Após fortalecer vínculos com lideranças políticas, deputado Hemetério Weba retorna às atividades parlamentares na Assembleia Legislativa do Maranhão

Deputado Hemetério Weba de volta aos trabalhos, aproveitou o recesso para fortalecer seus laços, visitando as regiões, prestigiando alguns eventos, bem como acompanhou a vitória do time.
O parlamentar contou que utilizou esse tempo para aproveitar um pouco com sua família, mas sem deixar o trabalho com povo de lado e contou que aproveitou este tempo para rever demandas de alguns municípios da região Alto Turi entre eles, Nova Olinda.
“Eu chego com muito entusiasmo com muita animação para fazer um grande trabalho da forma que já vem fazendo nesse Estado e eu nesses 15 dias que passei de recesso e aproveitei para visitar os meus municípios tanto da região do Alto Turi, como da Baixada maranhense e da região do Mearim. E hoje estou retornando a casa para conversar e começar a desenvolver o nosso trabalho, analisar prioridades e tudo aquilo que possa contribuir para o desenvolvimento do nosso Estado.”
Na oportunidade, o deputado estadual Hemetério Weba ainda ressaltou como Nova Olinda do Maranhão vem se desenvolvendo e tomando proporções de Metrópole regional, e como a população tem estado satisfeita com liderança da Prefeita Iracy Weba:
“E como a cidade se tornou um dos municípios mais bem organizados que temos na região do Alto Turi, claro que sem desmerecer os demais mas desde que a prefeita assumiu, reorganizou o município, colocando-o no trilho desenvolvimento, bem como normalizou o pagamento do funcionalismo público, algo raro na gestão anterior”, declarou o deputado.
Hemetério Weba ainda falou da implantação da TV de Nova Olinda do Maranhão:


” Nós estamos aguardando ainda a emissora que é a dona do outorga organizar para que a gente possa então inaugurar a TV Cidade Nova Olinda do Maranhão com toda sua perspectiva necessária”, palavras do deputado.

Prefeito Plácido atrasa pagamentos de funcionários em Santa Luzia do Paruá’ e segue contribuindo com a fome no município.

Com várias contas a honrar os servidores públicos de Santa Luzia do Paruá estão vivendo dias de incerteza. Enquanto praticamente todos os gestores da região estão honrando os períodos de pagamento salarial, muitas vezes inclusive chegando a antecipá-los (exemplo: Nova Olinda), o prefeito Plácido Holanda resolveu buscar um bode expiatório longe para colocar a culpa, a culpa dessa vez recaiu sobre o atual presidente do Brasil e sobre a crise.
Em recente entrevista vinculada em uma rádio local, o prefeito chegou a culpar Michel Temer, falou em possíveis demissões que podem acontecer devido ao mal planejamento feito pela gestão, e liberou promessas a funcionários pedindo paciência aos mesmos para que o pagamento fosse depositado nos próximos dias.
Não vendo alternativa após uma grande pressão encabeçadas pelos próprios aliados e sindicalistas do SINPROESSEMA, o gestor se viu obrigado a fatiar os pagamentos o que causou desconfiança na população.
O discurso não convenceu “gregos e troianos”, e inflamou ainda mais a ira dos funcionários que estavam acostumados a receber seus vencimentos de forma pontual. Em rodas de conversas, o codinome do gestor chegou até ser alterado de “liso” para velhaco” e serviu para a produção de uma série de piadas sobre a desastrosa administração.

Salve-se quem puder! Justiça autoriza saída temporária de 588 presos de Pedrinhas

