Prefeito de Lago da Pedra, Laércio Arruda, é investigado por suposta compra de votos para as eleições de 2020

O prefeito e candidato a reeleição do município de Lago da Pedra Laércio Arruda, está sendo investigado por suposta prática de abuso de poder econômico e político. Isso porque de acordo com uma denúncia, um dos seus apoiadores estaria comprando votos em seu nome para as eleições municipais de 2020.

De acordo com informação do próprio Ministério Público, chegou ao conhecimento do órgão, vídeos e postagens em blogs de falas atribuídas ao secretário de Articulação Política de Lago da Pedra, Masolene Coelho, no qual há indícios de abuso de poder e captação ilícita de sufrágio praticado pelo atual prefeito e candidato à reeleição, Laércio Arruda.

O Ministério considera a acusação grave, e que o abuso do poder econômico e do poder político atentam contra a isonomia de oportunidades dos candidatos e contra a liberdade de escolha dos eleitores, afetando a normalidade e a legitimidade das eleições.

A instituição decidiu por instaurar um procedimento preparatório eleitoral que vai apurar denúncia de suposto abuso de poder cometido por Laércio Arruda.

 

Deixe uma resposta