Prefeito de São Felix de Balsas é investigado por supostas irregularidades em contratos que ultrapassam R$ 4,6 milhões

O prefeito do município de São Felix de Balsas está sendo investigado por supostas irregularidades em vários contratos com a empresa L.P.A. Neiva – ME em valores que ultrapassam R$ 4,6 milhões. O Ministério Público instaurou um inquérito civil para apurar a legalidade e regularidade dos contratos.

De acordo com informações, durante o período de 2017 a 2019, a prefeitura de São Félix de Balsas e a empresa L.P.A. Neiva – ME firmaram um contrato no valor de R$ 4.670.449,51 (quatro milhões, seiscentos e setenta mil, quatrocentos e quarenta e nove reais e cinquenta e um centavos).

Os contratos foram para a prestação dos serviços de reparos, manutenção e conservação em sistemas de abastecimentos de água, locação de veículos leves, construção de quadra poliesportiva coberta, prestação de serviços de limpeza pública, coleta transporte de resíduos sólidos e conservação de logradouros públicos e coleta de lixo hospitalar, locação de veículos para transporte escolar, recuperação de estradas vicinais e prestação de serviços de implantação de sistema de abastecimento de água.

Em situação de urgência, o Ministério Público solicitou copias dos procedimentos licitatórios n.º 23/2017, n.º 30/2017, n.º 21/2018, n.º 23/2018, n.º 020101/2019, n.º 251102/2019 e n.º 2604001/2019 vencidos pela empresa L.P.A. Neiva – ME. Também foi solicitado ao Executor de Mandados, para que se dirija até a sede da empresa, para a elaboração de relatório que comprove a capacidade técnica e financeira da L.P.A. Neiva para participação em procedimentos licitatórios.

Deixe uma resposta