São João Batista: Ministério Público investiga contrato de R$ 200 mil com a banda Saia Rodada

O Ministério Público abriu, recentemente, um procedimento administrativo para investigar a contratação da Banda Saia Rodada pela Prefeitura de São João Batista, que deve se apresentar no próximo dia 14 de junho. O valor do contrato é de R$ 200 mil e será pago com recursos públicos. O evento faz parte das festividades do aniversário do município, que ocorre no dia 14 de junho.

Quem assinou a abertura das investigações foi a promotora de Justiça Natália Macedo. Apesar de iniciada, não foi divulgado quais serão os próximos passos das investigações.

De acordo com informações, além da banda, também foi contratada a empresa Othimus Empreendimentos e Serviços para organização de eventos no município. Essa contratação foi feita na modalidade ‘carona’ e não teve seu valor divulgado.

Aliados do prefeito Mecinho (PSC) alegaram que o valor, que é relativamente alto, também inclui a contratação da banda evangélica Som e Louvor, que se apresenta no dia 13. Ocorre que, no extrato do contrato, apenas a banda Saia Rodada aparece como contratada.

Em nota, o prefeito limitou-se a afirmar que as contratações “estão dentro da lei”.

O município de São João Batista é um dos mais pobres do Maranhão, tendo um IDH baixo, isto é, a educação, saúde e infraestrutura ainda não proporcionam um ambiente de pleno desenvolvimento da população que reside no município.

Deixe uma resposta