pedrinhas
588 presos serão beneficiados com a saída temporária do dia dos Pais. A portaria foi publicada pela 1ª Vara de Execuções Penais da Comarca da Ilha de São Luís (VEP), que foi assinada ela juíza titular Ana Maria Almeida, determina a saída às dez horas da manhã desta quarta-feira, dia 9, e o retorno até as 18 horas da terça-feira, dia 15.
A portaria esclarece que os beneficiados não poderão se ausentar do Maranhão, bem como não frequentar festa, bares e similares. Os presos estão proibidos de portar arma ou ingerir bebidas alcoólicas, e devem recolher-se às suas casas até as oito da noite. Os dirigentes das unidades prisionais deverão comunicar junto à 1ª Vara de Execuções Penais, até as 12h do dia 15, sobre o retorno dos internos e/ou eventuais alterações. A saída temporária de presos encontra respaldo na Lei 7.210/1984 (Lei de Execuções Penais).
Sobre a saída de presos, a VEP cientificou a Secretaria de Estado de Segurança Pública, Secretaria de Estado de Administração Penitenciária, Superintendência da Polícia Federal, Superintendência de Polícia Rodoviária Federal, e diretorias dos estabelecimentos penais de São Luís, para operacionalização das medidas estabelecidas na portaria.
A Lei de Execuções Penais (LEP), de 11 de julho de 1984, trata do direito do reeducando (condenado e internado) nas penitenciárias brasileiras e da sua reintegração à sociedade. Sobre a saída temporária de apenados, ela cita no artigo 122: “Os condenados que cumprem pena em regime semiaberto poderão obter autorização para saída temporária do estabelecimento, sem vigilância direta, nos seguintes casos: Visita à família; Frequência a curso supletivo profissionalizante, bem como de instrução do 2º grau ou superior, na Comarca do Juízo da Execução; Participação em atividades que concorram para o retorno ao convívio social”.
Já o artigo 123 da mesma lei versa que “a autorização será concedida por ato motivado do juiz responsável pela execução penal, ouvidos o Ministério Público e a administração penitenciária e dependerá da satisfação dos seguintes requisitos: Comportamento adequado; Cumprimento mínimo de 1/6 (um sexto) da pena, se o condenado for primário, e 1/4 (um quarto), se reincidente; Compatibilidade do benefício com os objetivos da pena”.
Em parágrafo único, a LEP ressalta que ausência de vigilância direta não impede a utilização de equipamento de monitoração eletrônica pelo condenado, quando assim determinar o juiz da execução penal.

Por falta de 01 pneu e bateria, viatura da Guarda Municipal de Pinheiro está parada a mais de três meses.

Mais uma

 vez o prefeito de Pinheiro mente a população pinheirense. Em entrevista na manhã deste sábado (05) ao Programa “Tá na Mídia” na Cultura FM com o apresentador Sérgio Murilo, o prefeito afirmou que as viaturas da Guarda Municipal de Pinheiro estão em perfeitas condições de uso e servindo a população.
Na tarde desta segunda-feira (07) o Blog recebeu denuncia informando que a viatura citada em entrevista pelo prefeito, está parada a mais de três meses por fala de 01 pneu e bateria.
A viatura está abandonada ao lado da nova rodoviária de Pinheiro no Bairro do Campinho. Enquanto  a viatura da GM está parada por falta de pneu e bateria, empresas faturam quase 1 milhão da prefeitura de Pinheiro para reposição de peças em veículos das secretarias municipais.
Contratos:
A prefeitura de Pinheiro firmou dois contratos com empresas de Pinheiro   especializadas para prestação de serviços continuados de “manutenção preventiva e corretiva de veículos leves e pesados e serviços de reboque”, com execução mediante o regime de execução indireta, para atender às necessidades da Administração Pública do município de Pinheiro-MA.
Os contratos somam mais de 800 mil reais. A Empresa J. C. DAVILA-ME “ EXPRESS CAR” que tem como endereço a Avenida Paulo Ramos no bairro de Santa Luzia em Pinheiro  vai faturar R$ 477.700,00 (quatrocentos e setenta e sete mil e setecentos reais) enquanto a Empresa S. M. M. MUNIZ-ME “VITAL CAR” na Avenida Frederico Peixoto no cento de Pinheiro vai faturar  R$ 370.810,00 (trezentos e setenta mil, oitocentos e dez reais).

Em Zé Doca prefeita Josinha Cunha ao lado de Detinha, secretários e vereadores prestigiam pais da zona rural

