MP pede que Paula Azevedo não conceda novos alvarás para shows e festas em Paço do Lumiar

O Ministério Público recomendou à prefeita de Paço do Lumiar, Paula Azevedo, que cancele todo e qualquer evento no município, sendo público ou privado que gere grandes aglomerações de pessoas e revogue qualquer alvará para festas já expedido, impedindo sua realização, por meio da utilização do poder de polícia, e com uso da força pública, em caso de desobediência.

O objetivo da recomendação é conter a contaminação de pessoas pela Covid-19. E a concessão de novos alvarás deverão ficar suspensos enquanto durar, no Brasil, a classificação do novo coronavírus como pandemia.

Com isso também, Paula Azevedo terá que enviar no prazo de cinco dias um documento comprobatório sobre as ações empreendidas para o cumprimento da recomendação, sob pena de apuração de responsabilidade.

Deixe uma resposta