualmente comanda o Gabinete Militar do governador Flávio Dino.

Homem morre após cair em cratera no meio de uma estrada em Monção

Um homem identificado como João Gino morreu após sofrer um acidente numa estrada no município de Monção. De acordo com informações, ele teria caído dentro de um enorme buraco, não resistiu aos ferimentos, vindo a óbito.

Moradores relataram que João estava de moto e não deve ter visto o buraco, já que não havia sinalização no local. O lugar onde a vítima teria caído está em obras há mais de dois anos e a Prefeitura nunca concluiu o serviço.

Ainda segundo os moradores, próximo ao local do acidente um ônibus que levava alunos para uma formatura ficou atolado no meio da estrada.

Mãe da cantora May Meneses é assassinada em Chapadinha

A mãe da cantora maranhense May Meneses, identificada como Leonélia Meneses Araújo, foi assassinada a tiros na cidade de Chapadinha.

De acordo com informações, Leonélia foi morta dentro da própria casa enquanto conversava com a nora. A vítima foi surpreendida com vários disparos de arma de fogo, vindo a óbito ainda no local.

“A Polícia Civil já começou a fazer as primeiras diligências e as investigações preliminares apontam que se trata de um homicídio. Provavelmente o alvo dos disparos seria outra pessoa e, como ela estava na residência dessa pessoa, terminou sendo alvejada. Sendo assim a gente já descartou que tenha sido um feminicídio”, explicou o delegado Jesimiel Alves.

Após a fatalidade, a cantora May Meneses anunciou o cancelamento de seus shows durante alguns meses.

Hospital do Servidor está sem material de coleta para teste de Covid-19

Um aviso estampado no vidro da recepção do Hospital do Servidor do Maranhão aponta que o estabelecimento está sem material de coleta para teste de Covid-19.

O aviso acabou se espalhando pelas redes sociais e a população está cobrando do Governador Flávio Dino e Secretário de Saúde, Carlos Lula, respostas que possam justificar a ausência desse material em um novo momento crítico da pandemia.

“Isso se chama falta de planejamento. O governador quer tá é aglomerando e ficar em rede social”, disse um internauta.

Um outro lembrou que quando Flávio Dino testou positivo para Covid-19, e foi ao Hospital São Domingos realizar um exame avaliado em R$ 25 mil.

“O governador não foi aí? Lembrei, foi gastar mais de 25 mil em tratamento no mais caro hospital de São Luís.”