Codó: proprietário da Fazenda Abelha é investigado por supressão ilegal de vegetação

O Ministério Público Estadual investiga uma denúncia sobre suposta supressão ilegal de vegetação ocorrida na Fazenda São Pedro (Abelha), no município de Codó.

A investigação iniciou após informações de que foi constatado no Relatório de Fiscalização nº 12/2021, que “alguns trechos de plantas regenerantes, com idade inferior a quatro anos, evidenciam que a área passou por recente processo de supressão vegetal” na fazenda São Pedro.

Segundo informações, o MP irá fazer um levamento de informações que permitam constatar a supressão ilegal de vegetação ocorrida fazenda São Pedro (Abelha), de Propriedade de Francisco Carlos de Oliveira.

O proprietário do Complexo Agroindustrial não apresentou autorização de supressão de vegetação da Fazenda São Pedro (abelha). Francisco Carlos de Oliveira tem 20 dias para aparentar esclarecimento sobre a sua atitude.

Deixe uma resposta