 O último fim de semana ficou marcado na história do município de Zé Doca. A prefeita Josinha Cunha acompanhada da ex-prefeita de Centro do Guilherme e esposa do deputado estadual Josimar de Maranhãozinho Detinha, secretários e vereadores estiveram visitando vários povoados onde homenagens aos pais aconteceram. A organização do evento ficou por conta da SEMED, onde a equipe da secretária de educação Sônia Maria se empenhou ao máximo para que os pais da zona rural tivessem um dia especial.
A maratona começou na sexta feira (05), no Povoado Josias com Café da Manhã, ao meio dia na Associação da Vila Boa Esperança com sorteio de brindes e um almoço.  À noite a homenagem foi na escola Francisco Canindé, no Bairro São Francisco com várias homenagens dos filhos para os pais, jantar e música ao vivo. 
No sábado as visitas continuaram, a primeira comunidade visitada foi a de Paraíso do Sobral, onde pela primeira em toda sua história aconteceu uma homenagem aos pais. Teve várias dinâmicas, homenagens e sorteio de brindes. “Para nós aqui é uma jóia viu? receber a visita da prefeita e sua equipe, nunca na vida recebemos homenagens no dia dos pais, mas esse dia com a Josinha chegou, estou feliz demais,” disse o lavrador Albino Fernandes.
No Quinto Braço um delicioso almoço foi oferecido aos pais da comunidade. O clima era de confraternização, homenagens e teve também sorteio de brindes. 
No Rio do Sangue a organização caprichou na decoração da escola. Os pais foram recepcionados com muita festa e teve várias dinâmicas com eles. Finalizando o momento um lanche muito especial foi servido e para os pais, o sentimento de serem lembrados pela primeira vez no seu dia, foi algo especial.  O pai Paulo Henrique de Sousa elogiou a iniciativa inédita e afirmou estar feliz com o momento. “Muito feliz com esse momento que é inédito para nós, agradeço muito a prefeita pelo trabalho que vem realizando e pela bela homenagem.”
Na Ebenézia o clima não foi diferente. A escola da comunidade estava muito bem ornamentada e além dos pais, famílias inteiras participaram da festa.  As homenagens vieram de todas as formas, através de declarações, música, recitais, apresentações e ainda teve brincadeiras e sorteio de Brindes. Para a ex-prefeita Detinha, a iniciativa da prefeita é uma clara demonstração de compromisso e amor para com o povo de Zé Doca. “A prefeita Josinha está de parabéns com a iniciativa. Isso demostra o seu compromisso e amor por esse povo que por muito tempo ficou esquecido, é muito gratificante ver o sorriso desses pais, homens valorosos que merecem todas as nossas homenagens.”
No domingo dois povoados foram visitados pela prefeita Josinha e sua equipe de governo. No período da tarde a festa aconteceu em Igarapé do Meio, seguindo o padrão das demais com dinâmicas, homenagens e sorteio de brindes, além de um delicioso lanche.
Fechando as comemorações do fim de semana o povoado de Nova Conquista foi o último visitado. A festa foi completa com muitas homenagens e vários sorteios. Segundo os pais, essa ação é algo inédito no município e que com certeza agradou a todos.  A prefeita Josinha Cunha, mesmo muito cansada da intensa jornada demonstrava um entusiasmo empolgante. “É cansativo, mas a alegria desses pais não tem preço. Estou muito feliz por esse momento e pretendo fazer dessa data uma tradição forte em Zé Doca, aqui deixo minha mensagem de amor e respeito para esses homens que tanto contribuíram e contribuem para o progresso da nossa cidade.”

Publicitário é assassinado em casa de deputado federal do Maranhão

Sérgio Ferreira,63 anos, era publicitário e estava residindo numa casa do deputado federal Cléber Verde onde foi encontrado com o corpo em adiantado estado de putrefação. Na quinta-feira, um homem foi visto pulando o muro da casa e um facão foi achado ao lado do corpo.
Um amigo do publicitário foi hoje pela manhã lhe visitar e achou estranho ele não ter respondido aos telefonemas desde sexta-feira. Ele chamou a polícia, que encontrou o corpo do na área externa da casa, próximo a garagem, no bairro Maranhão Novo, em Imperatriz.
Natural do Paraná, Sérgio Ferreira, estava há oito meses  em Imperatriz numa casa de propriedade do deputado federal Cléber Verde, onde funcionava a Rádio Carajás. Verde esteve no local e elogiou o trabalho do publicitário, que, ultimamente criava sites e rádio web para vários parlamentares.
A polícia iniciou os primeiros levantamentos sobre o caso, mas tudo indica que foi latrocínio por causa das denúncias de que um homem havia pulado o muro da casa e o facão encontrado ao lado do corpo.

Velhaco? Luciano Genésio não paga aluguel de prédio em Pinheiro e ainda “leva o dono do imovel na Policia”

Depois de ter sido caloteado pelo prefeito de Pinheiro, o Sr. José Ribamar Ferreira Pinto, conhecido como (Guerinho), foi intimado a comparecer na Delegacia Regional  para uma audiência com o delegado Dr. Carlos Renato e o procurador da prefeitura da cidade.
Guerinho é proprietário de uma residência na Rua Dom Pedro no Bairro João Castelo em Pinheiro. O prédio estava alugado para prefeitura da cidade, no local funcionava o Programa Saúde da Família (PSF) do referido Bairro.
Depois de 5 meses sem receber  aluguel do imóvel, Guerinho trocou os cadeados e passou a corrente no portão. Fato esse ocorrido no dia 07 de junho (reveja aqui).

