Fernanda Gonçalo beneficia empresa da própria família com dinheiro de combate à Covid-19

A prefeita de Bacabeira, Fernanda Gonçalo usou de dispensa de licitação para contratar empresa para a aquisição de materiais permanentes e equipamentos para atendimento às ações de enfrentamento à Covid-19. Acontece que o contrato, no valor de R$ 317.051,79 beneficia empresa própria da família Gonçalo: a Dipromedh Distribuidora de Medicamentos e Produtos Médicos Hospitalares.

A gestão municipal de Fernanda Gonçalo é um dos alvos da operação Falsa Esperança, da Polícia Federal, articulada com o objetivo de desarticular associação criminosa voltada a fraude em licitações e desvio de recursos públicos federais, que seriam usados no enfrentamento do novo coronavírus (COVID-19).

A Dipromedh Distribuidora de Medicamentos e Produtos Médicos Hospitalares foi fundada pelos irmãos médicos Hilton Gonçalo de Sousa e Geires Maria Gonçalo de Sousa Pires. Embora atualmente não seja diretamente administrada por eles, a empresa continua sob posse da família e possui contrato com diversas prefeituras maranhenses. Em Bacabeira, a prefeita Fernanda Gonçalo, esposa de Hilton Gonçalo, realizou a contratação da empresa por meio da Dispensa de Licitação n° 009/2020.

Também possui contrato com a empresa a irmão de Hilton Gonçalo, Iriane Gonçalo, prefeita de Pastos Bons. A Dipromedh não poderia ter sido contratada por nenhuma das prefeituras administradas pela irmã e esposa de Hilton Gonçalo, pois, a prática indica ofensa à moralidade pública, Improbidade Administrativa, e ainda, aponta para atos de corrupções e desvios de dinheiro público.

1 pensou em “Fernanda Gonçalo beneficia empresa da própria família com dinheiro de combate à Covid-19

  1. Será que esse caso vai ter um final feliz pra população de Bacabeira, Santa Rita e os outros municípios que estão no mesmo esquema de corrupção desse mesmo grupo de gangsters? Pois os mesmos são muito influentes a alguns personagens de grandes poderes do Judiciário e da política maranhense.

Deixe uma resposta