Candidato à presidência da Câmara de Açailândia poderá perder o mandato por abuso de poder

O candidato à presidência da Câmara de Açailândia, o vereador Feliberg Sousa, corre o risco de perder o mandato por abuso de poder econômico. As complicações jurídicas devem atrapalhar os planos de Feliberg, que deseja estar à frente do legislativo no município.

A Justiça Eleitoral começou uma investigação minuciosa da prestação de contas de campanha do candidato, que apresenta inúmeras irregularidades, entre elas a ausência do registro de despesas com combustível, a inauguração de comitê, e gastos com materiais gráficos e audiovisuais.

As investigações incluem a verificação de doações suspeitas. Caso comprovadas as irregularidades, Feliberg poderá sofrer sanções por abuso de poder econômico.

Deixe uma resposta