Imóvel do Sr. José Ribamar Ferreira Pinto (Guerinho) na Rua Dom Pedro no Bairro João Castelo
Segundo a procuradoria do município, dentro do prédio ficou alguns moveis e outros pertencentes da secretaria de Saúde de Pinheiro. O proprietário teria lacrado a casa com os pertences dentro como forma de garantia de seu pagamento que até a presente data não aconteceu.
A audiência do Sr. José Ribamar Ferreira Pinto (Guerinho), estava marcada para acontecer as 10h da manhã desta sexta-feira (04) mas o advogado do mesmo entrou com um pedido de adiamento e acontecerá nesta terça-feira (07).
O proprietário do imóvel espera que o procurador do município leve em mãos o valor referente aos 5 meses do aluguel para que o acordo seja firmado.
Alem do caos instalado por Genésio em Pinheiro as pessoas ainda tem que conviver com o medo da forte repressão do prefeito ostentação, a quem não reza sua cartilha.
O Blog do Werbeth Saraiva tem recebido diariamente inúmeras denuncias de pessoas do município de Pinheiro, inclusive servidores contratados da saudê que estão sem receber os seus salários triste viu!

Cidade de Matões sofrerá intervenção do Estado por não pagar dívida de R$ 247 mil

m_07082017_0920
Os desembargadores das Primeiras Câmaras Cíveis Reunidas do Tribunal de Justiça do Maranhão (TJMA) julgaram procedente uma representação para intervenção do Estado no município de Matões, em razão de descumprimento de ordem judicial. A decisão unânime não afasta o prefeito do cargo e é com o fim específico de assegurar que a administração municipal pague precatório no valor de R$ 247.417,86, devido ao Estado.
O desembargador Vicente de Paula Gomes de Castro, relator da representação interventiva, determinou que a decisão seja comunicada ao governador do Estado, a quem cabe decretar e executar a intervenção. Os autos serão encaminhados ao presidente do TJMA, desembargador Cleones Cunha, a quem compete comunicar o teor da decisão ao chefe do Executivo.
De acordo com o voto do relator, o fundamento da medida está relacionado com o descumprimento de ordem judicial relativa a precatório datado de 2003. Castro verificou que o município de Matões possui dívida, oriunda de sentença transitada em julgado, que originou o precatório, pendente de pagamento desde o ano de 2004, situação que configura patente transgressão à Constituição Federal, bem como à Estadual, ante o comportamento recalcitrante de inadimplência.
O município sustentou a inclusão da despesa no orçamento para o exercício financeiro de 2013, mas o relator, de acordo com o parecer do Ministério Público do Maranhão (MPMA), entendeu que a mera inclusão não se mostra suficiente para afastar a inadimplência.
Vicente de Castro disse que, mesmo tendo oportunidade, em mais de uma ocasião, de demonstrar, por meio de documentos, o pagamento da dívida existente, o município limitou-se em insistir que o débito era de responsabilidade de gestão anterior.
Além de registrar a ausência de pagamento, o relator considerou inexistente qualquer justificativa capaz de afastar a medida pleiteada pelo Estado, entendendo que o município demonstrou patente descaso ao agir como se o cumprimento da determinação judicial dependesse da conveniência do gestor.
Após citar decisões semelhantes do próprio TJMA, o desembargador Vicente de Castro destacou não ser o caso de regime especial de pagamento, uma vez que o município não se manifestou pelo parcelamento, e também entendeu não caber a determinação de sequestro ou bloqueio de verbas públicas, diante da ausência de pedido pela parte credora, sendo, além disso, medida de atribuição da Presidência do Tribunal.
O relator votou pela procedência da representação, para reconhecer a pertinência da intervenção estadual no município de Matões, a fim de que seja efetivado o pagamento do precatório em favor do Estado. O voto, de acordo com o parecer da Procuradoria Geral de Justiça, foi acompanhado pelos demais desembargadores presentes. (Protocolo nº 31.316/2011)

Equipe do AJAX se sagra a campeã da Taça Cidade 2017, em Nova Olinda do Maranhão

O campeonato organizado pela Secretaria de Esporte e Lazer (comandada pelo secretário Cicero Ferraz) se encerrou em grande estilo na tarde deste domingo (06) no Estádio Mangueirão. As equipes do Ajax e do NOEC protagonizaram um jogo disputado que ao final acabou coroando a equipe do AJAX como a vencedora ao vencer pelo placar de 2 a 0. A prefeita Iracy Weba não pode estar presente no evento devido a problemas físicos mas mesmo com as limitações, agradeceu o empenho de todos os que contribuíram para que o campeonato fosse um sucesso. O evento diga-se de passagem teve apoio total da Prefeitura Municipal de Nova Olinda que na administração Iracy Weba, segue incentivando o desenvolvimento do esporte local.