Arame: Vereador denuncia que secretário de Administração teria furtado caixa d’água do município

O vereador Dudu (PTB), durante Sessão Plenária na Câmara de Vereadores de Arame, denunciou que o secretário municipal de administração, Osmar da Silva Lima, teria furtado uma caixa d’agua, que serve à população e adquirida com recurso público, para ser utilizada em sua fazenda.

“A caixa d’água do poço em frente à Birita foi levada pelo secretário Osmar para sua fazenda, para servir somente a ele. O Código Penal Brasileiro tipifica isso como crime de peculato. Isso é peculato, Sr. Osmar. Devolva a caixa d’água para o município”, disse o vereador.

Chama a atenção que o secretário citado é filho do procurador de Justiça do município Francisco Carvalho, que tem conhecimento do caso e não tem movido ação para a restituição do bem público.

Peculato, conforme citado pelo vereador, ocorre quando um agente público utiliza um bem público com fim privado. A pena para este crime, segundo o Código Penal Brasileiro, vai de 2 a 12 anos de prisão.

Deixe uma resposta