Vereador denuncia ao MP ex-vice-prefeito de Chapadinha por suposto enriquecimento ilícito

O médico e ex-vice-prefeito de Chapadinha, Talvane Ribeiro Hortegal, e o seu filho também médico, Kaio Aguiar Hortegal, são investigados em um inquérito que apura o recebimento de pagamentos pela prefeitura sem suspostamente nunca terem pisado em um hospital do município.

A denúncia foi protocolada pelo vereador Alberto Carlos Pereira Junior, o qual noticiou a suposta ocorrência de pagamentos indevidos feitos por aquele Município em favor dos acusados.

O vereador informa em sua denúncia que os dois nunca foram vistos em qualquer unidade hospitalar ou posto de saúde de Chapadinha e que eles teriam recebido pagamentos, pelo menos, nos meses de janeiro, fevereiro e abril de 2020.

O Ministério Público solicitou ao Ministério Público de Contas, informações sobre pagamento e origem dos recursos utilizados no eventual pagamento realizado em favor dos investigados.

Deixe uma resposta