Prefeito e Chefe da Casa Civil de Codó são investigados por supostas irregularidades em contrato com empresa de advocacia

O prefeito de Codó, Zé Francisco, e o Secretário Chefe da Casa Civil, Wagner Ribeiro Ferreira, são alvos de uma investigação que apura possíveis irregularidades na inexigibilidade de licitação nº 003/2021, que resultou na contratação da Sociedade Advocatícia Brandão, Gomes e Oliveira, Advogados Associados para prestação de serviços jurídicos de atuação consultiva e contenciosa, em atendimento às necessidades do município.

O Ministério Público Estadual instaurou um inquérito civil para averiguar e analisar que a indícios de eventual improbidade administrativa, à vista dos argumentos apresentados pelo denunciante.

A denúncia foi encaminhada ao Núcleo de Assessoria Técnica da PGJ/MA, para a análise da legalidade e regularidade formal do procedimento licitatório e emissão de parecer técnico que possa subsidiar a adoção das medidas cabíveis, por parte do Ministério Público.

1 pensou em “Prefeito e Chefe da Casa Civil de Codó são investigados por supostas irregularidades em contrato com empresa de advocacia

  1. Esqueceram de informar que este escritório de advocacia prestou serviços ao Zé Francisco durante a campanha eleitoral de 2020, principalmente nas defesas de impugnação e no caso do TSE.

Deixe uma resposta