Operação de inteligência da SEAP transfere 15 internos para Unidade de Segurança Máxima

15 internos de alta periculosidade foram transferidos da Unidade Prisional de Ressocialização (UPSL 4) para a Unidade Prisional de Ressocialização de segurança Máxima (UPMAX), no Complexo Penitenciário de Pedrinhas, em São Luís.

A informação é da própria Secretaria de Estado de Administração Penitenciária (SEAP), que afirmou que a transferência ocorreu na terça-feira (6) e que se trata de operações integradas de segurança e inteligência do sistema penitenciário e que estão sob sigilo.

Ainda de acordo com a SEAP, cada preso ficará em uma cela individual. Na transferência, os internos passaram por triagem e avaliação médica, mantendo todos os cuidados necessários na prevenção do novo coronavírus (Covid-19).

 

Deixe uma resposta