Na administração Diva Silva, Centro Novo vive um dos piores momentos de sua história

O município de Centro Novo atualmente administrado pela prefeita Diva Silva, vive em sua gestão os piores dias da sua história, são inúmeros os reclames da população que já não tem mais a quem recorrer.

Saúde

A falta de remédio no único ponto de atendimento do município, além da falta de profissionais capacitados para atender com eficiência a população.

Bandalheira

Os professores  reclamam das condições de trabalho, o blog recebeu denúncias que até material didático falta, a merenda escolar que deve ser comprada com recursos federais, está escassa e com pouca qualidade nutricional,na assistência social os programas existentes no município não funcionam, de acordo com denúncia feita,uma moradora do município relata, “ eles fazem política nessa Secretaria, e essa realidade não é só nesse governo isso é antigo…” Falou indignada a senhora. Um dos maiores exemplos de descasos na gestão de Diva no município de Centro Novo são as fotos que ilustram esse pôster, essas estradas totalmente intrafegáveis são de uma estrada  que liga a sede de Centro Novo do Maranhão ao povoado Chega Tudo.

Contratos Milionários

 O que não falta em Centro Novo são verbas e processos licitatórios milionários, o blog já fez varias denúncias e o Ministério Público ainda não se pronunciou, são contratações e mais contratações milionárias, um verdadeiro “derrama” de dinheiro público, enquanto isso a população sofre, sem educação, saúde, infraestrutura e outros direitos básicos que estão sendo tirados do povo pela gestão. 

CHAMEM O MP! Sem construir nada de relevância, prefeita de Centro Novo contratou por mais de 1 milhão empresa de construção.

A Prefeitura de Centro Novo, conduzida pela prefeita Maria Teixeira Silva da Silva (DIVA) ,gastou a expressiva quantia de R$ 1.073.963,00 (um milhão, setenta e três mil e novecentos
e sessenta e três reais) em apenas um contrato no ano de 2017 com aquisição de material de construção.
O contrato foi celebrado  com a empresa GBARBOSA E CIA LTDA – ME, e  vigorou até o dia 31 de dezembro do ano anterior. 
O que “confunde” nisso tudo é que de acordo com informações obtidas pelo Blog nem uma obra importante foi executada no município através da prefeitura se não algumas reformas, essas que obtiveram empresas que ganharam as licitações e”realizaram” as reformas, o Ministério Publico tem que ficar de “olhos bem abertos” e exigir a explicação devida da gestora.
No contrato não especifica de  qual área saiu os recursos para pagar a empresa, se foi do FUNDEB, cabe a Policia Federal averiguar de perto a situação.
Veja os extratos: