Denasus aponta irregularidades em licitação de R$ 14,1 milhões na gestão de Edvaldo Júnior

O Departamento Nacional de Auditoria do SUS (DENASUS) detectou irregularidades em processo licitatório milionário celebrado entre a Prefeitura de São Luís, por meio da Secretaria Municipal de Saúde (SEMUS), e o Centro de Olhos Maranhense, localizado no Centro da capital maranhense.

A fiscalização ocorreu entre os dias 7 e 8 de agosto de 2017 após pedido do Tribunal de Contas da União.

Segundo relatório, obtido pelo Blog, em 2014, a SEMUS contratou a clínica de oftalmologia pelo valor de R$ 14.137.315,80 (quatorze milhões, cento e trinta e sete mil, trezentos e quinze reais e oitenta centavos) e aditou esse contrato por duas vezes, sendo o primeiro termo aditivo celebrado em 12 de novembro de 2015 no valor de R$ 5.709.252,48 milhões e o segundo no dia 12 de novembro de 2016 no valor de R$4.757.710,40 milhões.

A equipe de auditoria solicitou todo o processo, mas o gestor da SEMUS apresentou apenas três volumes, bem como o 1º e o 2º Termos Aditivos, gravados em mídia, a ausência do quarto volume impossibilitou a análise completa do procedimento licitatório.

Ao analisar os documentos entregues pela Secretaria de Saúde, os auditores constataram irregularidades que infringem a Lei nº 8.666/1993, entre elas estão: o procedimento da licitação está autuado, protocolado, porém algumas folhas estão rasuradas, não constam do processo cópia da publicação resumida do instrumento de contrato e de seus aditamentos na Imprensa Oficial.

Ainda segundo o DENASUS, os Termos Aditivos foram firmados entre Helena Maria Duailibe Ferreira, a então Secretária Municipal de Saúde e Tânia Regina Sampaio Logrado de Aguiar, Diretora do Centro de Olhos Maranhense Ltda.

Vereador de Slz é preso com “bolo” de dinheiro e “santinhos”

A Polícia Militar apreendeu R$ 8 mil em dinheiro vivo com o vereador Genival Alves (PRTB), na manhã deste domingo (7).

Ele foi preso por suspeita de compra de votos e encaminhado à Polícia Federal

Além do dinheiro, foram apreendidas listas de eleitores.

Polícia prende Homem que estaria “comprando” votos para candidato Airton Marques em Carutapera

Um Homem ainda não identificado pelo blog foi preso na manhã de hoje (07) pela polícia civil de Carutapera. 

 Segundo relatos de agentes que participaram da prisão o Homem estava com muito dinheiro trocado e uma sacola de santinhos. 

 Segundo informações os “santinhos” eram do médico e candidato a deputado estadual Airton Marques e do candidato a deputado Federal Simplício Araújo. 

 O Homem permanecerá detido na delegacia do município. 

ABRE O OLHO ELEITOR! Candidato à deputado federal com grande lista de processos na justiça

O ex-prefeito de Miranda do Norte, Junior Lourenço mesmo com uma lista de processos em diversas áreas, até mesmo na esfera penal, deseja se tornar Deputado Federal, o mesmo concorre às eleições correntes à Câmara Federal.

Júnior Lourenço conhecido dos mirandense-do-norte já teve bens bloqueados no valor de R$ 10 milhões. Também conhecido como ‘Rei dos Convênios’, é suspeito de desviar verbas do Fundeb, e tempos atrás, teve o pedido de seus direitos políticos suspensos pelo Ministério Público.

No cenário da política atual onde os eleitores clamam por no mínimo bons antecedentes de seus futuros representantes, o candidato acima citado, deixa seus eleitores “com um pé atrás” sobre sua possível eleição.

BOMBA! Médico Leonardo Sá tem nome vinculado a fraude previdenciária

O Médico Perito do INSS e candidato à Deputado Estadual pelo PRTB, Dr. Leonardo Sá, teve seu nome ligado á supostas fraudes previdenciárias.

Ocorre que na cidade de Pinheiro – MA, aduzem que ele concedeu um laudo pericial para um de seus apoiadores. Trata-se de Jaelson (ex-vereador), no laudo em questão, haveria alegado que este não estaria apto a exercer suas atividades habituais de trabalho e tampouco, as funções do dia-a-dia.

Segundo apurado, o beneficiário do auxílio doença não possuí qualquer patologia ou restrição médica que o impossibilite de exercer suas atividades. Haja vista, que o mesmo participa de forma integral da campanha do candidato Leonardo Sá.

