Conversas entre o PCdoB e o PSB para uma eventual fusão voltaram a andar

As conversas entre o PCdoB e o PSB para uma eventual fusão voltaram a andar. O partido tenta definir uma estratégia antes das eleições de 2022, de modo a tentar tornar competitiva a candidatura do governador Flávio Dino (Maranhão).

Em 2019, o PCdoB já teve de se fundir ao PPL para não cair na cláusula aquele ano.

Há, internamente, quem defenda uma adesão com o PT, mas o sentimento é minoritário. Ficou ainda menor com proposta petista de deixar os comunistas como uma corrente petista. A presidente do partido, Luciana Santos, que é vice-governadora de Pernambuco e próxima dos caciques socialistas, respondeu à Gleisi Hoffmann, que lidera o PT, que seu partido é que acabaria virando uma corrente comunista.

Bastidor

Deixe uma resposta