Noite de terror acaba com quatro mortes na Baixada Maranhense

A noite de ontem (13) foi marcada por muitos atos de violência, roubos, tiroteios e mortes na baixada maranhense. De acordo com a Polícia Militar do Maranhão, a confusão começou na cidade de Santa Helena, quando a Força Tática foi acionada após informações de que elementos armados estariam praticando assalto na entrada da cidade de Turilândia.

Os PMs se deslocaram até o local e no meio do trajeto se depararam com caminhoneiros afirmando terem sido assaltados, inclusive um deles apresentava lesões na cabeça, sofridas durante o assalto. Os trabalhadores descreveram as características dos criminosos, que foram flagrados mais a frente pelas guarnições policiais assaltando outro caminhoneiro. Ao observarem a presença da polícia os bandidos empreenderam fuga em direção a uma olaria no bairro Santo Antônio.

A polícia iniciou as buscas pela localidade e foi surpreendida com vários disparos de arma de fogo. De imediato a Força Tática respondeu as agressões, em legitima defesa, com o uso de suas armas de fogo. Durante a troca de tiros um dos policiais da Força Tática foi atingido na região do tórax, no entanto, o projétil ficou parado na placa balística de seu colete.

Logo após o tiroteio, os policiais observaram que havia quatro indivíduos ao solo atingidos, portando as armas que foram apreendidas. Os prestaram socorro aos quatro feridos, que foram conduzidos até o Hospital Municipal de Santa Helena, onde foi constatado o óbito de todos eles pelo médico de plantão.

De acordo com informações, os indivíduos que vieram a óbito faziam parte de uma facção e tinham costume de prática de ações criminosas na região. Eles foram identificados como, Biguinho, Cara de Gato, Vitor e um quarto elemento não identificado.

Na operação foram apreendidos 01 (um) revólver cal.38, sem marca e sem numeração, com 02 (duas) munições intactas e 03 (três) munições deflagradas; 01 (um) revólver Taurus, cal.38 special, com numeração suprimida, com 01 (uma) munição intacta e 03 (três) munições deflagradas; 01 (um) arma de fabricação caseira, cal.38, com 01 (uma) munição deflagrada e 01 (um) rifle cal.22, sem munição e sem carregador.

Todo material apreendido foi apresentado na Delegacia Regional de Pinheiro/MA para as medidas cabíveis ao caso, juntamente com as vítimas para prestação de depoimento sobre o fato ocorrido.

Deixe uma resposta