MP pede que Prefeito de Codó reative o Centro de Referência em Covid-19 imediatamente

O Ministério Público recomendou ao prefeito de Codó, José Francisco Lima Neres, e ao secretário de Saúde de Codó que adotem imediatamente as medidas necessárias para aquisição de testes de covid, bem como a reativação de centro de referência em covid no município.

De acordo com informações, com a diminuição do número de casos da covid-19 no fim do ano de 2020, o hospital de campanha estruturado em Codó foi desativado e assim permanece, não havendo no município qualquer centro de referência para a triagem e tratamento de pessoas acometidas por essa doença.

É notório que em Codó a população não dispõe de testes para Covid-19, o que está agravando os riscos do quadro sanitário no município, ante a falta do tratamento adequado a possíveis casos da doença não diagnosticados.

A situação se enquadra em estado de emergência, já que a pandemia vem se espalhando por todo o país, e em Codó não há qualquer controle quanto ao número de casos da doença. O Ministério Público estabeleceu o prazo de 72 horas para que Dr. Francisco informe quais medidas já foram adotadas no sentido do acatamento ou não acatamento da recomendação. Se não houver resposta, a instituição adotará as medidas judiciais necessárias.

Deixe uma resposta