Resta agora às autoridades competentes investigar de perto e com atenção esse caso, onde são notoriamente sabidas as fraudes que ocorrem no INSS, Brasil á dentro.

Denúncia! Contratados já estão com salários atrasados novamente em São João Do Caru

Em menos de 3 meses que reassumiu o município de São João do Caru o prefeito Xixico parece já está “metendo os pés pelas mãos” novamente. 

 O blog recebeu inúmeras ligações nos últimos dias de funcionários contratados do municípios que denunciam que além de não contarem com condições apropriadas para trabalhar, o salário que é direito deles e dever do gestor pagar, já está atrasado novamente. 

 E o pior é que não se tem para quem recorrer, já que a justiça parece está “vendada” para a série de desmandos que vem cometendo o prefeito. 

CARUTAPERA! Empresário enrolado em licitação fraudulenta paga R$ 15 para quem “levantar” bandeiras de candidatos em comício

Sem prestígio e envolvido em licitações fraudulentas na antiga gestão do município de Carutapera, o comerciante Cordeiro “correu” contra o tempo para não passar vergonha em uma caminhada que o mesmo resolveu fazer para seu mais novo candidato Roberto Costa. 

 O blog foi informado que a quantia de 15 reais foi paga para pessoas segurarem bandeiras com números e fotos do candidato de Cordeiro. 

O evento não passou de vexatório pelo nível de esculhambação. Cordeiro mostrava a população o claro descontentamento em se encontrar fora da administração e não mais obter vantagens em certames licitatórios que no passado ocorria e sua empresa coincidentemente sempre vencia, como revelou uma auditoria do Tribunal de Contas do Estado, TCE.

 O discurso era de desespero e despreparo. O blog ainda foi informado que o comerciante gritava e esbravejava esculhambando a atual gestão, tudo por abstinência de privilégios. 

Veja o “vale bandeira” distribuído por cordeiro:

VERGONHA! Prefeitura de Godofredo Viana tem energia cortada por falta de pagamento

O prédio da Prefeitura Municipal de Godofredo Viana  teve seu fornecimento de energia elétrica cortado pela Cemar nesta quarta feira (03).

O blog teve conhecimento que á muitos meses que a prefeitura não faz o pagamento da sua conta de energia a empresa, que foi obrigada a fazer o corte dos fios de alta tensão que abastecem o prédio. 

Essa é a primeira vez em toda a história do município que um prédio público tem seu fornecimento elétrico suspenso por falta de pagamento, vexame para o prefeito Sissi Viana.

Dispensa de licitação na AL/MA rende R$ 3,2 milhões em contratos para Unihosp

Parecer jurídico alega incerteza se a realização de procedimento licitatório não sofrerá impugnação ou outro agravo. Othelino Neto e Elie Georges Hachem seriam amigos.

Sob a alegação de preocupação com os servidores e a segurança de um parecer jurídico que aduz não ter certeza se a correta realização de um procedimento licitatório não sofrerá impugnação ou outro agravo, a Assembleia Legislativa do Maranhão já celebrou pelo menos dois contratos emergenciais com a empresa Unihosp Serviços de Saúde Ltda.

Os contratos foram celebrados em fevereiro e agosto deste ano, entre o presidente da Casa, deputado Othelino Neto (PCdoB), e o diretor-presidente da prestadora de serviços, Elie Georges Hachem, respectivamente, aos valores de R$ 1.752.000,00 e 1.460.000,00 – baixe a cópia do primeiro e do segundo contrato.

Pela legislação, a contratação pode ser enquadrada como ilícita, e os envolvidos em ato de improbidade administrativa, por ferir a lei n.º 8.666/93, a chamada Lei de Licitações. Othelino e Elie, inclusive, seriam amigos.

Há a promessa, por parte do Palácio Manuel Beckman, de que uma licitação prometida para sair desde outubro do ano passado, finalmente seja concluída ainda este ano.

Até lá, a Unihosp segue faturando.

ATUAL7

Posto de Saúde do município de Santa Luzia do Paruá recebe 200 mil de fundo a fundo da SES

O município de Santa Luzia do Paruá administrado pelo prefeito Plácido Holanda recebeu de fundo a fundo da Secretaria de estado de saúde (SES) uma segunda parcela no total de 200 mil reais.

O recurso deve ser usado para ações da saúde na unidade mista do “Paruá ditoso ferraz.”

Segundo fontes ligadas ao blog do Werbeth Saraiva a unidade está em completo abandono, faltando desde medicamentos a médicos para atender a população. Resta o Ministério Público apurar onde está sendo usado os recursos destinados a saúde do município.