Arrolado em diversos esquemas de corrupção, Paulo Veloso perde força politica em Pio XII

No município de Pio XII, o ex prefeito Paulo Veloso que foi afastado em seu mandato do cargo diversas vezes por fraudes na merenda escolar, ainda tenta retomar ao poder no município. No entanto a situação de Veloso é complicada, primeiro porque depois de ter cometido inúmeras “atrocidades” quando prefeito pode estar inelegível agora.

A gestão de Veloso no município de Pio XII foi marcada por esquemas de corrupção dos mais diversos tipos, o Ministério Público denunciou veloso varias vezes e sempre por esquemas imorais de desvio de dinheiro público, no esquema de fraudes na merenda escolar, por exemplo; O MP-MA) solicitou, em Ação Civil Pública o afastamento de veloso, segundo o órgão ministerial, na época, um conjunto de irregularidades em licitações para fornecimento de merenda escola foi constatado na prefeitura. Paulo Veloso e outras 10 pessoas, entre agentes públicos e empresários, também foram acionadas.

O esquema funcionava assim; Os acusados superfaturavam os preços, entregavam  produtos da merenda de marcas diversas das exigidas nas licitações, itens não entregues ou enviados em quantidades menores, gêneros alimentícios em condições impróprias ao consumo ou em armazenamento inadequado.  Após as investigações, o Ministério Público conseguiu identificar diversas fraudes nos contratos para fornecimento de merenda escolar, que poderiam gerar um prejuízo ao erário municipal da ordem de R$ 4.615.816,00. E não para por ai, o MP também denunciou Paulo Veloso por irregularidades em licitações para pavimentação de vias, mais isso o blog vai discorrer depois.

Agora, Paulo, tenta retomar ao poder já nas eleições de 2020, porém na eleição de 2018, o grupo de Veloso mostrou que perdeu força no município, ficando apenas em terceiro lugar na votação para deputado federal, em primeiro ficou o grupo do empresário Aurélio da farmácia, que superou até o grupo de Carlos do Bine atual prefeito, que utilizou toda estrutura do município para tentar “arrancar” votos para seu candidato. Os rumos da politica em Pio XII realmente mudaram e pelo visto a população não quer mais a “velha politica” a frente do executivo.

Servidores recorrem ao MP para receberem salários atrasados em Pio XII

Carlos do Bine

O Ministério Público do Maranhão por intermédio do Titular da Promotoria de Justiça da Comarca de Pio XII , Thiago Lima Aguiar, resolveu instaurar inquérito para acompanhar e fiscalizar a TAC (Termo de Ajustamento de Conduta) firmada entre a promotoria do município e o prefeito Carlos Alberto Gomes Batalha o “Carlos do Bine.”

O procedimento administrativo é o instrumento destinado a acompanhar a fiscalização de instituições,
políticas públicas e fatos, bem como o cumprimento das cláusulas de termo de ajustamento de conduta e apurar fato que enseja a tutela de interesses individuais indisponíveis.

Baseado nisso o MP Instaurou um procedimento administrativo visando o acompanhamento e fiscalização do TAC nº 001/2019- PJPIOXII que dispõe sobre o pagamento dos salários atrasados dos servidores públicos municipais da saúde de Pio XII/MA.

Para auxiliar nas investigações o MP nomeia, como secretário, a servidora Roseane Rodrigues de Oliveira, Técnica Ministerial –Administrativo, o qual deverá adotar as providências de praxe. Ficou ainda ordenado que, autue-se e registre-se em livro próprio,procedendo em conformidade ao que preconiza a Resolução nº 023/2007 CNMP. Encaminhe-se cópia da presente ao Setor de Coordenação de Documentos e Biblioteca bem como à Biblioteca para fins de publicação, anexando, também, cópia no átrio desta Promotoria de Justiça pelo prazo de 15 (quinze) dias.

O MP acompanha de perto a situação dos atrasos salariais na área da saúde do município, o problema é que de acordo com denuncias recebidas pelo blog, todas as áreas do funcionalismo publico comandado por Carlos do Bine está sem receber seus salários. Acompanharemos o caso de perto.

Carlos do Biné desaparece de PIO XII e deixa município em situação de calamidade

 

Pio XII pede socorro. A cidade está abandonada pelo poder público municipal. Todos os serviços públicos de competência da prefeitura funcionam precariamente. O infortúnio está em todas as áreas: estradas intrafegáveis, ruas e avenidas esburacadas, praças abandonadas, esporte esquecido, educação pública precária e serviços de saúde deficitários.

As promessas milagrosas de Carlos do Biné (PCdoB), durante a campanha, se transformaram em pesadelo assim que ele colocou a faixa de prefeito. Carlos do Biné prometeu amparar os jovens, gerar empregos, desenvolver o município, apoiar o esporte, estimular a cultura e elevar a qualidade de vida da população. Nada fez.

Em vez de pôr em prática medidas administrativas capazes de transformar as promessas em atos benéficos para a população o prefeito passou a demitir servidores públicos municipais e intimidar desafetos segundo denúncias que chegam ao blog.

Desilusão, sofrimento e falta de perspectivas. Essa é a realidade hoje, especialmente dos jovens que acreditaram nas espalhafatosas promessas de campanha. O estado de abandono das áreas destinadas a práticas esportivas confirma o total desrespeito aos jovens.

Sem escolas de qualidade, sem oportunidade de trabalho e sem o prometido apoio, muitos jovens partiram em busca de oportunidades e os que ficaram pouco podem esperar, pois a ociosidade e a falta de perspectivas é um campo fértil para a propagação e uso de drogas e prática de violência, situação que em Pio XII hoje atinge índices alarmantes. Arruinada pela incompetência do prefeito.

O blog ainda recebeu denuncias de uma media imposta pela gestão antes mesmo de aprovação na Câmara de vereadores, medida essa que deve levar a cassação do diploma de prefeito de Carlos do Biné,mais isso é assunto para uma próxima matéria..

Pio XII pede socorro!