Encontro eleitoreiro, leva prefeituras câmaras municipais e vereadores a gastos exorbitantes .

Mais de 1000 se inscreveram para o Encontro com Vereadores e Vereadores do Maranhão, que acontece a partir das 9h de hoje no Multicenter Sebrae, com a abertura feita pelo governador Flávio Dino. Ate aqui tudo bem, tudo bacana. Ocorre que prefeituras e Câmaras Municipais tiveram que bancar passagens, combustíveis e hospedagens, um gasto nas alturas, mas que vai proporcionar um bom rendimento para o setor hoteleiro e aos cabarés da capital.

Flávio Dino no Palácios dos Leões com convidada de vereadores de Imperatriz

Em cada Câmara Municipal no Maranhão o menor número de vereadores chega a 9, enquanto que nas grandes cidades registra 13. São 217 municípios. Para chegar até São Luis participando de encontros oficiais, eles terão direito a diárias. Como as Câmaras não têm recursos de sobra, o jeito mesmo é esperar que as prefeituras injetem dinheiro extra.

Um vereador deve gastar oficialmente cerca de R$ 300 por dia, fora os extras no comércio e até nas casas de prostituição, coisas que alguns adoram.

Quem não meteu a mão no bolso e deve faturar mesmo é o governador que espera ser babado durante o evento e vender seu peixe para garantir resultados satisfatórios em 2018.

Se existisse seriedade na intenção, Flávio Dino poderia visitar cada Câmara Municipal em um prazo de 90 dias (intercalando da forma que bem entendesse) e poderia discutir com os vereadores a cidade e seus problemas.

Quando candidato, ele assim o fez com os seus “Diálogos Pelo Maranhão”, que resultaram mesmo em “Conversas e Embromação”

Deixe uma resposta