MP investiga novamente gestão de Nato da Nordestina em Vitória do Mearim

O prefeito de Vitória do Mearim, Nato da Nordestina, fez birra e não gostou da decisão judicial que vetou o show milionário que aconteceria em comemoração ao aniversário da cidade.

Na decisão, a Justiça entendeu que o momento não era de estourar verbas públicas com festividades e que o Nato tinha demanda mais importante para atender no município.

Em menos de um mês da decisão, surge mais um problema na cidade, os moradores estão denunciando a precariedade da estrutura física e funcional da Escola Municipal do Povoado Arroz (Zona Rural de Vitória do Mearim/MA).

O Ministério Público está investigando o caso e destacou de imediato que se fará cumprir o que diz o art. 205, caput9, CF “A educação é direito de todos e dever do Estado, visando o pleno desenvolvimento da pessoa no que se refere à cidadania e à qualificação para o trabalho”, mandou o recado.

Deixe uma resposta